Acne e Pele OleosaTipos de Peles

Cuidados com a Pele Oleosa e Acneica Durante a Menstruação

A acne é, também, uma condição desencadeada por variações hormonais que ocorrem em momentos específicos da vida. 

Durante a puberdade, tanto os meninos quanto as meninas passam por um aumento na produção de testosterona, resultando em desequilíbrio hormonal, excesso de produção de sebo na pele, poros obstruídos e o desenvolvimento de espinhas. 

Mulheres passam por oscilações hormonais em diferentes fases da vida, como no período menstrual, após interromper o uso de pílulas anticoncepcionais, durante a gravidez e na perimenopausa e menopausa. 

O tratamento da acne hormonal pode ser abordado com tratamentos tópicos específicos. Para mulheres, uma opção eficaz é o uso da pílula anticoncepcional oral, que reequilibra os hormônios, promovendo uma pele mais limpa.

IMPACTO DOS HORMÔNIOS NO SURGIMENTO DA ACNE

O óleo na superfície da pele, conhecido como sebo, é controlado por hormônios, principalmente andrógenos como a testosterona. Quando esses hormônios predominam em relação a outros, como estrogênio e progesterona, a pele produz mais sebo, obstruindo os poros e criando condições favoráveis para o crescimento de bactérias, resultando em inflamação, cravos e espinhas.

DISTÚRBIOS HORMONAIS EM DIFERENTES FASES DA VIDA

  1. ACNE DURANTE A ADOLESCÊNCIA:

Aumento da testosterona durante a puberdade afeta meninos e meninas, desencadeando o desenvolvimento de características sexuais secundárias e o aumento da produção de sebo.

  1. ESPINHAS ANTES DA MENSTRUAÇÃO:

Variações hormonais mensais durante o ciclo menstrual podem levar ao surgimento de espinhas. Até 85% das mulheres adultas relatam piora nas espinhas nos dias anteriores à menstruação.

  1. MOTIVOS PARA ESPINHAS ANTES DA MENSTRUAÇÃO:

Na semana anterior à menstruação, a produção de sebo aumenta devido a alterações hormonais. Os níveis de estrogênio caem, permitindo que a testosterona predomine, resultando em poros obstruídos e ambiente propício para o surgimento de espinhas.

  1. ACNE DURANTE A GRAVIDEZ:

O primeiro trimestre pode apresentar uma acne mais severa devido às oscilações hormonais. No entanto, a pele geralmente melhora ao longo da gravidez devido às mudanças nos níveis relativos de estrogênio e progesterona.

  1. MENOPAUSA E SURGIMENTO DE ESPINHAS:

No período da menopausa, a redução dos níveis de estrogênio pode estimular a produção de sebo, levando ao surgimento de acne.

  1. TRATAMENTOS PARA ACNE HORMONAL:

O uso da pílula anticoncepcional é eficaz no controle de espinhas, neutralizando os efeitos dos andrógenos na pele. A pílula reduz a produção de sebo, minimizando poros obstruídos e espinhas.


ps: No entanto, é importante notar que o uso de pílulas anticoncepcionais para o controle da acne deve ser feito sob a supervisão e prescrição de um profissional de saúde. Cada pessoa pode reagir de maneira diferente aos medicamentos, e é crucial considerar outros fatores de saúde ao decidir sobre a utilização da pílula anticoncepcional para fins além da contracepção.

Cuidados essenciais para uma pele saudável na TPM.

Lavar o rosto de maneira apropriada com produtos específicos para peles oleosas e acneicas representa um dos cuidados fundamentais com a pele durante esse período.

É viável reduzir o aparecimento de cravos e espinhas durante a TPM com alguns cuidados adicionais. O primeiro deles é familiar: higienizar o rosto com um sabonete adequado ao seu tipo de pele e, de preferência, utilizando água fria. Essa etapa do ritual de beleza ganha ainda mais relevância nesse momento, contribuindo para regular a oleosidade cutânea. Caso prefira, busque por produtos que contenham ácido salicílico em sua composição, uma substância com propriedades secativas que pode auxiliar no tratamento das imperfeições faciais.

Dado que a pele torna-se mais sensível durante a TPM, é crucial remover a maquiagem com produtos mais suaves.

Com cravos e espinhas mais proeminentes devido à TPM, é compreensível sentir o desejo de camuflar as imperfeições com maquiagem. Contudo, é importante ressaltar que, devido à sensibilidade aumentada da pele no período pré-menstrual, retirar a maquiagem antes de dormir assume uma importância ainda maior, é crucial limpar bem a pele com produtos bons para evitar que obstrua os poros e piore a pele. Para evitar agressões à pele, evite produtos que contenham álcool em sua composição e opte por alternativas de limpeza mais suaves, como a água micelar.

Uma alimentação equilibrada pode contribuir para melhorar a aparência da pele durante a TPM.

Quem nunca experimentou uma forte vontade de consumir doces durante a TPM? Esse anseio é desencadeado pela queda nos níveis de serotonina, o hormônio do bom humor. No entanto, chocolates e outros petiscos podem estimular um aumento na produção de óleo na pele, e consequentemente, aumentando as espinhas e cravos. Dado que a alimentação exerce influência na aparência da pele, torna-se ainda mais crucial adotar refeições balanceadas nesse período! Evitar alimentos processados, como laticínios, açúcares e óleos, auxilia no controle da produção de sebo na pele. Buscar por alimentos ricos em magnésio, que ajudam a aliviar os sintomas da TPM, é uma recomendação valiosa.

Durante esse período, aumente a ingestão de água.

Beber água deve ser uma prática diária para alcançar uma pele mais saudável e bonita, especialmente durante os períodos marcados pelos efeitos da TPM. A hidratação é essencial para controlar a oleosidade da pele, além de ser crucial para o adequado funcionamento do organismo.

Para um bom controle de acne e espinhas, é indicado um protocolo de skincare completo, desde a tonificação com um tônico que retire todas as impurezas da pele, e tenha algum tipo de ácido. Até a lavagem com sabonetes específicos para esse tipo de pele, o tratamento com séruns anti-acne, e a matificação com um hidratante matificante com sílicas secativas.

Comentários

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *