ADA TINADIFENDIOXDoença de PeleManchas na PeleMelasmaPeleProteção SolarRecuperar a PeleRostoTipos de Melasma

O que faz o melasma voltar?

Rate this post

O que faz o melasma voltar?

Melasma é o nome dado às manchas resistentes que aparecem no rosto frequentemente na região das bochechas, testa e queixo. 

Há tratamento, mas o que faz o melasma voltar?

Vamos entender aqui neste texto.

Confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Melasma é uma condição crônica e relapsa da pele.

Sintomas do melasma e o que ele pode causar

Acima de tudo é preciso frisar que o melasma é uma condição dermatológica e de carácter estético, nenhum risco ou problema de saúde está associado ao melasma, porém o aparecimento de manchas escuras no rosto, exerce um efeito negativo sobre a autoestima e a qualidade de vida das mulheres portadoras do melasma.

É comum essa condição antiestética agir como um bloqueio para os relacionamentos afetivos e sociais.

A alteração na aparência da pele pode interferir no desempenho pessoal e profissional, afastando as mulheres dos ambientes que antes frequentavam normalmente e de pessoas mais próximas.

O principal sintoma do melasma é o escurecimento das áreas mais altas da pele do rosto, deixando a pele com um aspecto mais envelhecido. 

A intensidade da coloração, entre clara e escura vai variar de acordo com o tom e a quantidade de melanina acumulada na pele, o formato será sempre irregular e normalmente simétrico, iguais em ambas as faces.

Qual o tratamento adequado para melasma?

Já vimos por aqui que o melasma possui diferentes graus conforme a classificação do Dr. Maurizio Pupo, e será de acordo com esse diagnóstico do grau já averiguado que vamos descobrir qual tratamento adequado deve ser executado.

O tratamento será indicado de acordo com o grau, com a pigmentação da mancha, com o quanto ela está intensa ou não, mas, falando de um modo geral, proteger-se dos raios solares e da luz visível é o primeiro passo para evitar o surgimento ou o aumento das manchas do melasma.

Falando em produtos, os clareadores são os mais indicados para o tratamento. A Ada Tina possui diversas opções para a prevenção e tratamento contra todos os tipos de manchas e graus do melasma.

Mas, o que faz o melasma voltar?

As manchas podem voltar à pele depois de algum tempo se não houver continuidade no tratamento e se houver exposição aos raios solares sem proteção adequada. 

O fato mais importante é evitar a exposição solar!

Como se proteger dos raios UV e evitar o melasma?

protetor solar antimelasma

Falando de prevenção, um bom protetor solar sempre será a melhor opção contra as manchas indesejadas na pele, inclusive e principalmente as do melasma.

A proteção contra os raios solares deve ser diária e constante! É ela quem vai proteger a pele e prevenir o aparecimento de manchas na pele, além de evitar queimaduras e o próprio câncer de pele.

Biosole Oxy FPS 50  é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *