Tag: pele fototipo III

EFICÁCIA DO MICROAGULHAMENTO PARA MELASMA COM VITAMINA C TÓPICA

EFICÁCIA DO MICROAGULHAMENTO PARA MELASMA COM VITAMINA C TÓPICA

A Vitamina C aplicada topicamente tem demostrado grande eficácia no tratamento do melasma e outras patologias cutâneas. Potente antioxidante, a Vitamina C é capaz de manter em estado reduzido os compostos intermediários do processo de síntese de melanina, além de reduzir a expressão de marcadores inflamatórios na pele e reduzir a expressão de sinalizadores de indução da melanogênese através de inúmeros mecanismos, alguns dos quais ainda não completamente elucidados.

Microagulhamento para Melasma Funciona?

O microagulhamento, técnica que consiste na introdução controlada de microagulhas nas diversas camadas da pele, também conhecido como terapia de indução de colágeno, é também uma técnica capaz de fazer o chamado “drug delivery” aumentando a permeação de produtos aplicados durante o procedimento a fim de se aumentar sua eficácia e proporcionar melhores resultados.

Um dos inúmeros benefícios do microagulhamento é potencializar o tratamento do melasma, quer seja por ação direta das microagulhas que ao produzir as lesões controladas acabam estimulando a remoção da melanina acumulada, quer pela propriedade de estimular a permeação de ativos despigmentantes, como a Vitamina C, até as camadas mais profundas da epiderme ou da derme, com resultados bastante eficazes.

Vitamina C para Microagulhamento: O que Dizem os Estudos?

Um estudo publicado no Journal of Cosmetic Dermatology avaliou os efeitos do microagulhamento com vitamina C tópica no tratamento do melasma. Foram selecionadas 30 mulheres com melasma epidérmico que receberam seis sessões de microagulhamento com vitamina C tópica a cada duas semanas. A cada sessão realizada, fotografias foram tiradas e o melasma foi avaliado pela escada MASI – Área do Melasma e Índice de Severidade – e o score foi calculado para se avaliar a melhora clínica das manchas na pele.

Tratamento do Melasma com Microagulhamento e Vitamina C

A idade média das pacientes com melasma dérmico selecionadas foi de 33,2 anos e cerca de 50% destas mulheres possuía pele fototipo III na Escala Fitzpatrick. No final do tratamento do melasma com microagulhamento e vitamina C todas as pacientes apresentaram melhora do melasma com redução do Índice de Severidade do Melasma – MAIS – de 8,61, no início do tratamento, para 5,75, no final do tratamento, ressaltando que a redução deste índice ocorreu de forma gradual, a medida que as sessões foram realizadas. Desta forma os cientistas concluíram que a Vitamina C tópica associada ao microagulhamento é um tratamento efetivo para o melasma epidérmico especialmente em peles com fototipo III.

Melhor Vitamina C para Tratamento do Melasma em Associação do Microagulhamento

C 20 Sérum de ADA TINA é um sérum de Vitamina C Clareador formulado com vitamina C estabilizada, que não arde na pele, e não irrita a pele ferida pelas microagulhas evitando o desconforto do paciente e os efeitos adversos que a vitamina C pura na forma ácida pode ter após procedimentos estéticos. C 20 Sérum ADA TINA também contém ácido hialurônico de baixo peso molecular e Difendiox Antioxidante e Anti-Melasma, rico em Oleuropeína e Hidroxitirosol, antioxidantes naturais, que potencializam o tratamento clareador conferindo maior eficácia dos resultados na pele.