Categoria: Manchas na Pele

Quais os Melhores Séruns Clareadores de Manchas na Pele?

A presença de marcas na pele pode não ser o único incômodo facial ou corporal, mas certamente é o mais angustiante. Além das pigmentações que podem surgir devido a variações hormonais, como o uso de contraceptivos ou durante a gestação, e inflamações cutâneas, como a acne, a exposição aos raios solares também é uma grande contribuinte para essas imperfeições.

Você está familiarizado com os diferentes tipos de manchas solares que podem se desenvolver na pele? Aqui estão cinco variações desse desconforto e algumas alternativas de tratamento para sua remoção.

Entenda a Origem das Manchas

Melasma: As manchas de melasma são decorrentes da exposição ao sol, e podem se intensificar após a gravidez ou durante a utilização de contraceptivos orais. Essas marcas têm maior propensão a surgir no buço, nas maçãs do rosto e na testa.

Sardas: Consideradas encantadoras por algumas pessoas, as sardas geralmente surgem em indivíduos com predisposição genética e sensibilidade à luz solar. Essas pequenas manchas podem apresentar tonalidades avermelhadas ou marrons claras em pessoas de pele clara e cabelos ruivos.

Melanoma: O melanoma é a forma mais agressiva de câncer de pele, podendo surgir de novas pintas ou de pintas pré-existentes que sofrem mudanças em suas características. Essas manchas são superficiais e podem exibir múltiplas cores ou apresentar assimetria. O tipo nodular, por outro lado, pode ter tonalidades azul-escuras, vermelho-azuladas ou até mesmo ser desprovido de cor, conhecido como amelanótico.

Melanose: Definida como manchas escuras resultantes do acúmulo de danos solares ao longo dos anos, a melanose pode se manifestar em todo o corpo, especialmente em áreas frequentemente expostas ao sol, como colo, braços, rosto e mãos. Geralmente, essas manchas surgem por volta dos 40 ou 50 anos de idade.

Fitofotodermatose (mancha do limão): Essa condição ocorre devido a queimaduras causadas pela reação química do suco de limão em contato com a radiação solar. Simplesmente lavar a pele após manusear a fruta muitas vezes não é suficiente para evitar a queimadura, sendo necessário o uso de protetor solar para proteger a região afetada.

Quais ácidos possuem papéis significativos no clareamento da pele e na promoção da saúde dermatológica?

Ácido Fítico:

O ácido fítico é conhecido por sua ação clareadora e despigmentante, além de possuir propriedades anti-inflamatórias, hidratantes e antioxidantes. Ele atua inibindo a enzima tirosinase, que desempenha um papel crucial na produção de melanina, o pigmento responsável pela coloração da pele. Ao interferir nesse processo, o ácido fítico ajuda a reduzir a hiperpigmentação, como manchas escuras causadas pelo sol ou melasma. Além disso, suas propriedades antioxidantes ajudam a combater os radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce da pele.

Ácido Kójico:

Originado do cogumelo japonês, o ácido kójico é conhecido por sua eficácia no clareamento da pele, especialmente no tratamento de manchas escuras e melasma. Uma de suas vantagens é que não é fotossensível, o que significa que pode ser usado durante o dia sem preocupações com manchas causadas pela exposição ao sol. Além de sua ação despigmentante, o ácido kójico possui propriedades antissépticas, ajudando a prevenir a proliferação de bactérias e fungos na pele. Embora possa levar mais tempo para apresentar resultados comparados à hidroquinona, sua segurança e eficácia o tornam uma escolha popular para muitos.

Alfa Arbutin:

O alfa arbutin é um clareador cutâneo potente e seguro, frequentemente utilizado no tratamento de hipercromias, como melasma e sardas. Sua ação consiste em inibir a enzima tirosinase, impedindo a produção excessiva de melanina e promovendo assim um tom de pele mais uniforme. O alfa arbutin é considerado seguro para todos os tipos de pele devido ao seu mecanismo de ação suave e ao seu perfil de segurança bem estabelecido. Além disso, sua natureza biossintética o torna uma escolha popular entre aqueles que procuram alternativas aos clareadores tradicionais, como a hidroquinona, com menor risco de efeitos colaterais indesejados.

O que é um Sérum Clareador?

Um sérum clareador é um produto dermatológico formulado para combater a hiperpigmentação e melhorar a uniformidade do tom de pele. Com ingredientes ativos como ácidos, antioxidantes e extratos botânicos, ele penetra profundamente na pele para inibir a produção excessiva de melanina, responsável pela coloração escura das manchas. Além de reduzir manchas de idade, sardas e outras descolorações, esses soros também iluminam e revitalizam a tez geral, promovendo uma aparência mais radiante e uniforme. Os séruns ADA TINA se destacam pois são produtos veganos, cruelty-free, friendly para mães, testados na Itália e livres de mais de 10 mil ingredientes prejudiciais.

Você conhece o Protocolo dos 3 P ‘s?

Na Ada Tina acreditamos que através desse protocolo para pele, o seu resultado seja mais eficiente em menos tempo.

1º P – PRODUTOS CORRETOS, isso mesmo, você precisa ter os produtos corretos e adequados para o grau do seu melasma ou para o tipo de mancha da sua pele;

2º P – PROTOCOLO ADEQUADO, ou seja, é muito importante aplicar os produtos no horário correto e na ordem recomendada, pois assim teremos um efeito clareador muito mais potente;

3º P – PERSISTÊNCIA FOTOGRÁFICA, é a fase onde você mesma irá medir e comprovar a evolução do tratamento através de fotografias com boa qualidade a cada 30 dias. Sendo que a primeira foto você deve tirar antes de iniciar o tratamento.

Quatro produtos Ada Tina Indicados para Clareamento

Clarivis Tx Ultra Resist: Apresentando Clarivis TX Ultra Resist, um sérum clareador ultraconcentrado projetado para enfrentar as manchas e imperfeições mais persistentes da pele, incluindo melasma grau 2, melasma grau 3 e melasma hormonal. Com uma fórmula potente contendo Tranexamic Complex 15%, Niacinamida Clareadora e antioxidante DIFENDIOX®, este sérum é capaz de proporcionar uma pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, atuando em sinergia para combater tanto manchas antigas quanto as imperfeições causadas pelo sol. Além de clarear as manchas, Clarivis TX Ultra Resist também uniformiza o tom da pele, reduzindo imperfeições faciais, solares e olheiras, enquanto seu poder antioxidante combate rugas, linhas de expressão e flacidez, melhorando significativamente a textura da pele.

clarivis tx ultra resist

Com uma textura extra leve e não oleosa, este sérum oferece uma abordagem completa para uma pele radiante e livre de imperfeições.

Clarivis High Potency: é um sérum de altíssima potência clareadora, com uma Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores e renovadores concentrados em 14,82%, proporcionando uma eficácia impressionante até mesmo contra o melasma grau 3 e grau 4 – formas mais severas e resistentes dessa condição. Este sérum é especialmente formulado para clarear intensamente manchas escuras persistentes, como as decorrentes de acne e exposição solar, oferecendo resultados comprovados em testes científicos*. Além de clarear e reduzir imperfeições, Clarivis High Potency renova, ilumina e rejuvenesce a pele de forma significativa, combatendo os sinais de envelhecimento precoce, como rugas e linhas de expressão, para uma aparência visivelmente mais jovem. Com uma fórmula desenvolvida para atender às necessidades específicas do melasma grau 3 e grau 4, este sérum é um aliado poderoso para conquistar uma pele mais clara, uniforme e radiante.

clarivis high potency

*Teste de eficácia percebida realizado com 25 participantes, utilizando Clarivis High Potency por 28 dias, duas vezes ao dia.

Niacinamide Ultra Superior 15: é um sérum altamente concentrado e eficaz, projetado para proporcionar uma potência iluminadora superior à pele desde a primeira aplicação. Com Niacinamida Plex 15%, um complexo clareador ultraconcentrado composto por Niacinamida 100% Pura e Glicóis biologicamente ativos, este sérum oferece resultados visíveis em apenas duas semanas de uso diário. Além de clarear e inibir manchas, incluindo as induzidas pela luz azul, a sinergia iluminadora superior deste produto, combinando Peptídeos Ultra Antioxidantes e Ácido Hialurônico, rejuvenesce, retexturiza, hidrata e uniformiza a pele, oferecendo proteção total contra o envelhecimento causado pelo sol, antioxidantes e antipoluição.

Niacinamide Ultra Superior 15

Com resultados percebidos de radiância já na primeira aplicação e melhorias significativas na aparência em duas semanas, Niacinamide Ultra Superior 15 é um essencial na rotina diária de skincare, adequado para todos os tipos e tons de pele.

Bright Peptide: é um sérum de uso diário que oferece uma intensa iluminação à pele, graças à inovadora Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores. Sua fórmula, combinada com Niacinamida Ultra Concentrada e Ácido Hialurônico de baixo peso molecular, previne manchas solares e clareia manchas de acne e idade, resultando em uma pele mais radiante e rejuvenescida desde a primeira aplicação. Além de clarear as manchas, este sérum uniformiza a textura da pele, reduzindo rugas e linhas de expressão, e proporciona uma aparência mais jovem. Com uma eficácia comprovada, Bright Peptide é indicado para todos os tipos e tons de pele, sendo um passo essencial na rotina diária de cuidados com a pele.

Bright Peptide

Manchas Solares: Tratamentos e Cuidados para Recuperar a Uniformidade da Pele

Você sabe como as manchas solares surgem? No blog post de hoje, você vai descobrir tudo sobre os tratamentos disponíveis e os cuidados essenciais para recuperar a uniformidade da sua pele. A Ada Tina traz informações valiosas que vão ajudar você a conquistar uma pele radiante e livre de manchas. Fique por dentro das dicas e segredos para um skincare eficaz. Vamos juntos desvendar o caminho para uma pele impecável!

O que são Manchas Solares?

Manchas solares, também conhecidas como manchas de sol, são alterações pigmentares na pele causadas pela exposição excessiva aos raios ultravioleta (UV) do sol. Essas manchas, muitas vezes, surgem em áreas expostas, como o rosto, colo, braços e mãos, e são resultado do acúmulo de melanina, pigmento responsável pela coloração da pele. A exposição prolongada ao sol desencadeia um aumento na produção de melanina como uma forma de defesa da pele contra os danos dos raios UV.

As manchas solares podem se manifestar de diversas formas, incluindo sardas, lentigos solares (manchas escuras arredondadas), e melasma, que são manchas mais extensas e profundas. Além da exposição solar, fatores como predisposição genética, envelhecimento da pele e mudanças hormonais podem contribuir para o desenvolvimento dessas manchas.

É importante destacar que, embora as manchas solares sejam geralmente inofensivas, elas podem afetar significativamente a estética da pele, causando desconforto estético. Por isso, a prevenção e o tratamento adequado são essenciais. Ao compreender as causas dessas manchas e adotar práticas de cuidados com a pele, é possível não apenas tratar as manchas já existentes, mas também prevenir o surgimento de novas, promovendo uma pele mais uniforme e saudável. Exploraremos a seguir diversas opções de tratamento e cuidados específicos para recuperar a uniformidade da pele, proporcionando uma abordagem abrangente e eficaz no combate às manchas solares.

Como tratar as manchas solares?

Tratar eficazmente as manchas solares envolve uma abordagem persistente, combinando medidas preventivas e o uso de produtos específicos. Um dos passos fundamentais no tratamento das manchas solares é a incorporação diária de um protetor solar clareador na rotina de skincare. Optar por um protetor solar que ofereça não apenas proteção contra os raios UV, mas também contenha ingredientes clareadores é crucial. Isso não só protege a pele contra danos futuros, mas também ajuda a atenuar as manchas já existentes.

Além do protetor solar, a inclusão de séruns clareadores na rotina de cuidados com a pele pode potencializar os resultados. Ingredientes como Ácido Tranexâmico, reconhecido por sua eficácia no clareamento de manchas profundas, Niacinamida, que atua na uniformização do tom de pele, e Ácido Hialurônico, conhecido por suas propriedades hidratantes, formam uma poderosa combinação. Esses ingredientes ajudam não apenas a clarear as manchas solares, mas também a promover a hidratação e a saúde geral da pele.

Ao seguir uma rotina consistente e dedicada, utilizando produtos formulados com ingredientes clareadores comprovados, é possível conquistar resultados visíveis na redução das manchas solares. Vale ressaltar que a paciência é fundamental nesse processo, uma vez que a melhoria gradual da hiperpigmentação demanda tempo. Adotar hábitos saudáveis, como evitar a exposição solar excessiva e manter uma rotina de cuidados específicos, contribui para a recuperação da uniformidade da pele e uma aparência mais luminosa e radiante.

Quais os tipos de manchas solares?

A exposição solar excessiva pode resultar em diferentes tipos de manchas na pele, cada uma com características distintas. Entender essas variedades é fundamental para direcionar os cuidados de maneira eficaz. Aqui estão alguns dos tipos mais comuns de manchas solares:

Sardas (Efélides): Geralmente associadas à predisposição genética, as sardas são pequenas manchas que surgem com maior intensidade após a exposição ao sol. Elas são mais comuns em áreas expostas, como rosto, colo e ombros.

Lentigo Solar: Essas manchas são resultado do dano cumulativo causado pelo sol ao longo dos anos. Elas tendem a ser planas, escuras e aparecem em áreas frequentemente expostas, como mãos e rosto.

Mancha Senil: Relacionada ao envelhecimento da pele, a mancha senil é caracterizada por áreas de pigmentação irregular. Elas são mais prevalentes em pessoas mais velhas e geralmente surgem em áreas frequentemente expostas ao sol.

Melasma: Esta forma de hiperpigmentação  é muito influenciada pela exposição solar sem proteção adequada, mas também é influenciada por fatores hormonais. O melasma manifesta-se como manchas escuras e profundas, principalmente no rosto, e é mais comum em mulheres.

Compreender a natureza específica das manchas solares é o primeiro passo para escolher os tratamentos e cuidados adequados. Cada tipo demanda abordagens distintas, seja na prevenção ou na busca pela recuperação da uniformidade da pele.

Os Melhores Produtos para uma Rotina Skincare Anti-manchas

A busca por uma pele uniforme e livre de manchas exige uma abordagem cuidadosa e produtos eficazes. Na linha da Ada Tina, encontramos excelentes aliados nessa jornada de skincare anti-manchas. Confira os produtos recomendados para uma rotina completa e eficiente:

Biosole Oxy FPS 85: Proteção e Clareamento Intenso

Biosole Oxy FPS 85

O Biosole Oxy FPS 85 da Ada Tina destaca-se como um protetor solar de alta performance, oferecendo não apenas defesa contra os raios solares, mas também clareamento intenso. Com resultados visíveis em apenas 7 dias, este produto é enriquecido com Vitamina C, Niacinamida Concentrada e DIFENDIOX® Antioxidante. Sua tecnologia SOLENT® garante 12 horas de proteção UVA e UVB, evitando tantas reaplicações ao longo do dia e tornando-o essencial para prevenir manchas e fotoenvelhecimento. Ideal para todos os tipos de pele, proporciona uma defesa abrangente contra 15 tipos de manchas, revelando uma pele renovada e radiante.

Clarivis Tx Ultra Resist: Clareador Potente para Melasma e Manchas Persistentes

clarivis tx ultra resist

O Clarivis Tx Ultra Resist é um sérum clareador de altíssima potência, desenvolvido para enfrentar até mesmo o melasma mais resistente, como o grau 3 e 4. Com uma tripla combinação de ácidos clareadores e renovadores concentrados, oferece resultados eficazes em manchas de acne e solares. Além do clareamento intenso, sua ação de renovação e rejuvenescimento contribui para uma pele mais uniforme e jovem. Uma opção poderosa para quem busca enfrentar manchas persistentes com eficácia comprovada.

Niacinamide Ultra Superior: Iluminação e Proteção Completa

niacinamide

O Niacinamide Ultra Superior se diferencia por sua potência iluminadora. Com Niacinamida Plex 15%, este sérum oferece resultados visíveis, proporcionando radiância desde a primeira aplicação. Sua tripla combinação clareadora e renovadora, aliada aos Peptídeos Ultra Antioxidantes, torna este produto essencial para prevenir manchas, uniformizar a textura da pele e combater os sinais de envelhecimento. Adequado para todos os tipos de pele, é um aliado diário na busca por uma pele mais radiante e rejuvenescida.

Sérum Bright Peptide: Diariamente Prevenindo Manchas e Iluminando a Pele

Bright Peptide

O Sérum Bright Peptide é um aliado diário na prevenção de manchas e na iluminação intensa da pele. Sua tecnologia de peptídeos ultra clareadores oferece resultados percebidos por 73% das mulheres desde a primeira aplicação. Além de clarear manchas de acne e da idade, este sérum renova, retexturiza e uniformiza a pele, proporcionando uma aparência mais jovem. Ideal para todos os tipos e tons de pele, é uma adição valiosa à rotina skincare para quem busca resultados visíveis a cada aplicação.

Esses produtos se destacam por sua eficácia comprovada em testes científicos, oferecendo não apenas proteção solar, mas também ação clareadora, renovadora e rejuvenescedora. Incluir esses aliados na sua rotina skincare anti-manchas é um passo essencial para conquistar uma pele radiante e uniforme.

Manchas na Pele e Protetor Solar para Peles Sensíveis: Opções e Recomendações

A busca por uma pele saudável e radiante é uma jornada única para cada pessoa, especialmente para aqueles com peles sensíveis. No universo dos cuidados com a pele, a proteção solar desempenha um papel crucial, não apenas na prevenção de danos causados pelos raios UV, mas também na minimização do risco de irritações e manchas. Neste guia, exploraremos a melhor opção de protetor solar da Ada Tina, desenvolvidos especialmente para peles sensíveis. Descubra como garantir uma pele protegida, sem comprometer a delicadeza que ela merece.

O que causa as manchas na pele?

As manchas na pele podem ser desencadeadas por uma variedade de fatores, sendo a exposição solar desprotegida uma das principais vilãs. Para pessoas com peles sensíveis, a situação pode se agravar, uma vez que a intolerância a certos ingredientes pode contribuir para irritações e hiperpigmentação. Além da radiação UV, outros elementos como inflamações, reações alérgicas e alterações hormonais também podem influenciar na formação de manchas. Nesse cenário, é fundamental escolher cuidadosamente os produtos de skincare, especialmente o protetor solar, que desempenha um papel crucial na prevenção dessas marcas indesejadas.

O que são as peles sensíveis?

As peles sensíveis caracterizam-se por uma resposta reativa a diversos estímulos, tornando-se propensas a irritações, vermelhidão e desconforto. Essa sensibilidade pode ser causada por fatores genéticos, condições ambientais adversas, como exposição excessiva ao sol ou vento, ou o uso inadequado de produtos cosméticos. Indivíduos com peles sensíveis muitas vezes enfrentam desafios ao encontrar produtos de skincare, pois ingredientes agressivos podem desencadear reações indesejadas. No contexto do protetor solar, é essencial escolher formulações especificamente desenvolvidas para peles sensíveis, visando minimizar o risco de irritações e manchas.

Qual a importância do protetor solar para peles sensíveis?

Para peles sensíveis, o uso de protetor solar não é apenas uma medida de prevenção contra os danos causados pelos raios solares, mas também uma necessidade para minimizar o risco de irritações e manchas. A sensibilidade cutânea torna a pele mais suscetível a reações adversas, tornando essencial escolher cuidadosamente os produtos de proteção solar. Protetores solares formulados especificamente para peles sensíveis oferecem uma barreira eficaz contra os raios UV, ao mesmo tempo em que incorporam ingredientes suaves que ajudam a acalmar a pele propensa a irritações. A exposição solar sem proteção pode desencadear respostas inflamatórias em peles sensíveis, contribuindo para o surgimento de manchas e vermelhidão. Portanto, investir em protetores solares especialmente desenvolvidos para atender às necessidades específicas de peles sensíveis é um passo crucial para garantir uma rotina de cuidados com a pele que promova a saúde e evite potenciais desconfortos. Na Ada Tina, reconhecemos a importância de cuidar das peles sensíveis, oferecendo opções de proteção solar que equilibram eficácia e suavidade para uma experiência positiva e protetora.

Melhor protetor solar Ada Tina para peles sensíveis

Descubra o Soleize Mineral FPS 66, um protetor solar 100% mineral especialmente formulado para atender às necessidades das peles sensíveis. Com uma textura mousse que proporciona um efeito matte e toque seco, este protetor solar conta com filtros minerais que oferecem muito alta proteção UVA e UVB, além de proteção contra Luz Azul e Visível. Prevenindo manchas escuras e melasma, o Soleize Mineral FPS 66 destaca-se por suas 12 horas de proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade da tecnologia Solent®.

Soleize Mineral Fps 66

O Soleize Mineral FPS 66 apresenta uma cor universal adaptável, tornando-o ideal para fototipos 1, 2, 3 e 4. Sua dupla proteção solar mineral utiliza micropartículas que absorvem e refletem os raios solares, proporcionando uma defesa prolongada para a pele. Indicado para peles sensíveis e delicadas, como as propensas a rosácea, e ideais para uso pós-procedimentos estéticos ou dermatológicos, como laser, microagulhamento, peeling, depilação e tatuagem. Sua fácil espalhabilidade, toque macio e aveludado complementam a experiência sensorial deste protetor solar. Além disso, ele incorpora a poderosa combinação de DIFENDIOX® e a tecnologia Solent®, reforçando sua eficácia na proteção e cuidado da pele sensível.

Protetor Solar e Prevenção de Manchas Escuras: Como Evitar a Hiperpigmentação Solar

No universo da skincare, o protetor solar emerge como um protagonista essencial na prevenção da hiperpigmentação solar, aquelas indesejáveis manchas escuras que podem comprometer a uniformidade e vitalidade da nossa pele. Neste guia, exploraremos a relação intrínseca entre a exposição solar e a hiperpigmentação, desmistificando como o uso correto e diário do protetor solar pode se tornar seu melhor aliado nessa jornada de prevenção e cuidados com a pele. Convidamos você a embarcar nessa jornada de conhecimento, descobrindo os caminhos para uma pele luminosa e protegida contra as indesejadas manchas do sol.

Como as Manchas Escuras se Desenvolvem?

O desenvolvimento de manchas escuras na pele, também conhecido como hiperpigmentação, é um processo intricado influenciado por diversos fatores, sendo a exposição solar um dos principais desencadeadores. Quando a pele é exposta aos raios UV (UVA e UVB), ocorre uma resposta natural do corpo, que libera melanina como um mecanismo de defesa contra os danos causados pela radiação. A melanina é o pigmento responsável pela coloração da pele, e sua produção aumentada resulta na formação de manchas escuras.

Além disso, outros elementos podem contribuir para o desenvolvimento dessas manchas, como desequilíbrios hormonais, inflamações cutâneas, predisposição genética e o processo natural de envelhecimento da pele. As áreas mais expostas, como rosto, mãos e colo, são particularmente suscetíveis a esse fenômeno. As manchas podem se manifestar de diversas formas, desde sardas até o melasma, sendo este último também associado a alterações hormonais.

A hiperpigmentação não apenas afeta a aparência estética, mas também pode indicar danos celulares e envelhecimento precoce. Por isso, é essencial adotar medidas preventivas, e o uso regular de protetor solar desempenha um papel crucial nesse contexto. Ao proporcionar uma barreira eficaz contra os raios UV, o protetor solar ajuda a prevenir a estimulação excessiva da produção de melanina, reduzindo significativamente o risco de desenvolvimento de manchas escuras. Ao entender como essas manchas se formam, podemos adotar uma abordagem proativa na proteção da saúde e beleza da nossa pele.

A Importância do Protetor Solar na Prevenção de Manchas

O protetor solar desempenha um papel fundamental ao agir como uma barreira eficaz contra os raios UV. Ao criar essa camada protetora, ele minimiza a absorção da radiação pela pele, impedindo assim a estimulação excessiva da produção de melanina. Essa ação é crucial para prevenir não apenas as manchas escuras visíveis, mas também para proteger as células da pele contra danos mais profundos e o surgimento de rugas e linhas de expressão.

É importante destacar que a hiperpigmentação não é apenas uma questão estética; ela pode indicar danos celulares significativos. Manchas escuras na pele muitas vezes são resultado de exposições cumulativas ao sol ao longo do tempo. Portanto, ao incorporar o uso diário e consistente de protetor solar na rotina de cuidados com a pele, estamos investindo na saúde a longo prazo da nossa pele, prevenindo a formação de manchas e promovendo uma tez mais uniforme e radiante.

A Ada Tina compreende a importância vital desse equilíbrio entre proteção solar e beleza da pele, oferecendo uma variedade de protetores solares formulados com tecnologias avançadas, como a tecnologia Solent®, que garante 12 horas de proteção UVA e UVB, além da fotoestabilidade. Ao escolher um protetor solar adequado às suas necessidades, você não apenas investe na prevenção de manchas escuras, mas também desfruta dos benefícios de uma pele saudável e protegida contra os efeitos nocivos da exposição solar.

Formulações de protetores que ajudam a prevenir e tratar manchas

Existem formulações de protetores solares que desempenham um papel crucial na prevenção e tratamento eficaz de manchas na pele do rosto. Ao escolher um protetor solar de qualidade, é possível encontrar ingredientes-chave que não apenas protegem contra as queimaduras solares, mas também combatem ativamente a hiperpigmentação e os perigos da exposição à radiação solar. A presença de Vitamina C em formulações de protetores solares é notável, pois essa vitamina desempenha um papel vital na inibição da produção excessiva de melanina, promovendo uma pele mais clara e uniforme.

Outro ingrediente poderoso a ser destacado é a Niacinamida, conhecida por suas propriedades clareadoras e uniformizadoras. A Niacinamida não apenas ajuda a reduzir a aparência de manchas escuras existentes, mas também atua na prevenção da formação de novas manchas, proporcionando uma tez mais radiante e homogênea.

Além disso, agentes antioxidantes, como o inovador DIFENDIOX® da Ada Tina, desempenham um papel fundamental na proteção contra os radicais livres, que podem desencadear o surgimento de manchas escuras. O DIFENDIOX®, composto por 14 polifenóis da oliva, oferece uma potente ação antioxidante, contribuindo para a prevenção do melasma e combatendo os efeitos nocivos da radiação solar UVA e UVB, luz azul e luz visível.

Ao escolher um protetor solar que incorpora esses ingredientes essenciais, você não apenas está investindo na proteção diária contra os danos do sol, mas também adotando uma abordagem proativa na promoção da saúde da pele, prevenindo e tratando eficazmente as manchas escuras para uma pele visivelmente mais saudável e luminosa.

Melhor protetor solar no combate as manchas escuras

O Biosole Oxy FPS 85 se destaca como um poderoso aliado contra manchas escuras, proporcionando resultados visíveis em apenas 7 dias. Enriquecido com uma potente combinação de ingredientes, como Vitamina C, Niacinamida Concentrada e o exclusivo DIFENDIOX® Antioxidante, o Biosole Oxy FPS 85 atua sinergicamente para intensificar o clareamento e rejuvenescimento cutâneo, atendendo às necessidades específicas de peles com manchas escuras e melasma grau 1, 2, 3 e 4.

Biosole Oxy FPS 85

Além disso, este protetor solar oferece uma proteção abrangente contra 15 tipos de manchas e o fotoenvelhecimento, garantindo resultados visíveis à medida que a pele se torna mais radiante, iluminada e progressivamente livre de rugas e manchas. A inovadora Tecnologia Solent® de Tripla Proteção Solar é a cereja do bolo, assegurando uma proteção altamente duradoura por 12 horas contra os raios UVA e UVB, sem a necessidade de tantas reaplicações ao longo do dia. Escolher o Biosole Oxy FPS 85 é investir não apenas em um protetor solar, mas em um aliado poderoso na conquista de uma pele visivelmente mais saudável e protegida.

O PROTETOR SOLAR TIRA MANCHAS DE ESPINHA?

O que é a acne?

Segundo o Dr. Maurizio Pupo, farmacêutico e especialista em cosmetologia, “A acne é uma doença de pele que ocorre no folículo pilo-sebáceo, popularmente chamado de poro. As glândulas sebáceas produzem uma secreção gordurosa dentro do poro. Quando há acúmulo deste sebo, ocorre a obstrução do folículo causando comedões (cravos) e também proliferação de bactérias gerando inflamações e espinhas”.

A acne é uma doença multifatorial que pode ter relação com a predisposição genética, hereditariedade, estresse emocional, desequilíbrio hormonal, entre outros. Além disso, ela pode desencadear problemas emocionais como depressão e baixa autoestima.

Quais os tipos de acne?

A acne é classificada em cinco graus distintos:

Grau 1 (Não Inflamatória – Comedônica) apresenta obstrução do folículo com a presença de cravos;

Grau 2 (Inflamatória – Pápulo – Pustulosa) inclui inflamações, pápulas e pústulas, requerendo tratamento com séruns específicos e géis matificantes;

Grau 3 (Inflamatória – Nódulo-Cística) é semelhante ao Grau 2, mas com inflamação acentuada, exigindo dermocosméticos potentes e medicamentos;

Grau 4 (Conglobata) é marcado por múltiplos abscessos e cistos purulentos, necessitando de cuidados intensivos;

Grau 5 (Fulminans) é uma forma grave que pode levar a reações sistêmicas, até mesmo morte, exigindo internação hospitalar. Em todos os casos, o uso de protetores solares matificantes é crucial devido ao papel do sol no aumento da produção de sebo e no surgimento da acne.

Quando a acne pode começar a se manifestar??

A acne vulgar, típica de jovens e adolescentes, inicia-se na puberdade devido ao descontrole hormonal, culminando nos graus 1 e 2. Por outro lado, a acne adulta, que afeta pessoas após os 20 anos, é associada a desequilíbrios hormonais, como uso inadequado de anticoncepcionais, estresse recorrente e Síndrome dos Ovários Policísticos. O tratamento adequado inclui cuidados dermatológicos e, para mulheres, consulta com um ginecologista para abordar possíveis desequilíbrios hormonais específicos.

Existe Tratamento para as Manchas da Acne?

Segundo o Dr. Maurizio Pupo, quando ocorre a inflamação da acne, como forma de defesa, a pele aumenta a produção de melanina no local, escurecendo aquela área.

Essa condição tem um nome: Hiperpigmentação pós inflamatória ou Melanodermia residual.

O tratamento eficaz das manchas de acne começa com a prevenção, sendo crucial finalizar o tratamento da acne para evitar novas inflamações que possam resultar em manchas na pele.

  1. Limpeza da pele – Lavar o rosto até três vezes ao dia com um gel de limpeza sem sabão e álcool é fundamental para peles oleosas e acneicas, evitando o ressecamento e o efeito rebote nas glândulas sebáceas, o gel de limpeza profunda para acne e pele oleosa é uma opção, pois limpa e purifica profundamente sem ressecar a pele com pH fisiológico e fórmula inovadora livre de sabão e rico em Ácido Sebácico e Zinco com ação matificante e antioleosidade.
  2. Tonificação da pele – Após a limpeza a tonificação deve ser essencial pois ajuda a equilibrar o pH natural da pele, Depore Triple Acid é um tônico adstringente com textura extra leve e não oleosa, desenvolvido especialmente para as peles oleosas, mistas e com acne, com tripla ação antioleosidade, que limpa, desengordura, equilibra e purifica profundamente a pele.
  3. Sérum Clareador Noturno – O X-PEEL Acne Pore Peeling é um sérum clareador anti acne, contendo AHA e BHA para reduzir e prevenir acne, cravos, poros dilatados, e imperfeições, promovendo também o clareamento de manchas de acne e proporcionando luminosidade à pele.
  4. Proteção solar – (OBS: CITAR O PROTETOR BIOSOLE OXY FPS 85, QUE COMBATE 15 TIPOS DE MANCHAS) O uso de protetor solar clareador é crucial para tratar manchas de acne, pois além de fornecer proteção contra os danos causados pelos raios UV, ele auxilia na prevenção do agravamento das manchas. Sua formulação clareadora contribui para uniformizar o tom da pele, promovendo resultados mais eficazes no tratamento das áreas afetadas pela acne.

Protetores solares com 12 horas de proteção e clareamento da pele – Ada Tina

Ultra Proteção 15 Tipos de Manchas Biosole Oxy FPS 85 é um protetor solar clareador com Tecnologia SOLENT® 12 horas de proteção, toque seco, textura leve e rápida absorção, que combina Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX® Concentrados para clarear e rejuvenescer a pele, com os primeiros resultados já em 7 dias.

Biosole Oxy FPS 85

Biosole Fluid FPS 90 é um protetor solar fluido e anti-melasma e anti-manchas com ação antioxidante, muito resistente à água e ao suor, toque seco, não oleoso e textura leve com 12 Horas de Proteção Solar muito alta contra as radiações UVA e UVB.

biosole 90

Além disso, os protetores solares ADA TINA são muito mais concentrados! *A aplicação de apenas 1 dedo, equivalente a 1g de produto, é suficiente para proteger todo o rosto e atingir o FPS declarado na embalagem do produto, ou seja, para conseguir a proteção exata e perfeita!

* Informações de acordo com as normas europeias da COLIPA, reconhecida pela ANVISA.

Câncer de pele: O auto exame pode mudar a sua vida!

Câncer de pele o que é?

O autoexame da pele é uma etapa essencial na detecção precoce do câncer. Conhecer os sinais e estar ciente de quaisquer alterações na aparência da pele é fundamental para manter a pele saudável. 

O câncer de pele é um dos tipos mais comuns de câncer no mundo. É um mito pensar que apenas pessoas de pele clara ou que já tem histórico de câncer de pele na família podem ter câncer de pele, a verdade é que com a incidência maior dos raios solares, torna-se necessário ter mais cuidado e observar.

Tipos de câncer de pele

Existem três principais tipos de câncer de pele: carcinoma basocelular, carcinoma espinocelular e melanoma. O carcinoma basocelular é o tipo mais comum e geralmente aparece como uma lesão ou ferida que não cicatriza. O carcinoma espinocelular é o segundo tipo mais comum e pode se desenvolver em áreas expostas ao sol, como o rosto e as mãos. O melanoma é o tipo mais perigoso de câncer de pele e pode se espalhar rapidamente para outras partes do corpo.

Causas e fatores de risco para o câncer de pele

A exposição ao sol é a principal causa do câncer de pele. A radiação ultravioleta (UV) do sol danifica o DNA das células da pele, levando ao crescimento anormal e descontrolado das mesmas. Além da exposição ao sol, outros fatores de risco para o câncer de pele incluem o uso de camas de bronzeamento, histórico familiar da doença, pele clara, sardas, queimaduras solares frequentes e sistema imunológico enfraquecido.

A importância do usar Protetor Solar

Certamente, compreendemos a indispensabilidade do filtro solar na rotina diária de cuidados com a pele, visto que sua proteção visa resguardar a primeira camada da pele. Portanto, é crucial optar por um protetor solar que assegure uma aderência duradoura, seja adequado ao seu tipo de pele, com um FPS apropriado e que ofereça uma proteção contínua de 12 horas, como os protetores solares da Ada Tina. Essa escolha não apenas contribui para prevenir manchas e o envelhecimento precoce, mas também otimiza a eficácia do cuidado dermatológico diário, proporcionando uma defesa robusta e duradoura contra os danos causados pelo sol.

A importância do autoexame

A detecção precoce do câncer de pele é crucial para o sucesso do tratamento e a cura da doença. O autoexame da pele permite que você se torne seu próprio defensor na luta contra o câncer. Ao realizar regularmente autoexames da pele, você pode identificar quaisquer alterações suspeitas, como manchas, pintas ou lesões, que possam indicar a presença de câncer de pele.

Como realizar o autoexame para o câncer de pele?

O autoexame da pele pode ser realizado em casa, com um espelho de corpo inteiro e um espelho de mão. Siga estes passos para realizar um autoexame eficaz:

  1. Comece examinando o rosto, incluindo o nariz, lábios, bochechas e orelhas. Use o espelho de mão para verificar áreas difíceis de visualizar.
  2. Em seguida, examine o couro cabeludo, usando um espelho de mão e separando o cabelo em pequenas seções.
  3. Continue verificando o pescoço, peito e parte superior das costas. Use o espelho de corpo inteiro para visualizar essas áreas.
  4. Em seguida, examine os braços, incluindo as palmas das mãos, dedos e unhas.
  5. Verifique a parte inferior das costas, nádegas e pernas, incluindo a planta dos pés.

O dermatologista e membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Seção RS (SBD-RS), Fabiano Siviero Pacheco, alerta que existem algumas dicas, chamadas de “ABCDE”, que ajudam a identificar um possível melanoma durante o autoexame em casa.

– A letra “A” é Assimetria. O paciente pode observar se a pinta, ao ser dividida em duas metades, tem estas metades simétricas.

– A letra “B” é para cuidar as Bordas da lesão, pois toda pinta deve ter suas bordas lisas.

– A letra “C” refere-se às Cores da pinta, quanto mais cores diferentes (vermelho, branco, preto, tons de cinza), mais suspeita é a pinta.

– O “D” é o Diâmetro dos sinais, considerados com maior risco quando estão maiores de 0,6cm.

– A última orientação é a letra “E”, de Evolução. Uma pinta que progressivamente tem algum crescimento ou modificação deve ser investigada.

Como é realizado o diagnóstico 

O diagnóstico para o Câncer de pele é feito pelo médico dermatologista , através de dois exames: o “Dermatoscopia” ou a biópsia 

O Primeiro é um aparelho que permite ser vista as camadas de peles não vista a olho nu, já em situações mais específicas a biópsia é necessária para ter um diagnóstico preciso.

Tome controle da saúde da sua pele

O autoexame da pele é uma ferramenta simples e eficaz na detecção precoce do câncer de pele. Ao realizar regularmente autoexames e estar atento aos sinais e sintomas, você pode salvar sua vida ou a de alguém que você ama. Não subestime o poder do autoexame da pele e faça dele um hábito em sua rotina de cuidados com a saúde. Lembre-se de que um simples autoexame pode fazer toda a diferença para sua saúde e bem-estar.

Não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos e familiares para que todos possam estar cientes da importância do autoexame da pele na prevenção e detecção precoce do câncer de pele.

fontes das imagens utilizadas: https://elizaminami.com.br/tratamentos-clinica-eliza-minami/cancer-da-pele/

Como um sérum clareador atua na pele?

Como um sérum clareador atua na pele?

Os séruns clareadores vêm ganhando cada vez mais espaço na rotina de cuidados com a pele. Isso porque eles trazem diversos benefícios, como clareamento de manchas do melasma.

Vamos descobrir mais sobre os séruns clareadores neste texto, confira!

Como surgem as manchas no rosto?

A pele é muito suscetível a diferentes tipos de influências. Grande parte dela sempre sofre influência dos efeitos da natureza sofridos no dia a dia.

O clima, o vento, a poluição e principalmente, a ação do sol, na qual sua radiação tem efeito direto no aumento da produção de melanina da pele (pigmento que dá cor à pele) são os fatores que ocasionam as manchas na pele.

Muitas vezes é difícil de evitar que sua pele entre em contato com esses fatores e é por isso que frisamos a importância no tratamento da pele com séruns clareadores, além do uso do protetor solar.

O que são séruns clareadores e como agem na pele?

Os séruns clareadores, geralmente possuem ativos com forte capacidade antioxidante que retarda a formação excessiva de melanina na pele.

Estes antioxidantes são substâncias naturais ou sintéticas que protegem as células dos radicais livres (moléculas instáveis ​​que causam danos diretos ao nosso organismo, incluindo a pele) produzidos pelo corpo e trabalham contra o desenvolvimento de manchas escuras já existentes, assim clareando a pele. 

Um dos mais famosos antioxidantes do mercado dermocosmético atual é a vitamina C, que, além de clarear a pele, também possui efeitos anti envelhecimento, que assim garante firmeza e elasticidade à pele.

Como usar um sérum clareador?

Não há segredo para adicionar um sérum clareador em sua rotina diária de skincare. 

Conforme orientação do farmacêutico especialista em cosmetologia, Dr. Maurizio Pupo, o procedimento ideal é limpar a pele como de costume e aplicar o sérum na pele limpa e seca. 

Após a aplicação, aguarde alguns instantes antes de continuar com o creme facial, protetor solar, base ou qualquer outro produto que vier a seguir em sua rotina, dependendo de suas necessidades e tratamento.

Lembre-se de que, na maioria das variações e ingredientes ativos, o sérum ainda pode ser usado duas vezes ao dia. A aplicação posterior do protetor solar nunca deve ser esquecida, portanto, use-o diariamente para potencializar o efeito e proteger adequadamente sua pele.

Vamos agora ver a lista que preparamos para você com os 8 melhores séruns clareadores de manchas e melasma.

Como o protetor solar também ajuda no combate às manchas?

Usar um bom protetor solar todos os dias é a melhor maneira de prevenir o surgimento de novas manchas de melasma, afinal, como essa mancha surge devido à emissão de radiação ultravioleta do sol na pele, o filtro solar bloqueia as radiações e evita o surgimento do melasma na pele.

Além disso, existem protetores solares clareadores que também contam com ingredientes antioxidantes em sua formulação, como a vitamina C e o DIFENDIOX®. Esses que são capazes de clarear intensivamente as manchas escuras. 

O uso desses protetores, associados a outros produtos clareadores como os próprios séruns que citamos acima, são capazes de clarear até mesmo as manchas mais profundas, como o melasma grau 4.

Melhores séruns clareadores de manchas

sérum clareador

1. Clarivis High Potency

Clarivis High Potency conta com os benefícios da Tripla Combinação de ácidos clareadores – Ácido Kójico Clareador + AHA Renovadores. Concentrados em 14,82%, que juntos atuam em sinergia promovendo uma alta potência clareadora.

Especialmente desenvolvido para o tratamento das manchas escuras, como o melasma grau 3 e grau 4.

2. Clarivis TX Ultra Resist 

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. 

Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, é capaz de deixar a pele muito mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

3 – Liqui.Laser Booster Clareador

Liqui.Laser Booster Clareador sérum que clareia e renova intensamente a pele, com tecnologia Glycogen Hyaluronic Peptide exclusiva Ada Tina e Niacinamida Super Concentrada. 

Além disso, esses ingredientes em sinergia criam um efeito laser capaz de iluminar a pele desde a 1ª aplicação, tornando-a muito mais radiante.

4 –  Niacinamide Ultra Superior 15

Um sérum inovador ultra concentrado com 15% de Niacinamida Plex, que surpreendente possui poderosa e potente eficácia clareadora e iluminadora superior. 

E com Peptídeos Ultra Antioxidantes que contribuem fortemente para os resultados de radiância e assim melhor aparência já na primeira aplicação, renovando e restaurando a vitalidade da pele.

5 – Bright Peptide

Um sérum daily use com a novíssima tecnologia de Peptídeos Clareadores que penetram profundamente na pele deixando-a mais radiante e com melhor aparência com resultados percebidos já na 1ª aplicação. 

O uso diário de Bright Peptide previne manchas solares, clareia manchas da acne e da idade e mantém a pele sempre iluminada.

6 – Pure C 20 Sérum

PURE C 20 Sérum é um sérum clareador anti-idade, formulado para o tratamento e clareamento de melasma grau 3, manchas escuras e manchas solares, Além de também  tratar e reduzir as rugas profundas, rejuvenescer, aumentar a firmeza e a elasticidade da pele.

Formulado com Difendiox® Antioxidante, além da vitamina C 20% estabilizada e concentrada. Dois ativos que possuem potente ação clareadora e além disso, antioxidante que previnem e a tratam o melasma e manchas, inclusive as manchas causadas pela acne.

Protetor solar clareador

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador de manchas com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®. Desenvolvido especialmente para proteger e tratar as peles com melasma, pois atua no combate de 15 tipos de manchas.

Com eficácia antissinais e antirrugas, deixa a pele mais clara e rejuvenescida, além de conter 12 horas de proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

Quais são as principais causas de hiperpigmentação da pele?

Quais são as principais causas de hiperpigmentação da pele?

A hiperpigmentação, nada mais é que o escurecimento de uma região específica da pele como resultado do aumento da produção de melanina.

Essa condição provoca manchas escuras em tons amarronzados que não costumam desaparecer espontaneamente. 

Confira no texto a seguir quais são as principais causas de hiperpigmentação da pele.

Quais são as principais causas de hiperpigmentação da pele?

Vários fatores podem causar a hiperpigmentação (manchas escuras) na pele, e o principal é a exposição solar sem proteção adequada.

Além disso, processos que deixam a pele vermelha e irritada também podem causar a hiperpigmentação.

Entre os fatores podem causar as manchas na pele, as principais causas são:

  • exposição solar: a principal causa de diferentes tipos de mancha, inclusive do melasma, é a exposição solar sem proteção adequada. Os raios UV do sol danificam o DNA das células estimulando  a hiperpigmentação que causa as manchas;
  • processos inflamatórios: após o tratamento e melhora da inflamação, como a acne, a pele começa a se recuperar e, em alguns casos causa o aumento da concentração de pigmento no local onde existia a acne ou outro tipo de inflamação;
  • alterações hormonais: como no caso do cloasma, onde as alterações hormonais desencadeiam uma reação aumentando a pigmentação da pele; 
  • doenças autoimunes: doenças como o vitiligo, onde as manchas são derivadas da reação do sistema imunológico.
  • micoses: infecção causada por fungos que derivam manchas esbranquiçadas, neste caso ocorre a falta de pigmentação;

Sabendo quais são os principais fatores que causam manchas na pele, é possível descobrir qual é o seu tipo de mancha e como tratar essa condição.

É essencial manter uma rotina de skincare saudável e específica para pele com manchas, e principalmente específica para o seu tipo de mancha.

Nos casos de manchas causadas por alterações hormonais, doenças autoimunes e micoses, o ideal é procurar um profissional da área de saúde para que seja feito um acompanhamento adequado.

Listamos abaixo um passo a passo para uma rotina de cuidados com a pele com manchas, confira!

Como prevenir o aparecimento de manchas na pele?

Existem diversas maneiras de evitar e prevenir o aparecimento de manchas na pele. Confira abaixo alguns métodos eficazes:

Use protetor solar diariamente:

O uso diário de protetor solar é essencial para prevenir manchas solares na pele. Certifique-se de aplicar uma camada que cubra toda a extensão da pele com um produto com fator de proteção solar (FPS) adequado (no mínimo FPS 50) antes de sair de casa, e para protetores comuns, reaplique a cada duas horas. Os protetores solares da Ada Tina possuem a tecnologia Solent®, que garante 12 horas de alta proteção solar, evitando as constantes reaplicações.

Evite a exposição solar excessiva:

Evite a exposição solar em horários de pico (entre 09h e 17h), quando os raios solares são mais fortes. Se precisar sair e se expor a esses raios solares, opte por usar roupas que cubram a maior parte do corpo, como chapéus, camisas de manga longa e calças compridas.

Invista em produtos com antioxidantes:

Produtos com antioxidantes, como a vitamina C e a niacinamida, ajudam a proteger a pele contra os danos causados pelos raios UV emitidos pelo sol, prevenindo assim o aparecimento de manchas solares.

Use produtos clareadores e preventivos:

clareadores

Caso já tenha manchas de sol na pele, use produtos clareadores para ajudar a reduzi-las e clareá-las. Na Ada Tina você encontra uma diversa gama de produtos clareadores, que atuam profundamente na pele com ação clareadora de manchas, principalmente o melasma.

Pele Mais Radiante e com melhor aparência já na 1ª Aplicação – Bright Peptide

Bright Peptide

Brigth Peptide é um sérum inovador que combina a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores somada à potência da Niacinamida Ultra Concentrada e do Ácido Hialurônico de baixíssimo peso molecular.

Seus ingredientes criam uma sinergia completa com potente ação iluminadora. Seu uso diário previne as manchas solares e clareia as manchas de acne e da idade, deixando a pele muito mais radiante e com melhor aparência já na primeira aplicação. 

Com resultados percebidos por 73% das mulheres.

Clareia manchas da acne, manchas da idade e uniformiza a pele

Bright Peptide é capaz de clarear as manchas de acne e da idade, além de possuir ação uniformizadora que retexturiza a pele. Além disso, atua na prevenção de rugas, linhas de expressão e nos primeiros sinais de imperfeições que surgem com a idade. 

Além disso, Bright Peptide possui ação renovadora e retexturizadora e seu uso diário deixa a pele muito mais radiante e com aparência muito mais jovem.

Protetor solar – o segredo da peles sem manchas

O uso de protetor solar é essencial para todos os tipos de pele, além disso é essencial para peles com manchas. 

Aqui estão algumas dicas para escolher o protetor solar ideal para pele com manchas.

  • Escolha um protetor solar com FPS alto (50 ou mais), pois isso ajuda a proteger a pele dos danos causados pelos raios UV emitidos pelo sol;
  • Opte por protetores solares que possuam ativos antioxidantes e clareadores; 
  • Uma boa opção são os protetores com cor, para manchas muito acentuadas a cor será uma barreira de proteção a mais, além de cobrir com efeito maquiagem. 

Escolha um protetor solar que adapte-se ao seu tipo de pele de forma eficaz para protegê-la contra os danos causados pelo sol. 

O uso regular e diário do protetor solar pode ajudar a prevenir manchas, envelhecimento precoce da pele e outros problemas relacionados à exposição solar.

Nossa dica fica para a linha Biosole da Ada Tina, que possui uma variedade de protetores solares especialmente formulados para proteger e tratar peles com manchas.

Os problemas que mais atingem a pele negra – manchas!

Os problemas que mais atingem a pele negra.

Todo tipo de pele está sujeita ao aparecimento de manchas e oleosidade. Porém, na pele negra essas características podem aparecer com maior facilidade. 

Isso acontece através de fatores específicos, que, na maioria das vezes, não podem ser impedidos, mas podem ser reduzidos e evitados. 

Vamos entender melhor sobre esse assunto aqui neste texto, confira!

Quais são as características da pele negra?

A pele negra possui mais melanina, que é a responsável pela nossa pigmentação. E esse fator isolado já é por si só um motivo para o uso do protetor solar diariamente neste tipo de pele, pois, a maior produção de melanina pode causar a hiperpigmentação (manchas).

Na pele negra a fotoproteção natural pode chegar a 13.4, mas, apesar disso, a pele negra também possui mais oleosidade e com isso está mais sujeita a algumas condições, por isso, precisa sim de cuidados especiais e proteção extra para se manter saudável, radiante e livre de manchas. A radiação solar é um agressor real da pele, inclusive da pele negra.

Portanto, nada de pular o protetor solar na sua rotina de skincare, ok? A proteção é essencial para todos os tipos de pele.

Já falamos ali em cima que, justamente por possuir mais melanina, a pele negra acaba tendo mais facilidade de sofrer com melasma  e outras manchas, que podem ser agravadas com a exposição solar sem proteção adequada. E além disso, a tendência à oleosidade da pele negra também vai favorecer o surgimento da acne, mas acaba amenizando os sinais do envelhecimento. 

A pele negra  também tem menor incidência de doenças, como o câncer de pele, quando comparada aos demais fototipos.

Quais são os tipos de manchas que a pele negra pode ter?

As manchas que podem se formar na pele negra são diversas.Vamos conferir algumas logo abaixo.

  • Manchas da acne: as espinhas e os cravos podem deixar a pele negra com manchas de acne depois que ela desaparece. Isso acontece, pois no local onde a acne se formou ocorre uma pequena inflamação, e como vimos acima, inflamações  formam manchas em peles de fototipos mais altos. O ideal é tentar evitar espremer a área para que a situação não piore;
  • Foliculite: a foliculite geralmente deixa uma vermelhidão em peles mais claras, porém na pele negra ela pode resultar em uma pele manchada. A foliculite, como já vimos por aqui, é uma pequena infecção dos bulbos dos pelos que pode melhorar sozinha ou necessitar de tratamento, dependendo da gravidade;
  • Melasma: essa é a mancha mais comum em todos os tipos de pele. Porém, o melasma na pele negra pode ser ainda mais evidente. As manchas podem acontecer devido à exposição ao sol sem proteção adequada, e por ser uma pele com maior quantidade de melanina, a hiperpigmentação pode acontecer com maior facilidade.

Como tratar as manchas do melasma na pele negra?

Como a pele tende a escurecer naturalmente devido ao acúmulo de melanina, o tratamento incorreto pode piorar o quadro, deixando as manchas mais resistentes ainda, e é por isso que procurar ajuda especializada é necessário. 

Mas, não há necessidade para desespero, pois é possível controlar, tratar e prevenir o surgimento de novas manchas apenas com o uso de um bom protetor solar com 12hs de proteção.

Nós já falamos aqui que a pele negra não queima com facilidade quando exposta ao sol, mas isso não significa que ela não precisa de proteção, a pele negra precisa de proteção contra os raios do sol tanto quanto as peles de fototipos mais baixos.

O tratamento tópico é com certeza a melhor opção para controlar o melasma na pele. Séruns com ação clareadora e produtos com ação antioxidante oferecem benefícios tanto para manchas mais claras quanto para marcas mais escuras e persistentes. 

Produtos que tenham em sua fórmula antioxidantes, como a vitamina C, uniformizam o tom e a textura da pele. 

Além disso, a vitamina C ainda trará benefícios como uma pele mais iluminada, mais firme e prevenção contra rugas e linhas finas.

Afinal, qual o passo a passo para manter a pele negra radiante e saudável!

Assim como todos os outros tipos de pele, a pele negra também precisa de uma rotina de cuidados para radiante e, principalmente, saudável. E proteger a pele é o segredo?

Sim, mil vezes sim, não cansamos de frisar que a proteção solar diária é fundamental para a saúde de qualquer tipo de pele!

Montamos um protocolo de rotina de cuidados com a pele negra para que você possa manter a radiância e saúde da sua pele sempre em dia, confira a seguir!

1. Limpeza

Por ser mais oleosa, a pele negra necessita de uma limpeza diária para evitar a formação da acne.

E para esse primeiro e importante passo, recomendamos o Depore Concentrate da Ada Tina, um gel de limpeza para peles oleosas e acneicas que limpa e purifica profundamente sem ressecar. Com pH fisiológico e fórmula inovadora livre de sabão e rico em Ácido Sebácico e Zinco, Depore Concentrate possui ação matificante e anti oleosidade.

2. Hidratação e tratamento

Por ser oleosa, o ideal é optar por uma hidratação livre de óleo e, com a presença de ativos em sua fórmula que vão além de manter a pele hidratada, também tratar inclusive as manchas. É extremamente necessário fazer a recuperação da barreira cutânea (hidratação) da pele. 

E para esse passo indicamos o sérum de tratamento da marca Ada Tina Clarivis Nia 10. Sérum clareador, anti manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico, rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

3. Proteção solar

protetor solar

Como dissemos até mais de uma vez aqui neste texto, mesmo com mais resistência à exposição solar por conta da maior concentração de melanina, a negra também necessita de fotoproteção. 

Quem possui este fototipo de pele precisa usar protetor solar diariamente, mesmo em dias nublados ou quando está em ambientes fechados.

Neste passo recomendamos o protetor solar FPS 99 da Ada Tina Biosole Extreme. Protetor solar com máximo bloqueio anti-melasma, 12HS de proteção UV, com Tinosorb® M Anti-UVA1 Longo. Biosole Extreme FPS 99 previne manchas, melasma e fotoenvelhecimento. Além de possuir toque seco, não oleoso, textura leve e invisível, podendo assim ser usado por todos os tipos e tons de pele. Desde o fototipo 1 até o  6.

biosole extreme fps99

Finalizando nossas dicas de passo a passo para manter a pele negra radiante e saudável, indicamos a hidratação corporal. Isso porque, apesar de a pele negra apresentar oleosidade na pele do rosto, ela pode ter características de ressecamento e descamação (aparência esbranquiçada) na pele do corpo.

Manter a hidratação tomando água diariamente também vai ajudar no viço e saúde da sua pele!

Tipos de manchas na pele, quais os cuidados?

Tipos de manchas na pele, quais os cuidados?

Uma das maiores queixas de problemas na pele são as manchas, e existem diferentes tipos delas, você sabia?

Confira no texto abaixo os diferentes tipos de manchas na pele e quais os cuidados!

Como surgem as manchas na pele?

Diversos fatores podem causar as manchas na pele e as principais causas são:

  • exposição solar: a principal causa de diferentes tipos de mancha, inclusive do melasma, é a exposição solar sem proteção adequada. Os raios UV do sol danificam o DNA das células estimulando  a hiperpigmentação que causa as manchas;
  • processos inflamatórios: após o tratamento e melhora da inflamação, como a acne, a pele começa a se recuperar e, em alguns casos causa o aumento da concentração de pigmento no local onde existia a acne ou outro tipo de inflamação;
  • alterações hormonais: como no caso do cloasma, onde as alterações hormonais desencadeiam uma reação aumentando a pigmentação da pele; 
  • doenças autoimunes: doenças como o vitiligo, onde as manchas são derivadas da reação do sistema imunológico.
  • micoses: infecção causada por fungos que derivam manchas esbranquiçadas, neste caso ocorre a falta de pigmentação;

Sabendo quais são os principais fatores que causam manchas na pele, é possível descobrir qual é o seu tipo de mancha e como tratar essa condição.

É essencial manter uma rotina de skincare saudável e específica para pele com manchas, e principalmente específica para o seu tipo de mancha.

Nos casos de manchas causadas por alterações hormonais, doenças autoimunes e micoses, o ideal é procurar um profissional da área de saúde para que seja feito um acompanhamento adequado.

Quais os principais tipos de manchas na pele, quais os cuidados? 

Existem 5 tipos de manchas mais conhecidas e comuns que merecem uma atenção especial e cuidados diários, além da prevenção.

1)  Melasma

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados. O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

2) Efélides

Conhecidas também como sardas, são manchas genéticas. Possuem cor castanha, e geralmente surgem em peles mais claras (especialmente em pessoas loiras e ruivas).

3) Melanose solar

Chamadas também de manchas da idade, pois são desencadeadas pelo excesso de exposição solar ao longo dos anos. Costuma aparecer no dorso das mãos, colo e costas, áreas comumente desprotegidas. Geralmente as pessoas de idade mais avançada as possuem com mais facilidade. No entanto, elas podem ser evitadas com o uso do protetor solar.

4) Cloasma

O cloasma é a condição do melasma durante a gravidez. Isso ocorre por conta das alterações hormonais.

5) Hiperpigmentação pós-inflamatória

Como o próprio nome sugere, essas manchas surgem, geralmente, em processos inflamatórios, como acne, espinhas e outras lesões.

O protetor solar é o melhor amigo da pele!

O primeiro e mais importante passo para ter uma pele livre de manchas é fazendo o uso adequado e diário de um bom protetor solar.

Se proteger dos raios solares e da luz visível é fundamental para evitar o surgimento de melasma e cloasma, mesmo que dentro de casa, sem contato direto com o sol é preciso fazer uso do protetor solar.

Separamos abaixo três indicações de protetores solares ideais para quem deseja prevenir e clarear as manchas na pele:

1- Biosole Oxy: Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX® (tecnologia exclusiva Ada Tina), que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

2- Pure C: Pure C FPS 50 é uma Vitamina C Concentrada anti-idade e clareadora que rejuvenesce e clareia a pele rico em Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, para peles com melasma Grau 2 e Grau 3, melasma grave e resistente e 12 Horas de Proteção Solar. 

3- Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90: é um protetor solar anti-manchas e antienvelhecimento, com tripla ação anti-melasma de DIFENDIOX®, Vitamina E+ clareadora e tecnologia Solent de 12 horas de proteção solar, capaz de prevenir fortemente as manchas escuras, o melasma e o envelhecimento da pele.

Dica extra da Ada Tina:

FPS 99 máximo bloqueio anti-melasma 

Biosole Extreme FPS 99 foi especialmente desenvolvido para o máximo bloqueio anti-melasma.

Com altíssimo fator de proteção FPS 99 e com Tinosorb M que absorve fortemente a radiação UVA1 Longo, além de efeito de refletir e dissipar a Luz Azul com efeito “boosting”. Biosole Extreme FPS 99 protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol.

Bright Peptide

Um sérum daily use com a novíssima tecnologia de Peptídeos Clareadores que penetram profundamente na pele deixando-a mais radiante e com melhor aparência com resultados percebidos já na 1ª aplicação. 

O uso diário de Bright Peptide previne manchas solares, clareia manchas da acne e da idade e mantém a pele sempre iluminada.

Com Peptídeos Clareadores

sérum

Com incrível capacidade de iluminar a pele intensamente, formulado com a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores e com altíssima capacidade de prevenir o surgimento das manchas, deixando assim a pele muito mais iluminada, renovada e com melhor aparência dia após dia. 

Bright Peptide é um sérum de uso diário e para todos os tipos e tons de pele, desde a pele mais clara até a pele negra, inclusive pela manhã antes da aplicação do protetor solar.

Pele Mais Radiante e com melhor aparência já na 1ª Aplicação

Brigth Peptide é um sérum inovador, pois combina a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores somada à potência da Niacinamida Ultra Concentrada e do Ácido Hialurônico de baixíssimo peso molecular.

Seus ingredientes criam uma sinergia completa com potente ação iluminadora. Seu uso diário previne as manchas solares e clareia as manchas de acne e da idade, deixando a pele muito mais radiante e com melhor aparência já na primeira aplicação. 

Assim, com resultados percebidos por 73% das mulheres.

Uma pele bem protegida, bem hidratada e cuidada com carinho estará não só livre das manchas, mas também, jovem, luminosa, viçosa e cheia de vida!

Respeitar cada tipo de pele e fazer escolhas inteligentes e além disso com a escolha de produtos bons e de qualidade é primordial.

Bright Peptide

O que são manchas de idade? Como tratar?

O que são manchas de idade? Como tratar?

Nossa pele passa por mudanças à medida que envelhecemos e com isso podem surgir as manchas da idade no rosto e outras partes do corpo, como as mãos.

No texto a seguir vamos explicar o que são manchas de idade e como tratar. Confira!

O que são manchas da idade?

Como o próprio nome já diz, este tipo de mancha aparece no decorrer do envelhecimento da pele e pode ter duas colorações diferentes. 

As manchas da idade, chamadas de senis escuras, são causadas por um excesso de melanina, pois ao longo dos anos, a radiação solar excessiva é acumulada pela pele e resulta na alteração de produção de melanina pelos melanócitos, escurecendo assim algumas áreas da pele, principalmente do rosto. 

Já as manchas de tonalidade branca aparecem devido à ausência de melanina, causada pela intensa exposição solar – a radiação é capaz de destruir os melanócitos e compromete a produção de pigmento na pele.

As manchas de idade podem aparecer nos seguintes locais:

  • rosto
  • mãos
  • ombros
  • parte superior das costas
  • antebraços

Quando começar o tratamento anti-idade?

Começar um tratamento anti-idade é a escolha mais inteligente de quem quer manter a aparência saudável, jovem e consequentemente bonita.

A pergunta mais frequente é: “quando começar uma rotina de skincare anti-idade?”

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) diz que as funções fisiológicas da pele podem diminuir em até 50% na meia-idade, além dos fatores intrínsecos e extrínsecos que vão interferir diretamente no envelhecimento acelerando esse processo.

Com isso entendemos que, manter hábitos diários de cuidado com a pele como limpeza, hidratação, tonificação e proteção solar são processos básicos, importantes e simples que fazem parte de uma rotina de skincare e já podem ser considerados como o primeiro passo para um skincare anti-idade.

A verdade é que, quanto antes for iniciada uma rotina de cuidados com a pele (skincare anti-idade), mais se retarda os sinais de envelhecimento na pele e o surgimento de manchas da idade.

É importante frisarmos que, todo tratamento anti envelhecimento deve ser preventivo, ou seja, quando a pele ainda é jovem. Afinal, o objetivo é evitar o envelhecimento precoce e as manchas.

A preferência sempre será o uso de protetor solar e produtos antioxidantes em nossa rotina diária de cuidados com a pele.

Assim, o tratamento anti-idade deve ser iniciado de acordo com a necessidade de cada pele, por isso, o melhor caminho é a prevenção.

Primeiros cuidados com a pele

Engana-se quem acredita que a pele jovem não precisa de cuidados. O corpo tem necessidades e precisa de atenção mesmo quando ainda jovem.

É a partir dos 25 anos que a produção de colágeno começa a cair cerca de 1% anualmente e 30% nos primeiros anos da menopausa, quando as mulheres sofrem uma queda ainda mais dramática.

Isso impacta diretamente na renovação celular da nossa pele, que começa a ficar mais lenta. Desta forma a pele fica mais  irregular, menos hidratada e com firmeza e elasticidade comprometidas. Assim abrindo caminho para as rugas e linhas de expressão. 

Esse não é o único problema da queda na produção de colágeno, pois as cartilagens do corpo também começam a enfraquecer com o passar dos anos.

O protetor solar é o maior aliado da sua pele!

A ADA TINA possui uma grande variedade de produtos anti-manchas, clareadores e voltados para o rejuvenescimento da pele, que fazem total diferença na saúde e aparência da sua pele.

E, entre esses produtos encontramos protetores solares, que podemos chamar de “o maior aliado da saúde da pele”.

Um exemplo é o Biosole Oxy FPS 50, um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 Horas de Proteção Solar e 24 Horas de Proteção Anti-Melasma.

Bright Peptide – seu primeiro sérum anti-idade

sérum

Um sérum daily use com a novíssima tecnologia de Peptídeos Clareadores que penetram profundamente na pele deixando-a mais radiante e com melhor aparência com resultados percebidos já na 1ª aplicação. 

O uso diário de Bright Peptide previne manchas solares, clareia manchas da acne e da idade e mantém a pele sempre iluminada.

Com Peptídeos Clareadores

Com incrível capacidade de iluminar a pele intensamente, formulado com a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores. Possui altíssima capacidade de prevenir o surgimento das manchas, deixando assim a pele muito mais iluminada, renovada e com melhor aparência dia após dia. 

Bright Peptide pode ser usado diariamente por todos os tipos e tons de pele, desde a pele mais clara até a pele negra. Inclusive pela manhã antes da aplicação do protetor solar.

Pele Mais Radiante e com melhor aparência já na 1ª Aplicação

Brigth Peptide é um sérum inovador que combina a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores somada à potência da Niacinamida Ultra Concentrada e do Ácido Hialurônico de baixíssimo peso molecular.

Seus ingredientes criam uma sinergia completa com potente ação iluminadora. Seu uso diário previne as manchas solares e clareia as manchas de acne e da idade, deixando a pele muito mais radiante e com melhor aparência já na primeira aplicação. 

Além disso, possui resultados percebidos por 73% das mulheres.

Clareia manchas da acne, manchas da idade e uniformiza a pele

Bright Peptide é capaz de clarear as manchas de acne e da idade, além disso possui ação uniformizadora que retexturiza a pele. Além disso, atua na prevenção de rugas, linhas de expressão e nos primeiros sinais de imperfeições que surgem com a idade. 

Bright Peptide possui ação renovadora e retexturizadora e seu uso diário deixa a pele muito mais radiante e com aparência muito mais jovem.

Bright Peptide

Séruns clareadores para deixar a pele iluminada e sem manchas

Séruns clareadores para deixar a pele iluminada e sem manchas

Você já usou um sérum clareador? 

Os séruns clareadores vêm ganhando cada vez mais espaço na rotina skincare. Com diversos benefícios para a pele, como clareamento de manchas do melasma.

Por isso, listamos os melhores séruns clareadores de manchas e melasma!

Confira!

Primeiramente, o que são clareadores?

Os agentes clareadores são geralmente ativos com forte capacidade antioxidante que retarda a formação excessiva de melanina na pele.

Estes antioxidantes são substâncias naturais ou sintéticas que protegem as células dos radicais livres (moléculas instáveis ​​que causam danos diretos ao nosso organismo, incluindo a pele) produzidos pelo corpo e trabalham contra o desenvolvimento de manchas escuras já existentes, assim clareando a pele. 

Um dos mais famosos antioxidantes do mercado dermocosmético atual é a vitamina C, que, além de clarear a pele, também possui efeitos anti envelhecimento, que assim garante firmeza e elasticidade à pele.

Como surgem as manchas no rosto?

A pele é um órgão muito suscetível a diferentes tipos de influências. Grande parte dela sempre sofre influência dos efeitos da natureza sofridos no dia a dia.

O clima, o vento, a poluição e principalmente, a ação do sol, na qual sua radiação tem efeito direto no aumento da produção de melanina da pele (pigmento que dá cor à pele) são os fatores que ocasionam as manchas na pele.

Muitas vezes é difícil de evitar que sua pele entre em contato com esses fatores e é por isso que frisamos a importância no tratamento da pele com séruns clareadores, além do uso do protetor solar.

Como usar o sérum?

Não há segredo para incorporar o sérum em sua rotina diária de cuidados com a pele. Conforme orientação do farmacêutico especialista em cosmetologia, Dr. Maurizio Pupo, o procedimento ideal é limpar a pele como de costume e aplicar o sérum na pele limpa e seca. 

Após a aplicação, aguarde alguns instantes antes de continuar com o creme facial, protetor solar, base ou qualquer outro produto que vier a seguir em sua rotina, dependendo de suas necessidades e tratamento.

Lembre-se de que, na maioria das variações e ingredientes ativos, o sérum ainda pode ser usado duas vezes ao dia. A aplicação posterior do protetor solar nunca deve ser esquecida, portanto, use-o diariamente para potencializar o efeito e proteger adequadamente sua pele.

Vamos agora ver a lista que preparamos para você com os 8 melhores séruns clareadores de manchas e melasma.

séruns clareadores

1. Clarivis High Potency

Clarivis High Potency conta com os benefícios da Tripla Combinação de ácidos clareadores – Ácido Kójico Clareador + AHA Renovadores. Concentrados em 14,82%, que juntos atuam em sinergia promovendo uma alta potência clareadora.

Especialmente desenvolvido para o tratamento das manchas escuras, como o melasma grau 3 e grau 4.

2. Clarivis TX Ultra Resist 

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. 

Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, é capaz de deixar a pele muito mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

3 . Pure C 20 Sérum

PURE C 20 Sérum é um sérum clareador anti-idade, formulado para o tratamento e clareamento de melasma grau 3, manchas escuras e manchas solares, Além de também  tratar e reduzir as rugas profundas, rejuvenescer, aumentar a firmeza e a elasticidade da pele.

Formulado com Difendiox® Antioxidante, além da vitamina C 20% estabilizada e concentrada, dois ativos que possuem potente ação clareadora e além disso, antioxidante que previnem e a tratam o melasma e manchas, inclusive as manchas causadas pela acne.

4 – Liqui.Laser Booster Clareador

Liqui.Laser Booster Clareador sérum que clareia e renova intensamente a pele, com tecnologia Glycogen Hyaluronic Peptide exclusiva Ada Tina e Niacinamida Super Concentrada. 

Além disso esses ingredientes em sinergia criam um efeito laser capaz de iluminar a pele desde a 1ª aplicação, tornando-a muito mais radiante.

5. Clarivis TX

Clarivis TX é desenvolvido com a Tripla Tecnologia Clareadora, pois combina três potentes clareadores de pele em sua formulação: Ácido Tranexâmico, Niacinamida Clareadora e Alfa-Arbutin. Atua em 21 mecanismos de formação das manchas na pele.

É capaz de reduzir profundamente o melasma grau 2 e 3, além de imperfeições causadas pelo sol, manchas de acne e também os sinais de envelhecimento da pele. Deixando-a mais clara e iluminada.

6. Bright Peptide

Um sérum daily use com a novíssima tecnologia de Peptídeos Clareadores que penetram profundamente na pele deixando-a mais radiante e com melhor aparência com resultados percebidos já na 1ª aplicação. 

O uso diário de Bright Peptide previne manchas solares, clareia manchas da acne e da idade e mantém a pele sempre iluminada.

7. Niacinamide Ultra Superior 15

Um sérum inovador ultra concentrado com 15% de Niacinamida Plex, que surpreendente possui poderosa e potente eficácia clareadora e iluminadora superior. 

E com Peptídeos Ultra Antioxidantes que contribuem fortemente para os resultados de radiância e assim melhor aparência já na primeira aplicação, renovando e restaurando a vitalidade da pele.

8 – Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 conta com a mais alta concentração de Niacinamida 10%, – também conhecida como Niacinamide – capaz de prevenir e tratar as manchas escuras na pele.

Capaz de clarear o melasma grau 1, também reduz sardas, imperfeições e manchas de acne, iluminando e uniformizando o tom da pele, deixando-a muito mais clara, radiante, com mais viço e livre de imperfeições.

* Teste de eficácia percebida realizado com voluntárias que utilizaram o produto Clarivis TX Ultra Resist por 14 dias duas vezes ao dia.

Manchas vermelhas na pele

Manchas vermelhas na pele.

As manchas vermelhas ou avermelhadas na pele podem ser derivadas de lesões dermatológicas, dermatite atópica, psoríase e até mesmo rosácea.

Vamos entender melhor sobre esse tipo de mancha vermelha na pele no texto a seguir e como tratá-las.

Confira!

O que podem ser manchas vermelhas na pele?

Logo se pensa em doenças crônicas quando falamos em manchas vermelhas ou avermelhadas na pele, como rosácea e psoríase. 

Mas, na verdade, as manchas vermelhas podem ser derivadas de procedimentos dermatológicos superficiais, por exemplo.

Vamos falar mais sobre os principais tipos de manchas vermelhas na pele a seguir, confira!

Principais tipos de manchas vermelhas na pele

Rosácea

A rosácea é uma inflamação crônica que se dá na pele do rosto, atingindo principalmente o centro da face, mas podendo se expandir para as bochechas, nariz, testa e até no queixo. Essa doença tem como característica uma vermelhidão nas áreas afetadas, pequenas bolinhas vermelhas, vasodilatação e lesões semelhantes à acne.

Ela se manifesta inicialmente como uma pré-rosácea, aparentando vermelhidão leve e passageira. Essa etapa pode evoluir progressivamente para a rosácea comum, apresentando ardência e irritação ao contato com a água ou produtos para a pele. É mais comum na pele feminina, porém, quando acometida por homens ela é muito mais grave.

Dermatite atópica

Dermatite atópica (ou eczema atópico) é um processo inflamatório crônico que se caracteriza por lesões avermelhadas na pele. Essas manchas geralmente coçam muito e, às vezes, chegam até a descamação. 

As manchas que surgem através da dermatite atópica geralmente se localizam na face. A dermatite atópica pode estar associada a outras atopias, como bronquite, asma e rinite, por exemplo. 

“Ainda não se conhecem as possíveis causas da dermatite atópica, mas há evidências de que predisposição genética e histórico familiar de atopias influenciam o aparecimento da enfermidade.”

Psoríase

A psoríase se caracteriza pela presença de lesões arredondadas, avermelhadas e descamativas na pele. 

É uma doença inflamatória, crônica, autoimune e não contagiosa em que os sintomas aparecem e reaparecem periodicamente durante a vida.

Não se conhece as causas reais da psoríase, o pouco que se sabe é que ela tem caráter hereditário e pode ter alguma relação com o sistema imunológico. 

Além disso, fatores externos como o estresse, podem causar o surgimento e piora das manchas na pele.

A psoríase não tem cura, mas tem tratamento, que deve ser feito através do acompanhamento de um dermatologista e cada caso deve ser averiguado individualmente. 

O tratamento não pode ser generalizado, pois tudo dependerá do tipo, local afetado, extensão e do organismo de uma forma geral.

Manchas pós procedimentos dermatológicos superficiais

Alguns procedimentos dermatológicos superficiais como peeling, microagulhamento, lasers e depilação podem deixar a pele com manchas avermelhadas, além de irritada e fragilizada com sensação de desconforto.

Exposição solar sem proteção solar

Expor a pele aos raios do sol sem proteção solar pode, além de causar manchas escuras como as manchas do melasma, momentaneamente causar vermelhidão e desconforto.

Como auxiliar o tratamento das manchas vermelhas na pele?

Sérum B12 Ultra Reparador

Sérum B2 Ultra Reparador, o novo lançamento da Ada Tina é o 1º sérum com Vitamina B12 Pura de uso diário.

Ele acima de tudo acalma a pele e reduz a vermelhidão já na 1ª aplicação, indicado para todos os tipos de pele, pois repara, hidrata e protege contra os danos do cotidiano, e além disso melhora a aparência de cicatrizes e imperfeições.

Pensando nas peles sensíveis, Sérum B12 Ultra Reparador pode ser usado também na pele com rosácea e psoríase, além de também em pós procedimentos dermatológicos superficiais.

1º Reparador intensivo ultra B12 – Pele mais calma já na 1ª aplicação

Sérum B12

Novíssimo sérum calmante, hidratante e ultra-reparador que acalma intensamente a pele e os sinais de vermelhidão já na 1ª aplicação. Tudo isso graças à alta concentração de vitamina B12 Puríssima que reforça a barreira cutânea da pele reduzindo os sinais de inflamação, acalmando a pele e hidratando profundamente dia após dia, já que é um sérum de uso diário. 

Indicado para todos os tipos de pele, pois as peles secas, desidratadas, fragilizadas, ressecadas, estressadas pós procedimentos dermatológicos superficiais também podem usá-lo. 

Indicado para peles mais sensíveis, pois possui eficácia reparadora e intensiva contra as agressões sofridas pela pele no cotidiano, por exemplo:

  • ressecamento;
  • radiação solar;
  • poluição;
  • calor intenso;
  • frio;
  • luzes artificiais, etc. 

Além disso, Sérum B12 Ultra Reparador age na redução dos sinais de ardência e marcas pós sol ou queimaduras superficiais na pele, e também na prevenção e no clareamento de manchas causadas pelo sol, manchas avermelhadas e manchas decorrentes de procedimentos dermatológicos como peelings, lasers e outros.

Tecnologia Exclusiva e Inovadora Rosavix

Exclusiva e Inovadora Tecnologia Rosavix é a combinação ideal de ingredientes fortemente calmantes e reparadores.

Esses ingredientes proporcionam à pele nutrição, hidratação e reparação diárias proporcionando profunda sensação de conforto percebido por 93% das mulheres que usaram o produto.

Sérum B12 Ultra Reparador age protegendo a pele de forma eficaz e intensiva contra as agressões sofridas diariamente. 

Mantendo-a desta forma, muito mais protegida do ressecamento, vermelhidão e desconforto durante o dia, ao mesmo tempo que reduz o estresse cutâneo e acelera a regeneração natural da pele.

Além disso, Sérum B12 Ultra Reparador auxilia no tratamento de peles com rosácea, psoríase e dermatite atópica.

Como surgem as manchas na pele e como tratar?

Como surgem as manchas na pele e como tratar?

A pele com manchas é um dos tipos mais comuns de pele e pode ser um verdadeiro desafio mantê-la saudável.

Na tentativa de eliminar as manchas, podemos piorar a situação, por isso é muito importante saber como surgem as manchas na pele e como tratar.

Confira no texto a seguir como surgem as manchas na pele!

Como surgem as manchas na pele?

Como surgem as manchas na pele?

Diversos fatores podem causar as manchas na pele e as principais causas são:

  • exposição solar: a principal causa de diferentes tipos de mancha, inclusive do melasma, é a exposição solar sem proteção adequada. Os raios UV do sol danificam o DNA das células estimulando  a hiperpigmentação que causa as manchas;
  • processos inflamatórios: após o tratamento e melhora da inflamação, como a acne, a pele começa a se recuperar e, em alguns casos causa o aumento da concentração de pigmento no local onde existia a acne ou outro tipo de inflamação;
  • alterações hormonais: como no caso do cloasma, onde as alterações hormonais desencadeiam uma reação aumentando a pigmentação da pele; 
  • doenças autoimunes: doenças como o vitiligo, onde as manchas são derivadas da reação do sistema imunológico.
  • micoses: infecção causada por fungos que derivam manchas esbranquiçadas, neste caso ocorre a falta de pigmentação;

Sabendo quais são os principais fatores que causam manchas na pele, é possível descobrir qual é o seu tipo de mancha e como tratar essa condição.

É essencial manter uma rotina de skincare saudável e específica para pele com manchas, e principalmente específica para o seu tipo de mancha.

Nos casos de manchas causadas por alterações hormonais, doenças autoimunes e micoses, o ideal é procurar um profissional da área de saúde para que seja feito um acompanhamento adequado.

Listamos abaixo um passo a passo para uma rotina de cuidados com a pele com manchas, confira!

Como prevenir o aparecimento de manchas na pele?

Existem diversas maneiras de evitar e prevenir o aparecimento de manchas na pele. Confira abaixo alguns métodos eficazes:

Use protetor solar diariamente:

O uso diário de protetor solar é essencial para prevenir manchas solares na pele. Certifique-se de aplicar uma camada que cubra toda a extensão da pele com um produto com fator de proteção solar (FPS) adequado (no mínimo FPS 50) antes de sair de casa, e para protetores comuns, reaplique a cada duas horas. Os protetores solares da Ada Tina possuem a tecnologia Solent®, que garante 12 horas de alta proteção solar, evitando as constantes reaplicações.

Evite a exposição solar excessiva:

Evite a exposição solar em horários de pico (entre 09h e 17h), quando os raios solares são mais fortes. Se precisar sair e se expor a esses raios solares, opte por usar roupas que cubram a maior parte do corpo, como chapéus, camisas de manga longa e calças compridas.

Invista em produtos com antioxidantes:

Produtos com antioxidantes, como a vitamina C e a niacinamida, ajudam a proteger a pele contra os danos causados pelos raios UV emitidos pelo sol, prevenindo assim o aparecimento de manchas solares.

Use produtos clareadores e preventivos:

Caso já tenha manchas de sol na pele, use produtos clareadores para ajudar a reduzi-las e clareá-las. Na Ada Tina você encontra uma diversa gama de produtos clareadores, que atuam profundamente na pele com ação clareadora de manchas, principalmente o melasma.

Pele Mais Radiante e com melhor aparência já na 1ª Aplicação – Bright Peptide

Brigth Peptide é um sérum inovador que combina a Novíssima Tecnologia de Peptídeos Ultra Clareadores somada à potência da Niacinamida Ultra Concentrada e do Ácido Hialurônico de baixíssimo peso molecular.

Seus ingredientes criam uma sinergia completa com potente ação iluminadora. Seu uso diário previne as manchas solares e clareia as manchas de acne e da idade, deixando a pele muito mais radiante e com melhor aparência já na primeira aplicação. 

Com resultados percebidos por 73% das mulheres.

Clareia manchas da acne, manchas da idade e uniformiza a pele

Bright Peptide é capaz de clarear as manchas de acne e da idade, além de possuir ação uniformizadora que retexturiza a pele. Além disso, atua na prevenção de rugas, linhas de expressão e nos primeiros sinais de imperfeições que surgem com a idade. 

Bright Peptide possui ação renovadora e retexturizadora e seu uso diário deixa a pele muito mais radiante e com aparência muito mais jovem.

Como tratar manchas na pele? Séruns anti manchas

Os séruns são uma ótima opção para quem tem pele com manchas, pois possuem ingredientes poderosos como antioxidantes que oferecem resultados mais efetivos, além de  surpreendentes.

Indicados para o tratamento de problemas de pele como manchas, acne, rugas e linhas de expressão.

A aplicação de sérum deve ser feita logo após a limpeza da pele e ela precisa já estar seca. 

Para aplicar, basta colocar uma pequena quantidade na palma da mão e aplicá-lo com as pontas dos dedos suavemente na pele do rosto, pois esse veículo cosmético possui uma ótima espalhabilidade. Mas atenção, não indicamos a aplicação em excesso, por isso use exatamente o indicado na embalagem.

Além disso, é importante escolher um sérum adequado para o seu tipo de mancha, e essa escolha pode ser feita aqui na Ada Tina.

Confira abaixo nossos poderosos séruns antimanchas e anti-melasma

Linha Clarivis – resultados surpreendentes antimanchas

sérum

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso, com textura extra leve e não oleosa.

Ácido Tranexâmico

Esse ácido tem o poder de inibir a síntese de melanina, agindo de maneira diferente de outros produtos, pois atua como um anti-inflamatório. Assim ele combate as inflamações que causam manchas escuras de maneira muito eficaz e segura, sendo um excelente aliado no tratamento do melasma. Além de indicado para todos os tipos de pele. 

Clarivis High Potency, um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com tripla combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Ácido Kójico

Por tratar-se de um despigmentante natural, utiliza-se o ácido kójico em conjunto com outros ácidos e substâncias. Além disso, outra vantagem bem importante é que ele pode ser aplicado na pele tanto à noite quanto ao dia, basta lembrar de fazer a aplicação de um protetor solar Ada Tina logo em seguida.

Clarivis Nia 10, sérum clareador, antimanchas e ultra concentrado. É formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação Clarivis Nia 10 previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Niacinamida (Ácido Nicotínico)

Também conhecida como niacinamida ou vitamina B3, este composto solúvel em água é multifuncional e super versátil. Capaz de clarear manchas do melasma. É também uma potente solução contra o envelhecimento precoce, sendo um ingrediente-chave para ajudar sua pele a permanecer mais jovem por mais tempo.

Como tratar as manchas da acne?

O tratamento ideal para as manchas de acne com toda certeza é a prevenção, cuidados com a pele oleosa e acneica é fundamental.

No entanto, se você já possui espinhas, o ideal é recorrer a um tratamento contra a acne para evitar que o processo inflamatório gere mais manchas e cicatrizes na pele. E para isso, aposte em dermocosméticos com efeitos secativos, que reduzam a oleosidade da pele.

GEL DE LIMPEZA PROFUNDA ACNE E PELE OLEOSA

Depore Concentrate limpa e purifica profundamente as peles oleosas, mistas e acneicas, removendo o excesso de oleosidade, contribuindo para o controle do brilho e dos poros dilatados e auxiliando no tratamento da acne e cravos.

TÔNICO FACIAL ADSTRIGENTE PELES OLEOSAS

Depore Triple Acid é um tônico adstringente com textura extra leve e não oleosa, desenvolvido especialmente para as peles oleosas, mistas e com acne, com tripla ação antioleosidade dos ácidos glicólico, mandélico e salicílico, que limpa, desengordura, equilibra e purifica profundamente a pele.

ANTIACNE E ANTIOLEOSIDADE

X-PEEL Acne Pore Peeling é um peeling antiacne e anti oleosidade em sérum, formulado com uma exclusiva combinação de alfa-hidroxiácidos AHA e beta-hidroxiácidos BHA, que em sinergia, reduzem em 85% a acne, cravos, poros, oleosidade e o brilho excessivo da pele*, além de estimular a renovação celular, deixando-a livre de acne, cravos, brilho e oleosidade.

CLAREADOR ANTI-IMPERFEIÇÕES

X-PEEL Acne Pore Peeling é um potente peeling clareador de manchas de acne, pois é formulado com uma combinação ideal de AHA e BHA capazes de clarear, iluminar e uniformizar intensamente a pele, além de reduzir as imperfeições em até 95%, tornando-a pele muito mais clara, iluminada e muito mais uniforme.

Protetor solar – o segredo da peles sem manchas

O uso de protetor solar é essencial para todos os tipos de pele, e principalmente para peles com manchas. 

Aqui estão algumas dicas para escolher o protetor solar ideal para pele com manchas.

  • Escolha um protetor solar com FPS alto (50 ou mais), pois isso ajuda a proteger a pele dos danos causados pelos raios UV emitidos pelo sol;
  • Opte por protetores solares que possuam ativos antioxidantes e clareadores; 
  • Uma boa opção são os protetores com cor, para manchas muito acentuadas a cor será uma barreira de proteção a mais, além de cobrir com efeito maquiagem. 

Escolha um protetor solar que adapte-se ao seu tipo de pele de forma eficaz para protegê-la contra os danos causados pelo sol. 

O uso regular e diário do protetor solar pode ajudar a prevenir manchas, envelhecimento precoce da pele e outros problemas relacionados à exposição solar.

Nossa dica fica para a linha Biosole da Ada Tina, que possui uma variedade de protetores solares especialmente formulados para proteger e tratar peles com manchas.

Skincare para peles com melasma

Skincare para peles com melasma

Melasma é o nome dado às manchas resistentes que aparecem no rosto frequentemente na região das bochechas, testa e queixo. 

Há tratamento, então se você tem melasma não se desespere!

Aqui neste texto vamos falar sobre o que é melasma, como identificar, como prevenir e

ensinar uma skincare para peles com melasma perfeita para seu tratamento.

Confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Se você já tem melasma, o primeiro passo e talvez o mais importante será classificá-lo para escolher o tratamento correto, vamos entender como segundo a classificação dos graus do melasma segundo Dr. Maurizio Pupo.

Identifique seu melasma para escolher o melhor tratamento!

Identifique seu melasma para escolher o melhor tratamento!

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Proteger a pele é o passo mais importante

Proteger a pele é o passo mais importante da skincare de quem tem melasma.

Usar um bom protetor solar todos os dias é a melhor maneira de prevenir o surgimento de novas manchas, inclusive e principalmente as do melasma. Afinal, o melasma surge a partir da exposição excessiva aos raios UV do sol.

Além disso, os protetores solares clareadores com ativos antioxidantes em sua formulação, como a vitamina C e o DIFENDIOX® , uma tecnologia exclusiva Ada Tina, são capazes de clarear intensivamente as manchas escuras do melasma, além de proteger a pele contra os raios Uv do sol e a fotoestabilidade.

O uso de protetores poderosos e de tratamento intenso, associados a outros produtos clareadores como séruns e ácidos, são capazes de clarear até mesmo as manchas mais profundas, como o melasma grau 4.

Skincare para peles com melasma 

Dicas de Skincare para peles com melasma:

Passo 1: 

2:

  • Hora do tratamento, utilize um sérum da linha Claravis da Ada Tina de acordo com o seu grau de melasma, sempre após a limpeza e preferencialmente no período noturno antes de dormir.

3:

  • Proteção solar: como citamos acima, a proteção solar é o passo mais importante para uma skincare de sucesso na pele com melasma. O uso do protetor solar ideals vai além de proteger, também clarear e prevenir o aparecimentos de novas manchas. E o protetor perfeito é o Biosole Oxy clareador com 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

Clarivis Nia 10 – sérum clareador concentrado com niacinamida

Clarivis Nia 10

Sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Clarivis High Potency – potente sérum clareador de manchas e melasma 

clarivis high potency

Sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Clarivis Tx – sérum Ultra Clareador com ácido tranexâmico – Clarivis Tx

Clarivis TX

Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Clarivis Tx Ultra Resist – sérum booster clareador de manchas, melasma resistente e hormonal

clarivis tx ultra resist

Sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

biosole oxy

Como tratar a pele com vitiligo?

Como tratar a pele com vitiligo?

Cada tipo de pele requer uma atenção especial para manter uma aparência saudável e evitar a evolução de quadros indesejados ou o aparecimento de novas condições cutâneas. Os cuidados com o vitiligo, por exemplo, são essenciais para controlar a doença. 

O que é vitiligo?

O vitiligo é uma condição dermatológica que afeta a pigmentação da pele, causando a formação de manchas brancas em várias partes do corpo. 

Essas manchas ocorrem quando as células que produzem melanina, o pigmento que dá cor à pele, são destruídas ou não funcionam corretamente.

Embora a causa exata do vitiligo ainda não seja totalmente compreendida, acredita-se que seja uma doença autoimune, isso significa que o sistema imunológico do corpo ataca erroneamente as células produtoras de melanina, destruindo-as e deixando áreas de pele sem cor. 

O vitiligo pode afetar pessoas de todas as idades, raças e gêneros. No entanto, é mais comum em pessoas com pele de fototipos mais altos. Alguns estudos também sugerem que o vitiligo pode ser hereditário, embora não seja garantido que filhos de pessoas com a condição desenvolvam vitiligo.

Quais são os sintomas de vitiligo?

Os sintomas do vitiligo geralmente começam com pequenas manchas brancas na pele, que podem se espalhar lentamente com o passar do tempo. 

As manchas são mais comuns nas áreas do corpo que são expostas ao sol, como as mãos, braços, rosto e pescoço. Às vezes, as manchas também aparecem em áreas mais escondidas, como as axilas, virilhas e até mesmo nas genitais.

Embora o vitiligo não seja uma condição dolorosa ou contagiosa, pode afetar significativamente a autoestima e a qualidade de vida das pessoas que o têm. Por isso a importância em procurar tratamento para melhorar a aparência das manchas e fornecer suporte emocional.

Quais são os tipos de vitiligo?

Existem dois principais tipos de vitiligo, classificados de acordo com sua distribuição no corpo e a aparência das manchas:

  1. Vitiligo segmentar ou unilateral: afeta apenas uma parte do corpo, como uma parte do rosto ou um braço.
  1. Vitiligo não segmentar ou bilateral: pode afetar várias partes do corpo, incluindo a face total, as mãos e os pés.

Outros subtipos de vitiligo, que são mais específicos, incluem: vitiligo universal, caracterizado pela perda completa de pigmentação em todo o corpo e o vitiligo acrofacial, que afeta principalmente as extremidades como mãos, pés, nariz, etc. 

É importante conversar com um dermatologista para entender qual tipo de vitiligo você tem e receber o tratamento adequado para sua condição específica.

Quais cuidados tomar diariamente?

cuidados com vitiligo

Mesmo que os tratamentos sejam individuais, os cuidados se assemelham.

Ainda que cada tratamento seja individual, os cuidados com o vitiligo podem ser parecidos. De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), as terapias convencionais se baseiam em loções, cremes de corticoides e fototerapia. 

É indicado também o uso de medicamentos tópicos que devem ser receitados por um médico, como também alguns derivados de vitamina D e imunossupressores, que vão induzir a repigmentação da pele com vitiligo. 

Alguns casos acabam não respondendo a essas alternativas de tratamento citadas acima, nestes casos específicos pode-se recomendar a despigmentação total da região afetada. 

Fora essas etapas de tratamento, é preciso se atentar à rotina de skincare, pois alguns ativos e produtos devem ser evitados. Quem tem vitiligo não pode irritar a pele com ácidos muito fortes.

É importante usar protetor solar na pele com vitiligo?

Assim como toda pele com manchas, a pele com vitiligo também precisa de proteção solar antes de se expor ao sol, porém é preciso um cuidado muito minucioso, uma vez que as manchas brancas do vitiligo representam a falta de pigmentação naquele local. Desta forma a pele acaba ficando ainda mais exposta aos malefícios do sol.

Recomenda-se o uso de um protetor solar próprio para peles fotossensíveis e com FPS alto.

Biosole Extreme FPS 99 – Máxima Proteção

Biosole Extreme FPS 99 possui altíssima proteção e máximo bloqueio, sendo muito indicado para peles fotossensíveis, pois protege a pele intensamente contra os raios solares, com Tinosorb M Anti-UVA1 Longo e proteção duradoura de 12HS. 

Sua fórmula ainda é rica em antioxidantes naturais como DIFENDIOX®, tecnologia exclusiva Ada Tina, que atua inclusive contra os malefícios da luz azul bloqueando os danos causados pelo Sol, protegendo intensamente a pele das manchas escuras, do melasma, manchas solares e manchas persistentes.

Mesmo com um fator de proteção solar (FPS) alto, esse poderoso protetor solar consegue deixar a pele sequinha quando aplicado no rosto. Pois seu toque não é oleoso, não é pegajoso e não estimula a produção de sebo na pele. Sendo ideal para todos os tipos de pele.

12HS de muita proteção, tecnologia SOLENT®  – Exclusiva Ada Tina

Com proteção altamente duradoura, a tecnologia SOLENT® possui extrema eficácia com 12HS de proteção fotoestável contra os raios solares UV. Sua combinação sinérgica de filtros solares intensamente fotoestáveis garantem máxima proteção sem que sejam necessárias tantas reaplicações durante o dia.

DIFENDIOX® –  Tecnologia exclusiva Ada Tina

DIFENDIOX® é a tecnologia exclusiva da Ada Tina que conta com 14 Polifenóis Antioxidantes. Capaz de proteger até mesmo as camadas mais profundas da pele dos malefícios dos raios solares, luz azul e da luz visível que agravam o melasma. DIFENDIOX é uma camada de proteção adicional de defesa biológica que protege a pele das manchas escuras e do fotoenvelhecimento.

biosole extreme fps99

Tenho melasma grau 4: e agora? 

Tenho melasma grau 4: e agora?

Neste texto vamos entender sobre o melasma, as características do melasma grau 4 e o tratamento ideal para esse tipo específico.

Confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Se você já tem melasma, o primeiro passo e talvez o mais importante será classificá-lo para escolher o tratamento correto, vamos entender como segundo a classificação dos graus do melasma segundo Dr. Maurizio Pupo.

O que pode causá-lo?

Dr. Maurizio Pupo acha importante frisar sempre que:

“O melasma é majoritariamente causado pelas radiações UVA e UVB do sol.”

E por isso devemos sempre fazer uso de um bom protetor solar de qualidade e adequado.

Entretanto, apesar de o melasma ocorrer por conta da exposição às radiações ultravioletas, alguns outros fatores associados a essa exposição podem agravar a superprodução de melanina causando o melasma e suas manchas escuras que aparecem na pele.

Alguns desses fatores são:

  • Uso de pílulas anticoncepcionais, condições hormonais e gravidez;
  • Predisposição genética;
  • Alimentação pobre em antioxidantes;
  • Doenças diagnosticadas da tireoide e do fígado;

No caso específico das doenças da tireóide, elas contribuem com o aparecimento do melasma por conta do desequilíbrio hormonal, já as doenças do fígado podem afetar a produção dos hormônios, o que influencia na formação das manchas do melasma.

Com essas informações então podemos compreender que o cuidado com nosso corpo e nossa saúde é tão importante quanto o uso de protetor solar para prevenção e ajuda no tratamento contra o esse problema.

Características e tratamento do melasma grau 4

Segundo a classificação do Dr. Maurizio, identificamos o melasma grau 4 como o mais grave de todos. Pois ele é uma mancha muito antiga e está visível na pele há mais de 10 anos. 

Essas manchas são grandes e escuras, surgindo em um estágio muito profundo.

Por essas manchas serem muito antigas e resistentes, as principais indicações para o tratamento do melasma grau 4 são séruns clareadores que possuem combinações exclusivas de determinados ácidos em sua formulação. 

Combinar esses produtos com um protetor solar antioxidante e clareador é uma excelente maneira de clarear manchas escuras como as de melasma, protegendo sua pele da radiação UV

Como prevenir o melasma?

protetor solar
  •  Usar protetor solar diariamente: A alta exposição ao sol sem proteção é uma das principais causas do melasma, por isso é fundamental usar protetor solar diariamente, mesmo nos dias nublados.
  • Usar dermocosméticos clareadores: Os dermocosméticos clareadores ajudam a reduzir e tratar o melasma. Não utilizar produtos clareadores pode agravar o melasma e causar outros danos à pele.
  • Se preocupar com a luz azul e visível: A luz azul e visível emitida por dispositivos eletrônicos, como smartphones e computadores, pode piorar o melasma. Isso ocorre porque essas luzes podem penetrar mais profundamente na pele e estimular a produção de melanina. Para prevenir o agravamento do melasma, recomenda-se o uso de protetor solar com ação anti-luz azul e visível.
  • Tratar outras condições de pele: Algumas condições de pele, como a acne, podem piorar o melasma. Por isso, é importante tratar todas as condições de pele em conjunto, para uma pele uniforme e radiante.
  • Evitar o estresse excessivo: O estresse pode desencadear uma série de problemas de saúde, incluindo uma piora no quadro de melasma. Tente reduzir o estresse com atividades relaxantes.
  • Manter uma alimentação equilibrada: Uma alimentação pobre em nutrientes e antioxidantes é rica em alimentos processados pode afetar negativamente a saúde da pele, incluindo o melasma. Por isso, mantenha uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes e antioxidantes, como frutas e vegetais.
  • Hidratar a pele adequadamente: A pele desidratada pode ficar mais suscetível a danos, incluindo o melasma. Por isso, hidrate a pele diariamente com produtos adequados para o seu tipo de pele. Opte por produtos sem fragrâncias e com ingredientes hidratantes, como o ácido hialurônico.

Tratamento do melasma grau 4

A Ada Tina possui diversos produtos voltados para o tratamento do melasma, inclusive para o grau 4, mostrando resultados rápidos e eficientes.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 resistente e grau 4.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Como saber se tenho melasma?

Como saber se tenho melasma?

O melasma é o nome dado às manchas resistentes que aparecem no rosto frequentemente na região das bochechas, testa e queixo. 

Vamos entender melhor no texto a seguir, confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Se você já tem melasma, o primeiro passo e talvez o mais importante será classificá-lo para escolher o tratamento correto, vamos entender como segundo a classificação dos graus do melasma segundo Dr. Maurizio Pupo.

Como identificar o meu melasma para escolher o melhor tratamento?

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

O que pode causá-lo?

Dr. Maurizio Pupo acha importante frisar sempre que:

“O melasma é majoritariamente causado pelas radiações UVA e UVB do sol.”

E por isso devemos sempre fazer uso de um bom protetor solar de qualidade e adequado.

Entretanto, apesar de o melasma ocorrer por conta da exposição às radiações ultravioletas, alguns outros fatores associados a essa exposição podem agravar a superprodução de melanina causando o melasma e suas manchas escuras que aparecem na pele.

Alguns desses fatores são:

  • Uso de pílulas anticoncepcionais, condições hormonais e gravidez;
  • Predisposição genética;
  • Alimentação pobre em antioxidantes;
  • Doenças diagnosticadas da tireoide e do fígado;

No caso específico das doenças da tireóide, elas contribuem com o aparecimento do melasma por conta do desequilíbrio hormonal, já as doenças do fígado podem afetar a produção dos hormônios, o que influencia na formação das manchas do melasma.

Com essas informações então podemos compreender que o cuidado com nosso corpo e nossa saúde é tão importante quanto o uso de protetor solar para prevenção e ajuda no tratamento contra o esse problema.

O melasma pode desaparecer?

O melasma é uma condição crônica da pele causada pela exposição solar sem proteção e pode ser prevenido e controlado.

O tratamento irá controlar essa condição, controlar a hiperpigmentação da pele fazendo assim com que as manchas escuras causadas pelo melasma desapareçam e se mantenham ocultas desde que o tratamento seja seguido e a pele protegida.

Mantendo a prevenção anti melasma com o uso de proteção solar adequada associada ao uso constante de produtos anti melasma na rotina de skincare essas manchas não tornarão a aparecer e o melasma permanecerá controlado.

Como prevenir o melasma?

protetor solar
  • Usar protetor solar diariamente – A alta exposição ao sol sem proteção é uma das principais causas do melasma, por isso é fundamental usar protetor solar diariamente, mesmo nos dias nublados.
  • Usar dermocosméticos clareadores – Os dermocosméticos clareadores ajudam a reduzir e tratar o melasma. Não utilizar produtos clareadores pode agravar o melasma e causar outros danos à pele.
  • Se preocupar com a luz azul e visível – A luz azul e visível emitida por dispositivos eletrônicos, como smartphones e computadores, pode piorar o melasma. Isso ocorre porque essas luzes podem penetrar mais profundamente na pele e estimular a produção de melanina. Para prevenir o agravamento do melasma, recomenda-se o uso de protetor solar com ação anti-luz azul e visível.
  • Tratar outras condições de pele – Algumas condições de pele, como a acne, podem piorar o melasma. Por isso, é importante tratar todas as condições de pele em conjunto, para uma pele uniforme e radiante.
  • Evitar o estresse excessivo – O estresse pode desencadear uma série de problemas de saúde, incluindo uma piora no quadro de melasma. Tente reduzir o estresse com atividades relaxantes.
  • Manter uma alimentação equilibrada – Uma alimentação pobre em nutrientes e antioxidantes e rica em alimentos processados pode afetar negativamente a saúde da pele, incluindo o melasma. Por isso, mantenha uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes e antioxidantes, como frutas e vegetais.
  • Hidratar a pele adequadamente – A pele desidratada pode ficar mais suscetível a danos, incluindo o melasma. Por isso, hidrate a pele diariamente com produtos adequados para o seu tipo de pele. Opte por produtos sem fragrâncias e com ingredientes hidratantes, como o ácido hialurônico.

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

CLARIVIS TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Descobri melasma! Como tratar?

Descobri melasma! Como tratar?

Melasma é o nome dado às manchas resistentes que aparecem no rosto frequentemente na região das bochechas, testa e queixo. 

Há tratamento, então se você acabou de descobrir o seu melasma não se desespere. 

Aqui neste texto vamos ensinar para você que descobriu melasma como tratar, o que é, como identificar e como prevenir

Confira!

Descobri melasma, quero tratar! Mas o que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Se você já tem melasma, o primeiro passo e talvez o mais importante será classificá-lo para escolher o tratamento correto, vamos entender como segundo a classificação dos graus do melasma segundo Dr. Maurizio Pupo.

Descobri melasma, quero tratar! – Identifique seu melasma para escolher o melhor tratamento!

melasma

Descobri melasma, quero tratar! Identifique seu melasma para escolher o melhor tratamento!

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

O melasma pode desaparecer?

O melasma é uma condição crônica da pele causada pela exposição solar sem proteção, o que danifica o DNA de melanócitos e nessa condição produzem mais melanina (pigmento natural da pele), surgindo assim as manchas de melasma. Essas que podem ser prevenidas e controladas.

O tratamento irá controlar essa condição, controlar a hiperpigmentação da pele fazendo assim com que as manchas escuras causadas pelo melasma desapareçam e se mantenham ocultas desde que o tratamento seja seguido e a pele protegida.

Mantendo a prevenção anti melasma com o uso de proteção solar adequada associada ao uso constante de produtos anti melasma na rotina de skincare essas manchas não tornarão a aparecer e o melasma permanecerá controlado.

Uma pele protegida possui um DNA  íntegro e não tem hiperpigmentação, por tanto não terá melasma, mas como a proteção funciona na pele?

Proteger a pele é o mais importante

Usar um bom protetor solar todos os dias é a melhor maneira de prevenir o surgimento de novas manchas, inclusive e principalmente as do melasma. Afinal, o melasma surge a partir da exposição excessiva aos raios UV do sol.

Além disso, os protetores solares clareadores com ativos antioxidantes em sua formulação, como a vitamina C e o DIFENDIOX® , uma tecnologia exclusiva Ada Tina, são capazes de clarear intensivamente as manchas escuras do melasma, além de proteger a pele contra os raios Uv do sol e a fotoestabilidade.

O uso de protetores poderosos e de tratamento intenso, associados a outros produtos clareadores como séruns e ácidos, são capazes de clarear até mesmo as manchas mais profundas, como o melasma grau 4. 

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

CLARIVIS TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Quais os melhores ácidos para clarear manchas?

Você já usou ácido para clarear a pele? Mas, quais os melhores ácidos para clarear manchas?  

Os ácidos geralmente estão nas formulações dos séruns clareadores que cada vez mais  ganham espaço na rotina skincare. Eles trazem diversos benefícios para a pele, principalmente para clarear manchas, como as do melasma.

Por isso, listamos os melhores ácidos clareadores de manchas e melasma!

Confira!

Como surgem as manchas no rosto?

A pele é muito suscetível a diferentes tipos de influências. Grande parte dela sempre recebe influência dos efeitos da natureza sofridos no dia a dia.

O clima, o vento, a poluição e principalmente, a ação do sol, na qual sua radiação tem efeito direto no aumento da produção de melanina da pele (pigmento que dá cor à pele) são os fatores que ocasionam as manchas na pele.

Muitas vezes é difícil de evitar que sua pele entre em contato com esses fatores e é por isso que frisamos a importância no tratamento da pele com séruns clareadores, além do uso do protetor solar.

O que são ácidos clareadores?

Os ácidos clareadores possuem forte capacidade de clareamento que retarda a formação excessiva de melanina na pele.

São substâncias naturais ou sintéticas que protegem as células dos radicais livres (moléculas instáveis ​​que causam danos diretos ao nosso organismo, incluindo a pele) produzidas pelo corpo.

Os ácidos vão trabalhar contra o desenvolvimento de manchas escuras já existentes, assim clareando a pele. 

Um dos mais famosos ácidos do mercado dermocosmético atual é o Ácido Ascórbico, que, além de clarear a pele, também possui efeitos anti envelhecimento, que garante firmeza e elasticidade à pele.

Como usar ácido na rotina de skincare?

Não há segredo para incorporar os ácidos em sua rotina diária de cuidados com a pele. Conforme orientação do farmacêutico especialista em cosmetologia, Dr. Maurizio Pupo, o procedimento ideal é limpar a pele como de costume e aplicar o sérum (que contenha o ácido escolhido para o seu tipo de pele) na pele limpa e seca. 

É aconselhável que os produtos que contenham ácidos sejam aplicados na pele à noite, antes de dormir. 

A aplicação posterior do protetor solar nunca deve ser esquecida, portanto, use-o diariamente para potencializar o efeito e proteger adequadamente sua pele.

Tratamento com ácido para clarear a pele

ácidos clareadores

Um dos tratamentos mais usados para o clareamento de manchas na pele é feito com ácido, algumas vezes em forma de peelings físicos, mas na grande maioria com ácidos encontrados em séruns clareadores.

Listamos abaixo os melhores ácidos para o clareamento de manchas na pele, confira:

Ácido glicólico

Encontrado em plantas açucareiras, o ácido glicólico também é conhecido como ácido hidroxiacético e é extremamente solúvel em água.

Indicado para tratamentos de cicatrizes derivadas da acne e para aparência geral da pele, pois contém propriedades de renovação celular, o que, por sua vez, vai melhorar a textura além das manchas da pele do rosto.

Aqui na Ada Tina, ele aparece na fórmula do X-Peel Glycolic Ultra Peeling, um sérum anti-idade e clareador, formulado com Tecnologia Duplo Peeling que renova, rejuvenesce intensamente e clareia manchas escuras, e assim também as do melasma, proporcionando uma pele muito mais jovem, bonita e uniforme.

Ácido Tranexâmico

O tranexâmico é uma substância sintética capaz de causar alterações na melanogênese (via de formação do pigmento castanho que em excesso causará manchas na pele do rosto).

Além disso, ele atua na inflamação da pele, ou seja, usando séruns com ácido tranexâmico, o rosto não ficará avermelhado durante o processo do tratamento.

Na linha de séruns Ada Tina encontramos este potente ativo no Clarivis TX Ultra Resist, um sérum ultra clareador.

Ácido kójico

Tem potente ação clareadora pois inibe uma enzima chamada tirosinase, que é responsável pelo processo de formação de melanina na pele.

Possui propriedades anti inflamatórias, fotoprotetoras e antibacterianas.

O ácido kójico é atóxico e no geral não causa irritações, alergias ou outros malefícios na pele.

É indicado para tratamentos anti-melasma e clareamento de manchas. Não causa alergias e não possui fotossensibilidade, assim podendo ser usado durante o dia.

Na linha de séruns Ada Tina encontramos este potente ativo no Clarivis High Potency que possui potente ação clareadora.

Ácido mandélico

Gel fluido de origem vegetal extraído de amêndoas amargas, e um alfa-hidroxiácido da família dos AHAs, o ácido mandélico é conhecido por ser um ácido menos irritativo para a pele do que outros ácidos conhecidos.

Derivado das amêndoas amargas o ácido mandélico, vem especificamente das plantas do gênero Prunus (cerejeiras, pessegueiros, ameixeiras entre outros).

Ideal para tratamentos como fotoenvelhecimento, acne e hiperpigmentação, o ácido mandélico vai potencializar a renovação da sua pele, o clareamento de manchas e, dessa forma, tratar o fotoenvelhecimento.

Na linha de séruns Ada Tina encontramos este potente ativo no X-PEEL Acne Pore Peeling, um peeling clareador antiacne em sérum.

Ácido ascórbico?

O ácido ascórbico nada mais é do que a nossa querida vitamina C pura. Mesmo sendo muito popular entre os dermocosméticos e muito querido na rotina de cuidados com a pele, muita gente ainda não tem o conhecimento sobre os incríveis benefícios deste poderoso ativo.

A vitamina C pura é a molécula de ácido ascórbico em sua forma mais básica.

O uso de vitamina C na rotina de cuidados com a pele pode trazer inúmeros benefícios como luminosidade natural, ação antioxidante e clareadora.

Um dos maiores benefícios que a Vitamina C tem para a pele é a potência clareadora de manchas, como as manchas do melasma e manchas derivadas da acne por exemplo.

Na linha de clareadores Ada Tina encontramos este potente ativo no Pure C 40 Ultra Clareador, mousse concentrado com 2 vezes mais Vitamina C Purissima e Ácido Hialurônico de Baixíssimo Peso Molecular.

Manchas na pele negra, como tratar?

Manchas na pele negra, como tratar?

Todo tipo de pele está sujeita ao aparecimento de manchas. Porém, na pele negra as manchas podem se formar com maior facilidade. Isso acontece, pois alguns fatores específicos, que, na maioria das vezes, não podem ser impedidos, mas podem ser reduzidos e evitados. 

Vamos entender melhor sobre esse assunto aqui neste texto, confira!

A pele negra realmente tem mais facilidade para formar manchas?

Manchas simples, como as da acne, são mais frequentes em todos os tipos de pele. Mas, não só na pele negra, como também em peles que se bronzeiam com maior facilidade, a tendência em formar manchas é maior.

O que pode explicar essa facilidade da pele negra em formar manchas escuras ou de outra cor mais facilmente é a quantidade de melanina produzida. 

Desta forma, qualquer tipo de lesão, inflamação ou irritação na pele geralmente vai resultar em marcas ou manchas.

Isso quer dizer que quem possui pele de fototipos mais altos precisa ter um cuidado extra ao se expor aos raios solares.

Quais são os tipos de manchas na pele negra?

As manchas que podem se formar na pele negra são diversas.Vamos conferir algumas logo abaixo.

  • Manchas da acne: as espinhas e os cravos podem deixar a pele negra com manchas de acne depois que ela desaparece. Isso acontece, pois no local onde a acne se formou ocorre uma pequena inflamação, e como vimos acima, inflamações  formam manchas em peles de fototipos mais altos. O ideal é tentar evitar espremer a área para que a situação não piore;
  • Foliculite: a foliculite geralmente deixa uma vermelhidão em peles mais claras, porém na pele negra ela pode resultar em uma pele manchada. A foliculite, como já vimos por aqui, é uma pequena infecção dos bulbos dos pelos que pode melhorar sozinha ou necessitar de tratamento, dependendo da gravidade;
  • Melasma: essa é a mancha mais comum em todos os tipos de pele. Porém, o melasma na pele negra pode ser ainda mais evidente. As manchas podem acontecer devido à exposição ao sol sem proteção adequada, e por ser uma pele com maior quantidade de melanina, a hiperpigmentação pode acontecer com maior facilidade.

Como tratar as manchas do melasma na pele negra?

Como a pele tende a escurecer naturalmente devido ao acúmulo de melanina, o tratamento incorreto pode piorar o quadro, deixando as manchas mais resistentes ainda, e é por isso que procurar ajuda especializada é necessário. 

Mas, não há necessidade para desespero, pois é possível controlar, tratar e prevenir o surgimento de novas manchas apenas com o uso de um bom protetor solar com 12hs de proteção.

Nós já falamos aqui que a pele negra não queima com facilidade quando exposta ao sol, mas isso não significa que ela não precisa de proteção, a pele negra precisa de proteção contra os raios do sol tanto quanto as peles de fototipos mais baixos.

O tratamento tópico é com certeza a melhor opção para controlar o melasma na pele. Séruns com ação clareadora e produtos com ação antioxidante oferecem benefícios tanto para manchas mais claras quanto para marcas mais escuras e persistentes. 

Produtos que tenham em sua fórmula antioxidantes, como a vitamina C, uniformizam o tom e a textura da pele. 

Além disso, a vitamina C ainda trará benefícios como uma pele mais iluminada, mais firme e prevenção contra rugas e linhas finas.

Quais cuidados a pele negra com melasma precisa ter?

Proteger a pele é o segredo?

Sim, mil vezes sim, não cansamos de frisar que a proteção solar diária é fundamental para a saúde de qualquer tipo de pele, independente do tom, a proteção solar é para todos! 

E fazer a escolha de um protetor solar de qualidade e adequado para o seu tipo de pele é o grande segredo.

Na Ada Tina temos protetores solares para todos os tipos de pele, com 12hs de proteção que vão auxiliar não só na prevenção, mas também no tratamento e clareamento da pele independente do fototipo.

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

Clarivis TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

biosole oxy

5 Melhores Protetores Solares Clareadores 

Melhores Protetores Solares Clareadores

Pensando em oferecer máxima proteção e ao mesmo tempo clareamento para a sua pele, listamos os 5 melhores protetores solares clareadores.

Confira!

Linha Biosole – melhores protetores solares clareadores

A linha Biosole da Ada Tina foi especialmente desenvolvida para proteger, tratar e auxiliar no clareamento da pele com manchas. Manchas essas como as do melasma, manchas solares, manchas escuras, manchas de acne, do fotoenvelhecimento, das rugas e do envelhecimento precoce. 

Graças à tecnologia DIFENDIOX®, exclusiva da Ada Tina, que conta com 14 polifenóis antioxidantes naturais da oliva. Uma defesa biológica capaz de proteger até mesmo as camadas mais profundas da pele dos malefícios causados pelos raios solares, luz azul e luz visível.

protetores colares clareadores

1. Biosole Oxy FPS 50

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador de manchas com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®. Desenvolvido especialmente para proteger e tratar as peles com melasma, pois atua no combate de 15 tipos de manchas.

Com eficácia antissinais e antirrugas, deixa a pele mais clara e rejuvenescida, além de conter 12 horas de proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

2. Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90

Este incrível protetor solar Biosole também protege a pele contra os malefícios da luz azul e luz visível, contra os efeitos nocivos da poluição e do ozônio. Além da radiação infravermelha, protegendo a pele da principal causa das manchas e seus fatores agravantes.

Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90 é um protetor solar anti-idade e anti-manchas solares, pois conta com poderosa tripla ação anti-melasma de DIFENDIOX®, Vitamina E+ clareadora e tecnologia Solent de 12 horas de alta proteção solar e de fotoestabilidade. O que garante maior proteção anti manchas, anti melasma e antienvelhecimento.

Rico em DIFENDIOX® assosciado à Vitamina E+ clareadora e estabilizada e à tecnologia Solent, Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90 promove uma potente ação biológica hidrolipídica contra os radicais livres. Contribuindo assim para a prevenção e tratamento de manchas da pele, inclusive o melasma. Prevenindo também o envelhecimento precoce causado pela radiação solar UVA e UVB, luz azul e luz visível.

3. Biosole Fluid FPS 90

Protetor solar fluido, Biosole Fluid FPS 90 é anti-melasma e anti-manchas com ação antioxidante, muito resistente à água e ao suor, toque seco, não oleoso e com textura leve. Também conta com 12 Horas de Proteção Solar muito alta contra as radiações UVA e UVB.

Protetor solar com DIFENDIOX® em sua formulação, tecnologia exclusiva da ADA TINA, que ajuda a prevenir e tratar as manchas da pele, inclusive as manchas de melasma grave e resistente, protegendo também o colágeno, prevenindo o envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB. Além de defender a pele dos malefícios causados pela Luz Azul e Visível.

4. Biosole BB FPS 60 

Possui toque seco oil free e de fácil espalhabilidade. Com uma textura aveludada e confortável, não deixa a pele oleosa, assegurando uma aparência perfeitamente uniforme e homogênea da pele, disfarçando as manchas escuras do rosto e imperfeições instantaneamente. Com alta proteção de manchas, capazes de proteger 155% mais contra a Luz Azul e Visível e com 12H de proteção solar, Biosole BB FPS 60 está disponível em 4 cores, sendo elas:  Bianco – Vaniglia – Miele – Noce.

Biosole BB FPS 60 especialmente desenvolvido com Difendiox® Antioxidante e Anti-Melasma, um antioxidante natural, rico em Oleuropeína e Hidroxitirosol com 14 polifenóis totais. 

Esse incrível protetor solar com cor possui potente ação antioxidante capaz de proteger a pele contra o melasma grave e resistente, manchas escuras do rosto e envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB. Combatendo assim também os malefícios da luz azul e luz visível. Além de ajudar a clarear o melasma e manchas escuras da pele deixando-a mais uniforme, iluminada, jovem e saudável.

União que clareia manchas

Quem possui manchas na pele precisa protegê-la todos os dias com um protetor solar eficaz.

É preciso proteger as áreas escurecidas pela hiperpigmentação, pois assim a produção de melanina diminui e as manchas são suavizadas.

Essa proteção complementada com a vitamina C vai auxiliar no clareamento das manchas, inclusive as do melasma. Pois como já citado várias vezes aqui no blog, a vitamina C age prevenindo a hiperpigmentação da pele por ser um antioxidante poderoso.

5. Proteja, clareie e disfarce as manchas do melasma com Biosole BB FPS 60!

Biosole BB FPS 60 possui toque seco oil free e de fácil espalhabilidade, com uma textura aveludada e confortável, não deixa a pele oleosa assegurando assim uma aparência perfeitamente uniforme e homogênea da pele. Disfarça as manchas escuras do rosto e imperfeições instantaneamente, com alta proteção das manchas, além de ser capaz de proteger 155% mais contra a Luz Azul e Visível. Biosole BB FPS 60 conta também com 12H de proteção solar.

Desenvolvido com Difendiox® Antioxidante e Anti-Melasma, assim possuindo potente ação antioxidante capaz de proteger a pele contra o melasma grave e resistente, manchas escuras do rosto. Previne também o envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB, combatendo os malefícios da luz azul e luz visível, ajudando assim a clarear o melasma e manchas escuras da pele deixando-a mais iluminada, jovem e saudável.

Esse incrível protetor solar com cor possui potente ação antioxidante capaz de proteger a pele contra o melasma grave e resistente, manchas escuras do rosto e envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB. Combatendo assim também os malefícios da luz azul e luz visível. Além de ajudar a clarear o melasma e manchas escuras da pele deixando-a mais uniforme, iluminada, jovem e saudável.

Biosole BB Cream FPS 60 é encontrado atualmente em 4 cores.

União que clareia manchas – Pure C FPS 50 também está entre os melhores protetores solares clareadores

Quem possui manchas na pele precisa protegê-la todos os dias com um protetor solar eficaz.

Ao proteger as áreas escurecidas pela hiperpigmentação, a produção de melanina diminui e as manchas são suavizadas.

Essa proteção complementada com a vitamina C vai auxiliar no clareamento das manchas, inclusive as do melasma. Pois como já citado várias vezes aqui no blog, a vitamina C age prevenindo a hiperpigmentação da pele por ser um antioxidante poderoso.

Pure C FPS 50 protetor solar com Vitamina C e Niacinamida clareadora em alta concentração. Capaz de clarear a pele do rosto com eficácia anti-idade, anti-sinais e rejuvenescedora. 

Pure C FPS 50 combate os sinais do envelhecimento da pele como manchas no rosto, melasma, rugas profundas, flacidez e perda de elasticidade da pele. Combatendo também as linhas finas e marcas de expressão deixando a pele mais clara, iluminada e uniformizada com 12 horas de alta proteção solar.

Melhores protetores solares com cor para pele com manchas

Quais os melhores protetores solares com cor para pele com manchas?

O protetor solar com cor é uma ótima opção para peles com manchas, pois ele não tem como utilidade somente proteger a pele.

Ótimo também para disfarçar as imperfeições e manchas. Além de prevenir contra os malefícios dos raios UV do sol e servindo também como um excelente substituto da base comum na maquiagem.

Para te ajudar na missão de encontrar o melhor protetor solar com cor, não deixe de ler esse texto, confira!

Por que usar protetor solar com cor?

O pigmento existente no protetor solar com cor irá criar uma barreira física contra a luz visível. Ou seja, sua pele estará mais protegida com uma camada a mais além da proteção FPS. Para pele com manchas, inclusive do melasma, o protetor solar com cor é muito indicado.

Ainda falando em manchas de  melasma, além de proteção, o protetor solar com cor traz o benefício da camuflagem da mancha de maneira suave. 

O  uso de maquiagem também é liberado por cima do protetor com cor. Você pode usá-lo como base e usar outros tipos de camada por cima, tudo vai depender do resultado esperado.

Melhores protetores solares com cor para peles com manchas

protetor solar com cor

O primeiro passo para encontrar o melhor protetor solar com cor é conhecer a sua pele, entender quais as preferências ela tem quanto a texturas, toques e até mesmo cores. 

A Ada Tina possui um amplo leque de opções de protetores solares com cor, entre texturas leves, fluídas e opções de cores que vão se encaixar perfeitamente às necessidades da sua pele. Protetores solares com cor que contam com antioxidantes naturais e ativos que vão tratar as manchas da sua pele além de protegê-la. Inclusive contra luz azul e luz visível. E que inclusive podem ser usados no lugar da base comum na hora da maquiagem diária.

Biosole BB FPS 60 

Possui toque seco oil free e de fácil espalhabilidade. Com uma textura aveludada e confortável, não deixa a pele oleosa, assegurando uma aparência perfeitamente uniforme e homogênea da pele, disfarçando as manchas escuras do rosto e imperfeições instantaneamente. Com alta proteção de manchas, capazes de proteger 155% mais contra a Luz Azul e Visível e com 12H de proteção solar, Biosole BB FPS 60 está disponível em 4 cores, sendo elas:  Bianco – Vaniglia – Miele – Noce.

Biosole BB FPS 60 especialmente desenvolvido com Difendiox® Antioxidante e Anti-Melasma, um antioxidante natural, rico em Oleuropeína e Hidroxitirosol com 14 polifenóis totais. 

Esse incrível protetor solar com cor possui potente ação antioxidante capaz de proteger a pele contra o melasma grave e resistente, manchas escuras do rosto e envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB. Combatendo assim também os malefícios da luz azul e luz visível. Além de ajudar a clarear o melasma e manchas escuras da pele deixando-a mais uniforme, iluminada, jovem e saudável.

Biosole Fluid Sun Color Defense FPS 98 

Ultra protetor solar fluido com cor que uniformiza e tonifica instantaneamente a pele. Biosole Fluid Sun Color Defense conta com uma cobertura leve e natural que ajuda a disfarçar manchas, imperfeições e irregularidades da pele. 

Biosole Fluid Sun Color Defense FPS 98 protege muito mais a pele contra manchas e melasma pois. Rico em Difendiox Antioxidante e Anti-Melasma que atua fortemente contra os malefícios da luz azul e da luz visível ajudando a clarear o melasma e as manchas escuras. Além de prevenir também rugas e marcas da pele, deixando-a mais jovem, tonificada, iluminada e saudável. Possui ainda 12 Horas de altíssima proteção solar duradoura.

Protetor solar fluido com cor e cobertura natural das manchas na pele disponível em 2 cores, Médio Claro e Médio Escuro, que se adaptam perfeitamente a cada tipo de pele disfarçando as manchas até mesmo do melasma.

Bio.Identique FPS 75

Bio.Identique FPS 75 é uma base líquida com alta cobertura anti-melasma. Possui alta duração e alta proteção solar, especialmente desenvolvida para o tratamento das peles com melasma de todos os graus e imperfeições no rosto. Disponível em 4 cores (Bianco – Vaniglia – Miele – Noce) que se adaptam perfeitamente a cada tipo de pele. Proporcionando alta cobertura de imperfeições e disfarce de manchas, inclusive as do melasma, além de proporcionar 12 horas de alta proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

Melasma Protection Plus – Base líquida que protege a pele do melasma, formulada e rica em DIFENDIOX®, ingrediente antioxidante de altíssima potência, exclusivo da ADA TINA, estudado na Università di Pisa, na Itália. Composto por 14 polifenóis da oliva, concentrado em Oleuropeína e Hidroxitirosol. Protege a pele contra os malefícios causados pela luz azul e visível, além de prevenir e tratar as manchas da pele, inclusive as de melasma grave e resistente. Protegendo também o colágeno, o DNA e prevenindo o envelhecimento da pele causado pela radiação solar UVA e UVB.

Com toque seco – por ser livre de óleo mineral – alta cobertura de imperfeições, textura ultra macia e aveludada. Base líquida que protege e ajuda a camuflar as manchas do melasma, formulada com cores que se adaptam perfeitamente à pele, uniformizando o tom da pele, deixando-a muito mais natural, tonalizada, homogênea, protegida e livre de melasma. 

Além de possuir toque seco e aveludado que não craquela na pele, de fácil espalhabilidade, perfeito para uma rotina skincare com maquiagem.

Protetor Solar sem whitecast: o que significa?

Protetor Solar sem whitecast: o que significa?

Nossos protetores solares FPS 99 chegaram cheios de benefícios, entre eles podemos contar com uma textura invisível sem efeito whitecast, mas o que significa isso?

Vamos entender no texto a seguir, confira!

O que significa whitecast?

Whitecast do que o nome que se dá para aquela camada esbranquiçada que fica sobre a pele após a aplicação de um protetor solar, principalmente nos fototipos mais altos como o 6.

Mas, por que esse efeito acontece com os protetores solares? 

Por causa da formulação dos filtros (matéria-prima conhecida por promover a proteção contra os raios UV do sol) escolhidos para compor aquele protetor específico.

FPS alto e whitecast: tem a ver?

Protetor Solar sem whitecast

Muitos acreditam que o efeito whitecast está ligado ao fator de proteção ser alto ou não, mas isso não necessariamente é real.

Hoje em dia, diante de tanta tecnologia que envolve a produção dos dermocosméticos, é sim possível chegar a um protetor solar com altíssima proteção solar sem que esse produto deixe aquela camada esbranquiçada na pele de quem estiver usando.

Um ótimo exemplo são os protetores solares FPS 99 da Ada Tina, formulados para proteger intensamente a pele que não possuem efeito whitecast na pele.

Vamos conhecê-los melhor logo abaixo.

Proteção solar FPS 99 Ada Tina: invisível na pele

normalize extreme protection FPS 99

E então, vamos incluir um Protetor Solar FPS 99 na sua rotina diária sem deixar a pele esbranquiçada? 

Normalize Extreme Protection FPS 99 e Biosole Extreme FPS 99 são perfeitos para quem busca uma proteção solar completa.

Especialmente formulados para peles oleosas e peles com manchas, respectivamente, esses protetores solares possuem textura leve, seca, não oleosa e invisível.

O mais novo lançamento da Ada Tina, Normalize Extreme Protection FPS 99 foi especialmente desenvolvido para peles oleosas.

Com altíssimo fator de proteção FPS 99 e com Tinosorb M que absorve fortemente a radiação UVA1 Longo, além de efeito de refletir e dissipar a Luz Azul com efeito “boosting”, Normalize Extreme Protection FPS 99 protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol.

Não deixa a pele esbranquiçada – Sem Whitecast

Normalize Extreme Protection FPS 99 não possui efeito whitecast, isto é, não deixa a pele com aquele efeito esbranquiçado que muitas vezes dificultam o uso para peles de fototipos mais altos.

Por ter uma textura que além de leve é também invisível, Normalize Extreme Protection FPS 99 é compatível com todos os tons de pele. Desde o fototipo 1 que são as peles mais claras extremamente sensíveis às queimaduras causadas pelos raios solares, até o fototipo 6 que são as peles negras que também precisam de proteção solar, mas encontram dificuldade de usar um protetor sem whitecast.

Especialmente formulado para peles oleosas – Textura leve e toque seco

Pensado e formulado especialmente para peles oleosas Normalize Extreme Protection  FPS 99 conta com um incrível toque seco e uma textura levíssima que não pesa na pele.

Mesmo com um fator de proteção solar (FPS) alto, esse poderoso protetor solar consegue deixar a pele sequinha quando aplicado no rosto, pois seu toque não é oleoso, não é pegajoso e não estimula a produção de sebo na pele. Sendo ideal também para as peles mistas e acneicas, pois sua formulação rica em sílicas matificantes não pesa na pele deixando-a com acabamento invisível.

12HS de muita proteção, tecnologia SOLENT®  – Exclusiva Ada Tina

Com proteção altamente duradoura, a tecnologia SOLENT® possui extrema eficácia com 12HS de proteção fotoestável contra os raios solares UV. Sua combinação sinérgica de filtros solares intensamente fotoestáveis garantem máxima proteção sem que sejam necessárias tantas reaplicações durante o dia.

Normalize Extreme Protection FPS 99 é um protetor solar especialmente desenvolvido para peles oleosas com altíssimo fator de proteção FPS 99. Protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol. 

Sua textura leve e toque seco não oleoso não pesa na pele, sendo ideal para proteção das peles mais oleosas, mistas e acneicas.

FPS 99 máximo bloqueio anti-melasma – Novo lançamento Ada Tina

O mais novo lançamento da Ada Tina, Biosole Extreme FPS 99 foi especialmente desenvolvido para o máximo bloqueio anti-melasma.

Com altíssimo fator de proteção FPS 99 e com Tinosorb M que absorve fortemente a radiação UVA1 Longo, além de efeito de refletir e dissipar a Luz Azul com efeito “boosting”. Biosole Extreme FPS 99 protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol.

Não deixa a pele esbranquiçada – Sem Whitecast

Biosole Extreme FPS 99 não possui efeito whitecast, não deixa a pele com efeito esbranquiçado que dificulta o uso para peles de fototipos mais altos.

Por ter uma textura que além de leve é também invisível, Biosole Extreme FPS 99 é compatível com todos os tons de pele, desde o fototipo 1 que são as peles mais claras extremamente sensíveis as queimaduras causadas pelos raios solares, até o fototipo 6 que são as peles negras que também precisam de proteção solar, mas encontram dificuldade de usar um protetor sem whitecast.

Biosole Extreme FPS 99 – Máximo bloqueio anti-melasma

biosole extreme fps99

Biosole Extreme FPS 99 possui altíssima proteção e máximo bloqueio anti-melasma, pois protege a pele intensamente contra os raios solares, com Tinosorb M Anti-UVA1 Longo e proteção duradoura de 12HS. 

Sua fórmula ainda é rica em antioxidantes naturais como DIFENDIOX®, tecnologia exclusiva Ada Tina, que atua inclusive contra os malefícios da luz azul bloqueando os danos causados pelo Sol, protegendo intensamente a pele das manchas escuras, do melasma, manchas solares e manchas persistentes.

Mesmo com um fator de proteção solar (FPS) alto, esse poderoso protetor solar consegue deixar a pele sequinha quando aplicado no rosto. Pois seu toque não é oleoso, não é pegajoso e não estimula a produção de sebo na pele. Sendo ideal para todos os tipos de pele.

Com proteção altamente duradoura, a tecnologia SOLENT® possui extrema eficácia com 12HS de proteção fotoestável contra os raios solares UV. Sua combinação sinérgica de filtros solares intensamente fotoestáveis garantem máxima proteção sem que sejam necessárias tantas reaplicações durante o dia.

DIFENDIOX® –  Tecnologia exclusiva Ada Tina

DIFENDIOX® é a tecnologia exclusiva da Ada Tina que conta com 14 Polifenóis Antioxidantes. Capaz de proteger até mesmo as camadas mais profundas da pele dos malefícios dos raios solares, luz azul e da luz visível que agravam o melasma. 

DIFENDIOX é uma camada de proteção adicional de defesa biológica que protege a pele das manchas escuras e do fotoenvelhecimento.

10 melhores protetores solares

Pensando em oferecer máxima proteção para a sua pele, listamos os 10 melhores protetores solares da linha Biosole da Ada Tina.

Confira!

Linha Biosole – Ada Tina

A linha Biosole da Ada Tina foi especialmente desenvolvida para proteger e tratar a pele das manchas mais persistentes. Como as do melasma, manchas solares, manchas escuras, manchas de acne, do fotoenvelhecimento, das rugas e do envelhecimento precoce. 

Graças à tecnologia DIFENDIOX®, exclusiva da Ada Tina, que conta com 14 polifenóis antioxidantes naturais da oliva. Uma defesa biológica capaz de proteger até mesmo as camadas mais profundas da pele dos malefícios causados pelos raios solares, luz azul e luz visível.

Vamos então ao top 10 da linha Biosole!

Biosole Oxy FPS 50

biosole oxy

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador de manchas com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®. Desenvolvido especialmente para proteger e tratar as peles com melasma, pois atua no combate de 15 tipos de manchas.

Com eficácia antissinais e antirrugas, deixa a pele mais clara e rejuvenescida, além de conter 12 horas de proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

Este incrível protetor solar Biosole também protege a pele contra os malefícios da luz azul e luz visível, contra os efeitos nocivos da poluição e do ozônio. Além da radiação infravermelha, protegendo a pele da principal causa das manchas e seus fatores agravantes.

Biosole Extreme FPS 99

biosole extreme

Biosole Extreme FPS 99 possui altíssima proteção e máximo bloqueio anti-melasma, pois protege a pele intensamente contra os raios solares. Com Tinosorb® M Anti-UVA1 Longo e proteção duradoura de 12HS, sua fórmula ainda é rica em antioxidantes naturais como DIFENDIOX®, tecnologia exclusiva Ada Tina. 

Protetor solar com máxima eficácia, age protegendo intensamente a pele das manchas escuras, do melasma, manchas solares e manchas persistentes.

Biosole Extreme FPS 99 é um protetor solar sem whitecast, com uma textura invisível que não deixa a pele esbranquiçada. Podendo assim ser utilizado por todos os tons de pele, desde o fototipo 1, até os fototipos mais altos como o 6.

Biosole Hyal FPS 60

biosole hyal

Biosole Hyal FPS 60 é um protetor solar com Ácido Hialurônico Hidratante e DIFENDIOX® antioxidante clareador. Juntos esses poderosos ingredientes promovem alta proteção contra o envelhecimento da pele com ação anti-idade rejuvenescedora e anti-manchas, como o melasma, capaz de combater até 12 tipos de rugas. Além ser resistente à água e ao suor.

Primeiro protetor solar elaborado 100% com Ácido Hialurônico preenchedor de baixíssimo peso molecular e também ácido hialurônico hidratante de alto peso molecular. Que atuam profundamente sobre os sinais do envelhecimento da pele, principalmente os causados pelo sol. Mantém a pele hidratada, muito mais protegida, combatendo as rugas, linhas de expressão e flacidez.

Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90

biosole e+

Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90 é um protetor solar anti-idade e anti-manchas solares, pois conta com poderosa tripla ação anti-melasma de DIFENDIOX®, Vitamina E+ clareadora e tecnologia Solent de 12 horas de alta proteção solar e de fotoestabilidade. O que garante maior proteção anti manchas, anti melasma e antienvelhecimento.

Rico em DIFENDIOX® assosciado à Vitamina E+ clareadora e estabilizada e à tecnologia Solent, Biosole E+ Ultra Vitamin FPS 90 promove uma potente ação biológica hidrolipídica contra os radicais livres. Contribuindo assim para a prevenção e tratamento de manchas da pele, inclusive o melasma. Prevenindo também o envelhecimento precoce causado pela radiação solar UVA e UVB, luz azul e luz visível.

Biosole BB Cream FPS 60 – protetor solar com cor

biosole BB

Biosole BB FPS 60 possui toque seco oil free e de fácil espalhabilidade, com uma textura aveludada e confortável, não deixa a pele oleosa assegurando assim uma aparência perfeitamente uniforme e homogênea da pele. Disfarça as manchas escuras do rosto e imperfeições instantaneamente, com alta proteção das manchas, além de ser capaz de proteger 155% mais contra a Luz Azul e Visível. Biosole BB FPS 60 conta também com 12H de proteção solar.

Desenvolvido com Difendiox® Antioxidante e Anti-Melasma, possui potente ação antioxidante capaz de proteger a pele contra o melasma grave e resistente, manchas escuras do rosto. Previne também o envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB, combatendo os malefícios da luz azul e luz visível, ajudando assim a clarear o melasma e manchas escuras da pele deixando-a mais iluminada, jovem e saudável.

Biosole BB Cream FPS 60 é encontrado atualmente em 4 cores.

Biosole Fluido FPS 90

biosole fluid

Protetor solar fluido, Biosole Fluid FPS 90 é anti-melasma e anti-manchas com ação antioxidante, muito resistente à água e ao suor, toque seco, não oleoso e com textura leve. Também conta com 12 Horas de Proteção Solar muito alta contra as radiações UVA e UVB.

Protetor solar com DIFENDIOX® em sua formulação, tecnologia exclusiva da ADA TINA, que ajuda a prevenir e tratar as manchas da pele, inclusive as manchas de melasma grave e resistente, protegendo também o colágeno, prevenindo o envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB. Além de defender a pele dos malefícios causados pela Luz Azul e Visível.

Biosole Fluid Sun Color Defense FPS 98

biosole fluid sun color

Biosole Fluid Sun Color Defense FPS 98 é um ultra protetor solar fluido com cor que uniformiza e tonifica instantaneamente a pele, pois possui cobertura leve e natural. Ajuda a disfarçar manchas, imperfeições e irregularidades da pele. 

É rico em DIFENDIOX® Antioxidante e Anti-Melasma, que atua fortemente contra os malefícios da luz azul e da luz visível, ajudando a clarear o melasma, as manchas escuras e a prevenir rugas e marcas da pele. Tudo isso com 12 horas de altíssima proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

Biosole AV FPS 50

biosole av

Biosole AV FPS 50 é um protetor solar anti-idade e antioxidante que protege o DNA e o colágeno tipo I e III da pele. Promovendo assim o aumento da firmeza da pele, redução de rugas e uma aparência muito mais jovem com toque confortável e proteção solar duradoura contra as radiações UVA, UVB e proteção solar infravermelho (calor), protegendo amplamente a pele contra o fotoenvelhecimento.

Protege o colágeno tipo 1 da pele por inibir as MMP-1, enzimas colagenases que degradam o colágeno. Além de proteger o DNA dos danos causados pelo sol e pela luz azul e luz visível, luz artificial e luz azul celular, como rugas, manchas e flacidez, deixando a pele mais jovem, iluminada, firme e protegida.

Biosole Mat FPS 50

biosole mat

Biosole Mat FPS 50 é um protetor solar para peles oleosas 7 em 1, com ação matificante, antioxidante e anti oleosidade, assim indicado para a proteção das peles oleosas e muito oleosas com toque extrasseco e controle de oleosidade durante todo o dia. Deixa a pele sequinha e muito mais protegida contra o fotoenvelhecimento, manchas escuras e oleosidade excessiva. Tudo isso com 12 horas de alta proteção solar e 12 horas de fotoestabilidade.

Contém micro sílicas secativas que controlam muito mais a oleosidade da pele, assim deixando-a sequinha e matificada. Graças à Tecnologia Sebum Resist de resistência ao sebo, promove a sensação de pele limpa e matificada durante todo o dia com resultados clinicamente comprovados.

Biosole FPS 90

biosole 90

Biosole FPS 90 é um protetor solar anti-melasma e anti-manchas, com dupla ação antioxidante de DIFENDIOX® e Vitamina E. Possui toque seco, não oleoso e textura leve, além de conter 12 horas de alta Proteção Solar contra as radiações UVA e UVB e 12 horas de fotoestabilidade, protegendo o dia todo sem reaplicação.

DIFENDIOX® – Tecnologia Exclusiva Ada Tina, o diferencial da linha Biosole

DIFENDIOX® é um antioxidante de altíssima potência, tecnologia excluisva da ADA TINA desenvolvida em parceria com a Università di Pisa, na Itália.

Composta por 14 polifenóis da oliva, concentrada em Oleuropeína e Hidroxitirosol, poderosos antioxidantes para pele que ajudam a prevenir e tratar as manchas, inclusive as manchas de melasma grave e resistente. Preserva também o colágeno, prevenindo o envelhecimento causado pela radiação solar UVA e UVB, além de defender a pele dos malefícios causados pela luz azul e visível.

Dia mundial da saúde: 5 consequências de não usar o protetor solar diariamente

Dia 05/08 é o dia mundial da saúde. Neste dia de conscientização listamos  5 consequências de não usar o protetor solar diariamente.

Independente da aparência estética, a saúde da pele é primordial! Vamos juntos entender a importância do uso diário do protetor solar.

Confira no texto abaixo!

Saúde da pele, qual a importância e consequências de usar o protetor solar diariamente?

protetor solar

Tanto para a aparência, quanto para a saúde, os raios ultravioletas do sol podem causar danos na pele que se expõe a eles sem proteção adequada.

O Brasil é um país onde os dias, mesmo no inverno, são longos. Isso implica diretamente nos efeitos que o sol causa na nossa pele durante muitas horas durante o ano todo, uma vez que os raios UV do sol ultrapassam até mesmo as nuvens em dias nublados e os vidros das janelas de lugares fechados, ou seja, estamos expostos à todo momento.

Claro que a exposição ao sol possui também o seu lado positivo, como a absorção de vitamina D que melhora a nossa absorção do cálcio, o que beneficia nossos ossos por exemplo. Além de o sol ser um dos responsáveis pela redução do risco de doenças como depressão, já que ele estimula a serotonina no cérebro (em específico a serotonina tem um trabalho relacionado aos sentimentos de satisfação e bem-estar, tais como: humor, sono, libido, ansiedade, apetite, temperatura corporal, ritmo cardíaco e sensibilidade).

Porém, esses benefícios que o sol pode nos trazer são válidos apenas quando a pele está protegida contra o raios UV, é a nossa pele que sofre os danos causados pelo lado negativo da exposição ao sol, inclusive na aparência. É por isso que o protetor solar é tão importante e essencial para todos, seu uso correto e diário impede que a radiação solar penetre na pele e cause danos como rugas, manchas e até mesmo câncer de pele. O uso do filtro solar não impede o que o sol pode nos oferecer de bom!

Vamos ver a seguir quais são as 5 consequências de não usar protetor solar diariamente. 

Câncer de pele

Existem três tipos de câncer de pele, todos causados pelos danos que a exposição ao sol sem proteção adequada proporciona ao DNA.

O tipo mais comum é o carcinoma de células basais ou basocelular, ele ocorre na epiderme, sendo assim mais superficial.

O carcinoma de células escamosas ou espinocelulares  já afeta a derme, o que significa que ele já é mais profundo. 

Já o melanoma é o tipo mais raro e também mais letal. Neste caso são os melanócitos (que dão pigmento para nossa pele) que sofrem alterações celulares, passando a ser mais produzidos em uma escala fora da normalidade.

Melasma

Essa condição é mais comum em mulheres e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Doenças cutâneas

Outras doenças além do câncer de pele surgem pelos efeitos dos raios solares na pele. 

As mais comuns é a miliária solar (bolinhas vermelhas que aparecem na área exposta ao sol sem proteção adequada), a fitofotodermatose (onde a radiação solar reage na pele à elementos como líquidos cítricos como o suco do limão, medicamentos ou até mesmo perfumes) e as fotodermatoses de origem metabólica (essas são manchas na pele desenvolvidas por  quem tem diabetes, por exemplo). 

Ceratose actínica

A ceratose actínica são lesões espessas, muitas vezes descamativas e fáceis de reconhecer pelo tato. 

Elas também são pré-cancerígenas e devem ser tratadas assim que notadas na pele. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), essas lesões podem aparecer com mais frequência no rosto, lábios, orelhas, dorso das mãos, ombros, antebraço, colo e também no couro cabeludo de pessoas com alopecia. Muitas vezes essas áreas são afetadas pelos danos solares, pois são esquecidas na hora de passar o protetor solar. 

Queimaduras

As queimaduras causadas pelo sol podem se comparar com queimaduras causadas por água fervente.

Elas podem se classificar de primeiro grau, assim causam vermelhidão e ardência, de segundo grau, onde os sintomas iniciais podem apresentar a dor e  inchaço e a queimadura de terceiro grau, além de todos os sintomas das anteriores também acrescente a formação de bolhas aos seus efeitos.

Além dos problemas de saúde que a pele pode sofrer quando exposta aos raios do sol sem proteção adequada, existe também a questão da aparência. 

Vamos ver abaixo o que nossa pele pode sofrer nesta condição.

Envelhecimento precoce

Os raios solares também causam danos à textura da pele, podendo deixá-la flácida e com rugas. O envelhecimento precoce acontece devido ao  aumento da produção de radicais livres pelos raios ultravioletas que penetram nas camadas mais profundas da pele (a derme). 

Os radicais livres causam efeitos que quebram as ligações entre o colágeno e a elastina, que são os responsáveis pela sustentação da pele, e o resultado disso é uma pele sem sustentação, sujeita a rugas, extremamente flácida, com marcas e muito envelhecida antes do tempo natural. A aparência fica cansada e a textura da pele totalmente irregular, áspera e sem viço algum. 

Proteção solar é o segredo para uma pele saudável!

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção, pele saudável e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

biosole oxy

Skincare para pele com manchas

Skincare para pele com manchas.

A pele com manchas é um dos tipos mais comuns de pele e pode ser um verdadeiro desafio mantê-la saudável.

Na tentativa de eliminar as manchas, podemos piorar a situação, e é por conta desses errinhos que resolvemos montar um guia de rotina de skincare para peles com manchas.

Confira no texto a seguir!

Como surgem as manchas na pele?

Diversos fatores podem causar as manchas na pele e as principais causas são:

  • exposição solar: a principal causa de diferentes tipos de mancha, inclusive do melasma, é a exposição solar sem proteção adequada. Os raios UV do sol danificam o DNA das células estimulando  a hiperpigmentação que causa as manchas;
  • processos inflamatórios: após o tratamento e melhora da inflamação, como a acne, a pele começa a se recuperar e, em alguns casos causa o aumento da concentração de pigmento no local onde existia a acne ou outro tipo de inflamação;
  • alterações hormonais: como no caso do cloasma, onde as alterações hormonais desencadeiam uma reação aumentando a pigmentação da pele; 
  • doenças autoimunes: doenças como o vitiligo, onde as manchas são derivadas da reação do sistema imunológico.
  • micoses: infecção causada por fungos que derivam manchas esbranquiçadas, neste caso ocorre a falta de pigmentação;

Sabendo quais são os principais fatores que causam manchas na pele, é possível descobrir qual é o seu tipo de mancha e como tratar essa condição.

É essencial manter uma rotina de skincare saudável e específica para pele com manchas, e principalmente específica para o seu tipo de mancha.

Nos casos de manchas causadas por alterações hormonais, doenças autoimunes e micoses, o ideal é procurar um profissional da área de saúde para que seja feito um acompanhamento adequado.

Listamos abaixo um passo a passo para uma rotina de cuidados com a pele com manchas, confira!

Passo a passo da skincare para peles com manchas

Limpeza 

A limpeza da pele com manchas é um passo importante na rotina de skincare, além de ser essencial para mantê-la saudável. 

Algumas dicas para a limpeza da pele com manchas inclui:

  • Lavar o rosto duas vezes ao dia, manhã e noite, com um gel de limpeza;
  • Evitar produtos com álcool;
  • Usar uma água micelar de qualidade após a limpeza da pele;
  • Sempre remover a maquiagem antes de dormir.

O gel de limpeza da Ada Tina purifica profundamente sem ressecar a pele. Com pH fisiológico e fórmula inovadora livre de sabão, Depore Concentrate é rico em Ácido Sebácico e Zinco. 

Agora, falando em água micelar, nossa indicação fica para a Compative Hyalo Micellare, uma água micelar demaquilante e purificante com 8 tipos de ácido hialurônico, capaz de limpar, equilibrar e purificar profundamente a pele.

Séruns antimanchas 

Os séruns são uma ótima opção para quem tem pele com manchas, pois possuem ingredientes poderosos como antioxidantes que oferecem resultados mais efetivos, além de  surpreendentes.

Indicados para o tratamento de problemas de pele como manchas, acne, rugas e linhas de expressão.

A aplicação de sérum deve ser feita logo após a limpeza da pele e ela precisa já estar seca. 

Para aplicar, basta colocar uma pequena quantidade na palma da mão e aplicá-lo com as pontas dos dedos suavemente na pele do rosto, pois esse veículo cosmético possui uma ótima espalhabilidade. Mas atenção, não indicamos a aplicação em excesso, por isso use exatamente o indicado na embalagem.

Além disso, é importante escolher um sérum adequado para o seu tipo de mancha, e essa escolha pode ser feita aqui na Ada Tina.

Confira abaixo nossos poderosos séruns antimanchas.

Linha Clarivis – resultados surpreendentes antimanchas

séum para pele com manchas

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso, com textura extra leve e não oleosa.

Ácido Tranexâmico

Esse ácido tem o poder de inibir a síntese de melanina, agindo de maneira diferente de outros produtos, pois atua como um anti-inflamatório. Assim ele combate as inflamações que causam manchas escuras de maneira muito eficaz e segura, sendo um excelente aliado no tratamento do melasma. Além de indicado para todos os tipos de pele. 

Clarivis High Potency, um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com tripla combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Ácido Kójico

Por tratar-se de um despigmentante natural, utiliza-se o ácido kójico em conjunto com outros ácidos e substâncias. Além disso, outra vantagem bem importante é que ele pode ser aplicado na pele tanto à noite quanto ao dia, basta lembrar de fazer a aplicação de um protetor solar Ada Tina logo em seguida.

Clarivis Nia 10, sérum clareador, antimanchas e ultra concentrado. É formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação Clarivis Nia 10 previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Niacinamida (Ácido Nicotínico)

Também conhecida como niacinamida ou vitamina B3, este composto solúvel em água é multifuncional e super versátil. Capaz de clarear manchas do melasma. É também uma potente solução contra o envelhecimento precoce, sendo um ingrediente-chave para ajudar sua pele a permanecer mais jovem por mais tempo.

Protetor solar – o segredo da peles sem manchas

O uso de protetor solar é essencial para todos os tipos de pele, e principalmente para peles com manchas. 

Aqui estão algumas dicas para escolher o protetor solar ideal para pele com manchas.

  • Escolha um protetor solar com FPS alto (50 ou mais), pois isso ajuda a proteger a pele dos danos causados pelos raios UV emitidos pelo sol.
  •  Opte por protetores solares que possuam ativos antioxidantes e clareadores; 
  • Uma boa opção são os protetores com cor, para manchas muito acentuadas a cor será uma barreira de proteção a mais, além de cobrir com efeito maquiagem. 

Escolha um protetor solar que adapte-se ao seu tipo de pele de forma eficaz para protegê-la contra os danos causados pelo sol. 

O uso regular e diário do protetor solar pode ajudar a prevenir manchas, envelhecimento precoce da pele e outros problemas relacionados à exposição solar.

Nossa dica fica para a linha Biosole da Ada Tina, que possui uma variedade de protetores solares especialmente formulados para proteger e tratar peles com manchas.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Manchas de acne

Manchas de acne, o que fazer para tratar?

Você sabia que as manchas de acne podem ser tratadas? Vamos descobrir como aqui neste texto.

Confira!

O que é acne?

A acne é uma condição causada pelo excesso na produção do sebo. Ela aparece quando os poros ficam obstruídos por células mortas, resultando assim em um acúmulo de sebo, que é o que conhecemos como cravos e espinhas, esses que surgem com maior frequência no rosto.

Não há idade certa para que a acne apareça, mas é mais comum que ela dê as caras na adolescência. Isso porque é bem nessa fase que os hormônios andrógenos e estrógenos começam a se produzir.

Mas, a acne pode ser genética?

Sim, a tendência dessa condição é a genética, é ela que define se a pele terá glândulas sebáceas que produzem mais ou menos sebo, se a pele vai produzir mais queratina do que o necessário e assim entupir os poros, ou até mesmo se terá menos lipídios para protegê-la e assim ter uma maior tendência para ser uma pele inflamada.

Mas, é importante citarmos que alguns casos podem se desenvolver por alterações hormonais ou pelo uso de determinados medicamentos.

É possível remover as manchas de acne?

A acne pode sim deixar manchas e cicatrizes na pele, e isso dependerá do grau da lesão. Porém ao contrário do que muitos pensam essas manchas ou cicatrizes podem ser tratadas e evitadas.

Essas manchas têm maior chance de aparecerem quando não há o uso diário do protetor solar.

O surgimento dessas manchas de acne tem maior chance de acontecer quando a pessoa não utiliza o protetor solar da forma correta ou manipula as espinhas.

Um dos maiores alertas para quem tem pele acneica é não espremer as lesões, pois é esse ato que intensifica a inflamação e causa infecção, muitas vezes deixando até feridas que resultam nas cicatrizes e escurecimento da pele. 

Ao invés disto, o ideal é investir em tratamento com dermocosméticos que possuam ação secativa e que reduzam a inflamação da acne.

Mas, já espremi minhas espinhas, e agora?

Muito provavelmente se você já tem esse hábito sua pele estará marcada, e é sobre essas marcas que vamos falar abaixo.

Dá para tratar e remover as manchas de acne?

O tratamento ideal para as manchas de acne com toda certeza é a prevenção, cuidados com a pele oleosa e acneica é fundamental.

No entanto, se você já possui espinhas, o ideal é recorrer a um tratamento contra a acne para evitar que o processo inflamatório gere mais manchas e cicatrizes na pele. E para isso, aposte em dermocosméticos com efeitos secativos, que reduzam a oleosidade da pele.

Como tratar manchas de acne?

Comece limpando a sua pele

GEL DE LIMPEZA PROFUNDA ACNE E PELE OLEOSA

Depore Concentrate limpa e purifica profundamente as peles oleosas, mistas e acneicas, removendo o excesso de oleosidade, contribuindo para o controle do brilho e dos poros dilatados e auxiliando no tratamento da acne e cravos.

Depois, tonifique para melhores resultados

TÔNICO FACIAL ADSTRIGENTE PELES OLEOSAS

Depore Triple Acid é um tônico adstringente com textura extra leve e não oleosa, desenvolvido especialmente para as peles oleosas, mistas e com acne, com tripla ação antioleosidade dos ácidos glicólico, mandélico e salicílico, que limpa, desengordura, equilibra e purifica profundamente a pele.

E seguida escolha um de nossos séruns para tratar as manchas e marcas da acne

sérum para Manchas de acne

ANTIACNE E ANTIOLEOSIDADE

X-PEEL Acne Pore Peeling é um peeling antiacne e anti oleosidade em sérum, formulado com uma exclusiva combinação de alfa-hidroxiácidos AHA e beta-hidroxiácidos BHA, que em sinergia, reduzem em 85% a acne, cravos, poros, oleosidade e o brilho excessivo da pele*, além de estimular a renovação celular, deixando-a livre de acne, cravos, brilho e oleosidade.

CLAREADOR ANTI-IMPERFEIÇÕES

X-PEEL Acne Pore Peeling é um potente peeling clareador de manchas de acne, pois é formulado com uma combinação ideal de AHA e BHA capazes de clarear, iluminar e uniformizar intensamente a pele, além de reduzir as imperfeições em até 95%, tornando-a pele muito mais clara, iluminada e muito mais uniforme.

CLAREADOR CONCENTRADO E ANTIMANCHAS

Clarivis Nia 10 é um sérum clareador, antimanchas, ultra concentrado e formulado com Niacinamida puríssima 10%, enriquecido com Ácido Hialurônico de baixíssimo peso molecular com agentes de permeação que garantem uma eficácia clareadora muito mais profunda.

Clarivis Nia10 é desenvolvido para previnir, tratar e clarear manchas escuras, inclusive as de melasma grau 1, reduzindo sardas, imperfeições e manchas de acne, clareando ainda as axilas, virilha e a região íntima, sendo ideal para todos os tipos de pele, até mesmo as peles oleosas e com sinais de envelhecimento, podendo ser indicado ainda como calmante para peles com rosácea.

SÉRUM ULTRA CLAREADOR

Clarivis TX é um Sérum Ultra Clareador, formulado com Tripla Tecnologia Clareadora que atua em 21 mecanismos clareadores, sendo especialmente indicado para o clareamento rápido e eficaz de manchas escuras, inclusive o melasma grau 2 e 3, além de reduzir imperfeições causadas pelo sol, olheiras e manchas de acne, melhorando em 100% a aparência geral da pele, deixando-a mais clara, iluminada e uniforme.

Proteção é o segredo – e então aplique um protetor solar para peles oleosas

ÚNICA PROTEÇÃO FPS 99 FORMULADA PARA PELES OLEOSAS

Normalize Extreme Protection FPS 99 é um protetor solar especialmente desenvolvido para peles oleosas. Com altíssimo fator de proteção FPS 99 que protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol. Com Tinosorb® M que absorve fortemente a radiação UVA1 Longo, além de efeito de refletir e dissipar a Luz Azul com efeito “boosting”. Sua textura leve e toque seco não oleoso não pesa na pele, sendo ideal para proteção das peles mais oleosas, mistas e acneicas.

TOQUE SECO NÃO OLEOSO – TEXTURA LEVE

Normalize Extreme Protection FPS 99 possui um toque seco, sedoso, não oleoso e uma textura muito leve. Ideal para as peles mais oleosas, peles mistas e acneicas, pois sua formulação rica em sílicas matificantes não pesa na pele deixando-a com acabamento invisível.

Biosole Extreme FPS 99

Protetor solar FPS 99 – novo lançamento da Ada Tina.

Com o objetivo de trazer sempre mais proteção solar aos consumidores, a ADA TINA amplia seu portfólio da linha Biosole.

FPS 99 máximo bloqueio anti-melasma – Novo lançamento Ada Tina

O mais novo lançamento da Ada Tina, Biosole Extreme FPS 99 foi especialmente desenvolvido para o máximo bloqueio anti-melasma.

Com altíssimo fator de proteção FPS 99 e com Tinosorb M que absorve fortemente a radiação UVA1 Longo, além de efeito de refletir e dissipar a Luz Azul com efeito “boosting”. Biosole Extreme FPS 99 protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo Sol.

Não deixa a pele esbranquiçada – Sem Whitecast

protetor solar biosole extreme fps 99

Biosole Extreme FPS 99 não possui efeito whitecast, não deixa a pele com efeito esbranquiçado que dificulta o uso para peles de fototipos mais altos.

Por ter uma textura que além de leve é também invisível, Biosole Extreme FPS 99 é compatível com todos os tons de pele, desde o fototipo 1 que são as peles mais claras extremamente sensíveis as queimaduras causadas pelos raios solares, até o fototipo 6 que são as peles negras que também precisam de proteção solar, mas encontram dificuldade de usar um protetor sem whitecast.

Biosole Extreme FPS 99 – Máximo bloqueio anti-melasma

Biosole Extreme FPS 99 possui altíssima proteção e máximo bloqueio anti-melasma, pois protege a pele intensamente contra os raios solares, com Tinosorb M Anti-UVA1 Longo e proteção duradoura de 12HS. 

Sua fórmula ainda é rica em antioxidantes naturais como DIFENDIOX®, tecnologia exclusiva Ada Tina, que atua inclusive contra os malefícios da luz azul bloqueando os danos causados pelo Sol, protegendo intensamente a pele das manchas escuras, do melasma, manchas solares e manchas persistentes.

Mesmo com um fator de proteção solar (FPS) alto, esse poderoso protetor solar consegue deixar a pele sequinha quando aplicado no rosto. Pois seu toque não é oleoso, não é pegajoso e não estimula a produção de sebo na pele. Sendo ideal para todos os tipos de pele.

protetor solar biosole extreme fps 99

12HS de muita proteção, tecnologia SOLENT®  – Exclusiva Ada Tina

Com proteção altamente duradoura, a tecnologia SOLENT® possui extrema eficácia com 12HS de proteção fotoestável contra os raios solares UV. Sua combinação sinérgica de filtros solares intensamente fotoestáveis garantem máxima proteção sem que sejam necessárias tantas reaplicações durante o dia.

DIFENDIOX® –  Tecnologia exclusiva Ada Tina

DIFENDIOX® é a tecnologia exclusiva da Ada Tina que conta com 14 Polifenóis Antioxidantes. Capaz de proteger até mesmo as camadas mais profundas da pele dos malefícios dos raios solares, luz azul e da luz visível que agravam o melasma. 

DIFENDIOX é uma camada de proteção adicional de defesa biológica que protege a pele das manchas escuras e do fotoenvelhecimento.

Tudo sobre melasma na pele negra

Tudo sobre melasma na pele negra.

O melasma na pele negra atinge principalmente mulheres. Caracterizado pelo surgimento de manchas escuras é comum no rosto.

Vamos entender melhor sobre essa condição no texto a seguir.

Confira!

Tudo sobre melasma na pele negra

O melasma na pele negra atinge principalmente mulheres. Caracterizado pelo surgimento de manchas escuras é comum no rosto.

A pele negra possui algumas características específicas, como a oleosidade produzida naturalmente que ameniza os sinais de envelhecimento, além disso, ela também tem menor incidência de doenças, como o câncer de pele, quando comparada aos demais fototipos.

Mas, vamos relembrar o que é melasma, para entender melhor.

Afinal, o que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Como descobrir o melasma na pele negra?

A pele negra, principalmente as de fototipo mais alto, apresentam mais concentração de melanina do que as tonalidades mais claras.

A melanina já é um pigmento amarronzado, e por isso tende a escurecer ainda mais quando exposto a inflamações como melasma, acne, alergias, entre outros e principalmente quando exposta aos raios solares sem proteção.

Assim, o primeiro passo a se tomar para identificar as manchas do melasma na pele negra é observando os sinais que a própria pele emite. Ficar de olho se as manchas que surgiram possuem formatos específicos do melasma (irregular e com limites demarcados) e principalmente nos locais que essas manchas apareceram.

Observado essa questão mais visual das manchas que pode deixar claro que sim, é um melasma, procurar um profissional de saúde (dermatologista) é o próximo passo.

Como tratar as manchas do melasma na pele negra?

Como a pele tende a escurecer naturalmente devido ao acúmulo de melanina, o tratamento incorreto pode piorar o quadro, deixando as manchas mais resistentes ainda, e é por isso que procurar ajuda especializada é necessário. 

Mas, não há necessidade para desespero, pois é possível controlar, tratar e prevenir o surgimento de novas manchas apenas com o uso de um bom protetor solar com 12hs de proteção.

Nós já falamos aqui que a pele negra não queima com facilidade quando exposta ao sol, mas isso não significa que ela não precisa de proteção, a pele negra precisa de proteção contra os raios do sol tanto quanto as peles de fototipos mais baixos.

O tratamento tópico é com certeza a melhor opção para controlar o melasma na pele. Séruns com ação clareadora e produtos com ação antioxidante oferecem benefícios tanto para manchas mais claras quanto para marcas mais escuras e persistentes. 

Produtos que tenham em sua fórmula antioxidantes, como a vitamina C, uniformizam o tom e a textura da pele. 

Além disso, a vitamina C ainda trará benefícios como uma pele mais iluminada, mais firme e prevenção contra rugas e linhas finas.

Quais cuidados a pele negra com melasma precisa ter?

Proteger a pele é o segredo?

Sim, mil vezes sim, não cansamos de frisar que a proteção solar diária é fundamental para a saúde de qualquer tipo de pele, independente do tom, a proteção solar é para todos! 

E fazer a escolha de um protetor solar de qualidade e adequado para o seu tipo de pele é o grande segredo.

Na Ada Tina temos protetores solares para todos os tipos de pele, com 12hs de proteção que vão auxiliar não só na prevenção, mas também no tratamento e clareamento da pele independente do fototipo.

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

sérum

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

Clarivis TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Protetor solar: tudo sobre a etapa de proteção

Protetor solar, será que ela pode faltar na rotina de skincare diária? Vamos descobrir juntas tudo que você precisa saber sobre a etapa de proteção nos cuidados com a pele.

Confira!

Protetor solar é essencial!

Proteção solar é essencial para a saúde da pele, mas para que exatamente serve um protetor solar?

Apesar de sua importância extrema para a saúde do nosso organismo, o sol em excesso e sem proteção é muito prejudicial para a nossa pele. Os raios UV do sol penetram profundamente na pele, causando danos ao DNA das células.

Os riscos da exposição aos raios solares podem ser crônicos e graves, desde o envelhecimento precoce, melasma, manchas escuras até o câncer de pele e doenças dermatológicas.

Esses riscos são tão graves, que o uso de proteção solar com FPS muito altos é recomendado pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Além disso, outras formas de proteção como chapéus, bonés, óculos e roupas também não faltam nas recomendações.

Mas afinal, o que é o FPS?

A sigla FPS significa: Fator de Proteção Solar.

E seu nome já nos esclarece sua função, é o fator de proteção solar que vai indicar a quantidade de tempo que a sua pele estará protegida.

Por exemplo, uma pele sensível que leva 10 minutos para ser afetada pelos raios sol UV, recebe proteção por 50 vezes mais tempo se utilizar um protetor solar com FPS 50.

O tempo estimado no cálculo acima é o necessário para a reaplicação do protetor solar na pele, quando não se usa um protetor solar com 12HS de proteção, vamos entender sobre isso logo mais.

O que são raios UV?

Os raios UV do sol (ultravioletas) são divididos em dois grupos: UVA e UVB. 

Enquanto o UVB é responsável por vermelhidão e queimaduras visíveis e dolorosas, o UVA está relacionado ao fotoenvelhecimento, ele penetra profundamente na pele.

Embora os raios UV atuem de diferentes formas, ambos podem resultar em doenças e problemas de pele, portanto,se protejam sempre!

A Sociedade Brasileira de Dermatologia considera que a proteção UVA é tão importante quanto a proteção UVB, mesmo que não seja visível aos olhos, pois é justamente por isso que ela pode ser extremamente prejudicial.

Proteção 12hs

Para trazer a máxima proteção para a pele, os protetores solares da  Ada Tina possuem tecnologia exclusiva SOLENT® com 12HS de proteção.

Mas, o que é tecnologia SOLENT®?

Exclusiva da Ada Tina, a tecnologia SOLENT assegura tripla proteção altamente duradoura para a pele. Com extrema eficácia de 12 horas contra os raios UVA,  UVB e UVA longol, a tecnologia SOLENT também possui 12 horas de fotoestabilidade, pois sua combinação sinérgica de filtros solares intensamente fotoestáveis garantem máxima proteção para a pele sem que sejam necessárias tantas reaplicações ou retoques durante o dia.

E foi pensando nisso, que a Ada Tina preparou dois lançamentos incríveis para máxima proteção da pele.

Normalize Extreme Protection e Biosole Extreme – os lançamentos FPS 99 da Ada Tina, máxima proteção para a sua pele

protetor solar

Normalize Extreme Protection FPS 99

Único protetor solar 12HS para peles oleosas e muito sensíveis ao Sol com UVA longo. Protege contra manchas escuras como melasma. Toque seco e textura invisível. Não deixa a pele esbranquiçada. Todos os tons de pele do fototipo 1 ao 6.

Especialmente desenvolvido para peles oleosas com altíssimo fator de proteção FPS 99 que protege muito mais a pele contra os malefícios causados pelo sol. Sua textura leve e toque seco não oleoso não pesa na pele, sendo ideal para proteção das peles mais oleosas, mistas e acneicas.

Com toque seco, sedoso, não oleoso e uma textura muito leve, Normalize Extreme Protection FPS 99 é ideal para as peles mais oleosas, peles mistas e acneicas, pois sua formulação rica em sílicas matificantes não pesa na pele deixando-a com acabamento invisível.

protetor solar normalize

Biosole Extreme FPS 99

Protetor solar com máximo bloqueio anti-melasma, 12HS de proteção UV e UVA longo. Previne manchas, melasma e fotoenvelhecimento. Toque seco, não oleoso, textura leve e invisível. Para todos os tons de pele, do fototipo 1 ao 6.

Biosole Extreme FPS 99 possui altíssima proteção e máximo bloqueio anti-melasma, pois protege a pele intensamente contra os raios solares, inclusive no UVA longo com proteção duradoura de 12HS. Sua fórmula ainda é rica em antioxidantes naturais como DIFENDIOX®, tecnologia exclusiva Ada Tina, que atua inclusive contra os malefícios da luz azul bloqueando os danos causados pelo Sol, protegendo intensamente a pele das manchas escuras, do melasma, manchas solares e manchas persistentes.

protetor solar biosole

UVA LONGO 12HS DE PROTEÇÃO e SEM WHITECAST – protetores solares completos

Com máximo bloqueio e proteção 12HS, inclusive no UVA longo, pois graças à tecnologia SOLENT®, exclusiva Ada Tina, esses poderosos protetores solares mantém a pele muito mais protegida de manchas, fotoenvelhecimento, rugas e imperfeições causadas pelos raios solares por muito mais tempo sem que sejam necessárias tantas reaplicações durante o dia.

Biosole Extreme FPS 99 é um protetor solar sem whitecast com uma textura invisível que não deixa a pele esbranquiçada, podendo ser utilizado por todos os tons de pele, desde o fototipo 1, até os fototipos mais altos como o 6.

Babosa tira melasma do rosto?

Babosa tira melasma do rosto?

Sabemos que essa planta é muito famosa por seus inúmeros benefícios hidratantes para pele e cabelo, mas, será que a babosa tira o melasma do rosto?

Vamos entender melhor e tirar todas as dúvidas sobre esse assunto no texto a seguir. Confira!

Afinal, o que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

O melasma é uma condição causada pela exposição aos raios UV do sol que causam danos ao DNA das células da nossa pele.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Mas, como identificar o grau do meu melasma?

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Babosa tira melasma do rosto?

babosa

A babosa é conhecida por seu efeito hidratante, mas será que ela é capaz de tirar o melasma do rosto?

Vimos acima que o melasma é uma condição causada pelos danos da exposição aos raios UV do sol, então se há uma resposta para essa pergunta é, não, a babosa não tem esse efeito na pele.

O melasma é uma mancha que surge a partir de um dano no DNA das células da pele, causado pela ação dos radicais livres. Como visto nos graus especificados pelo Dr. Maurizio Pupo, o melasma pode apresentar manchas extremamente profundas, e para tratá-las será necessário um tratamento específico.

Proteger a pele é o mais importante

Usar um bom protetor solar todos os dias é a melhor maneira de prevenir o surgimento de novas manchas, inclusive e principalmente as do melasma. Afinal, o melasma surge a partir da exposição excessiva aos raios UV do sol.

Além disso, os protetores solares clareadores com ativos antioxidantes em sua formulação, como a vitamina C e o DIFENDIOX® , uma tecnologia exclusiva Ada Tina, são capazes de clarear intensivamente as manchas escuras do melasma, além de proteger a pele contra os raios Uv do sol e a fotoestabilidade.

O uso de protetores poderosos e de tratamento intenso, associados a outros produtos clareadores como séruns e ácidos, são capazes de clarear até mesmo as manchas mais profundas, como o melasma grau 4. 

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 é um sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

CLARIVIS TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Como tirar o melasma urgente?

Como tirar o melasma urgente?

O mais importante sempre será proteger a pele, mas vamos entender melhor no texto a seguir, confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Se você já tem melasma, o primeiro passo e talvez o mais importante será classificá-lo para escolher o tratamento correto, vamos entender como segundo a classificação dos graus do melasma segundo Dr. Maurizio Pupo.

Como identificar o meu melasma para escolher o melhor tratamento?

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

O melasma pode desaparecer?

O melasma é uma condição crônica da pele causada pela exposição solar sem proteção, o que danifica o DNA de melanócitos e nessa condição produzem mais melanina (pigmento natural da pele), surgindo assim as manchas de melasma. Essas que podem ser prevenidas e controladas.

O tratamento irá controlar essa condição, controlar a hiperpigmentação da pele fazendo assim com que as manchas escuras causadas pelo melasma desapareçam e se mantenham ocultas desde que o tratamento seja seguido e a pele protegida.

Mantendo a prevenção anti melasma com o uso de proteção solar adequada associada ao uso constante de produtos anti melasma na rotina de skincare essas manchas não tornarão a aparecer e o melasma permanecerá controlado.

Uma pele protegida possui um DNA  íntegro e não tem hiperpigmentação, por tanto não terá melasma, mas como a proteção funciona na pele?

Proteger a pele é o mais importante

Usar um bom protetor solar todos os dias é a melhor maneira de prevenir o surgimento de novas manchas, inclusive e principalmente as do melasma. Afinal, o melasma surge a partir da exposição excessiva aos raios UV do sol.

Além disso, os protetores solares clareadores com ativos antioxidantes em sua formulação, como a vitamina C e o DIFENDIOX® , uma tecnologia exclusiva Ada Tina, são capazes de clarear intensivamente as manchas escuras do melasma, além de proteger a pele contra os raios Uv do sol e a fotoestabilidade.

O uso de protetores poderosos e de tratamento intenso, associados a outros produtos clareadores como séruns e ácidos, são capazes de clarear até mesmo as manchas mais profundas, como o melasma grau 4. 

Séruns da Linha Clarivis da Ada Tina, resultados surpreendentes contra o melasma

sérum

Sérum Clareador Concentrado Com Niacinamida Clarivis Nia 10

Clarivis Nia 10 sérum clareador, anti-manchas, ultra concentrado, formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação que previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Sérum Potente Clareador De Manchas E Melasma Clarivis High Potency 

Clarivis High Potency é um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com Tripla Combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Sérum Ultra Clareador Com Ácido Tranexâmico – Clarivis Tx

CLARIVIS TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive Melasma Grau 2 e Grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Sérum Clarivis Tx Ultra Resist Booster Clareador De Manchas E Melasma Resistente E Hormonal

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Biosolo Oxy FPS 50 – proteção e clareamento!

Biosole Oxy FPS 50 é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Quem tem melasma pode usar produtos com ácidos?

Quem tem melasma pode usar produtos com ácidos?

Sim, quem tem melasma deve usar produtos com ácidos, e fazendo a escolha certa as manchas do melasma podem até desaparecer.

Vamos descobrir quais são os produtos ideais com ácido para o tratamento do melasma neste texto, confira!

Quem tem melasma pode usar produtos com ácido?

Sim, quem tem melasma deve usar produtos com ácidos, e fazendo a escolha certa as manchas do melasma podem até desaparecer.

Os ácidos clareadores vêm ganhando cada vez mais espaço nos dermocosméticos, pois além de serem efetivos na  prevenção de manchas na pele, eles também são excelentes no tratamento contra o melasma. 

Mas, como saber quais são os produtos com ácidos certos para o tratamento do melasma?

Primeiramente é preciso identificar qual o grau do melasma, confira abaixo a classificação dos graus do melasma segundo o Dr. Maurizio Pupo.

Como identificar o meu melasma para escolher o melhor tratamento?

pele com melasma

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4: É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Produtos com os ácidos mais indicados para o tratamento contra o melasma!

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3, formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara em apenas 7 dias de uso*, com textura extra leve e não oleosa.

Ácido Tranexâmico

Esse ácido tem o poder de inibir a síntese de melanina, agindo de maneira diferente de outros produtos, pois atua como um anti-inflamatório. Assim ele combate as inflamações que causam manchas escuras de maneira muito eficaz e segura, sendo um excelente aliado no tratamento do melasma. Além de ser indicado para todos os tipos de pele. 

Clarivis High Potency, um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com tripla combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Ácido Kójico

Por se tratar de um despigmentante natural, o ácido kójico pode ser utilizado em conjunto com outros ácidos e substâncias. Além disso, outra vantagem bem importante é que ele pode ser aplicado na pele tanto à noite quanto ao dia, basta lembrar de fazer a aplicação de um protetor solar Ada Tina logo em seguida.

Clarivis Nia 10, sérum clareador, antimanchas e ultra concentrado. É formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação Clarivis Nia 10 previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Niacinamida (Ácido Nicotínico)

Também conhecida como niacinamida ou vitamina B3, este composto solúvel em água é multifuncional e super versátil. Capaz de clarear manchas do melasma. É também uma potente solução contra o envelhecimento precoce, sendo um ingrediente-chave para ajudar sua pele a permanecer mais jovem por mais tempo.

Qual é o melhor ácido para clarear o melasma?

Qual é o melhor ácido para clarear o melasma?

Os ácidos estão cada vez mais presentes na rotina de cuidados com a pele, agindo efetivamente em diversas áreas de tratamento de danos na pele, inclusive nas manchas causadas pelo melasma.

Vamos descobrir quais são os melhores ácidos clareadores, confira!

O que é o melasma?

O melasma é uma condição da pele causada pela exposição aos raios UV do sol sem proteção adequada.

As manchas do melasma surgem, pois ocorre uma superprodução de melanina (hiperpigmentação), caracterizada principalmente em áreas com maior exposição ao sol, como as bochechas e a testa.

Como identificar o meu melasma para escolher o melhor tratamento?

pele com melasma

A classificação dos graus do melasma de acordo com o farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo são:

Melasma grau 1: É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma grau 2: É o grau de melasma com mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma grau 3: É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4 – É o tipo mais grave de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Quais os melhores ácidos clareadores?

Os ácidos clareadores vêm ganhando cada vez mais espaço na rotina de cuidados com a pele, pois além de serem efetivos na  prevenção de manchas na pele, eles também são excelentes no tratamento de manchas como as de melasma. 

Mas, quais são os ácidos mais usados para clareamento de manchas, inclusive as do melasma?

Listamos os ácidos mais conhecidos, confira a seguir!

Ácido Ascórbico (Vitamina C) 

Esse ácido, mais conhecido como vitamina C, é um ativo solúvel em água com forte poder antioxidante, capaz de promover a síntese do colágeno e retardar a formação da melanina na pele (hiperpigmentação). Com isso, os benefícios do ácido ascórbico são diversos, tais como reduzir os danos do envelhecimento precoce, combater os radicais livres, ajudar no clareamento de manchas, inclusive as do melasma e deixar a pele mais iluminada e mais radiante.

Na linha de séruns da Ada Tina você pode encontrar o ácido ascórbico no PURE C 20 Sérum, um sérum clareador e anti-idade. Formulado para o tratamento e clareamento de melasma grau 3, manchas escuras e manchas solares. Além de tratar e reduzir as rugas profundas, rejuvenescer, aumentar a firmeza e a elasticidade da pele.

Ácido Tranexâmico

Esse ácido tem o poder de inibir a síntese de melanina, agindo de maneira diferente de outros produtos, pois atua como um anti-inflamatório. Assim ele combate as inflamações que causam manchas escuras de maneira muito eficaz e segura, sendo um excelente aliado no tratamento do melasma. Além de ser indicado para todos os tipos de pele. 

Na linha de séruns da Ada Tina você pode encontrar o ácido tranexâmico no CLARIVIS TX é um Sérum Ultra Clareador com Tripla Ação Clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin. É indicado para clarear manchas escuras da pele, inclusive melasma grau 2 e grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Ácido Kójico

Por se tratar de um despigmentante natural, o ácido kójico pode ser utilizado em conjunto com outros ácidos e substâncias. Além disso, outra vantagem bem importante é que ele pode ser aplicado na pele tanto à noite quanto ao dia, basta lembrar de fazer a aplicação de um protetor solar Ada Tina logo em seguida.

Na linha de séruns da Ada Tina você pode encontrar o ácido kójico no Clarivis High Potency, um sérum com alta potência clareadora e iluminadora, formulado com tripla combinação exclusiva de ácidos clareadores concentrados em 14,82%, que clareiam intensamente as manchas escuras, incluindo o melasma grau 3 e grau 4.

Ácido Glicólico

Um poderoso clareador, que além de clarear as manchas na pele, age prevenindo o surgimento de novas manchas. Possui capacidade de promover o rejuvenescimento da pele através de sua ação de renovação celular. 

Na linha de séruns da Ada Tina você pode encontrar o ácido glicólico no X-Peel Glycolic Ultra Peeling , um sérum anti-idade e clareador, formulado com Tecnologia Duplo Peeling. Esse poderoso sérum renova, rejuvenesce intensamente e clareia manchas escuras, inclusive o melasma, proporcionando uma pele muito mais jovem, bonita e uniforme.

Niacinamida (Ácido Nicotínico)

Também conhecida como niacinamida ou vitamina B3, este composto solúvel em água é multifuncional e super versátil. Capaz de clarear manchas inclusive as  do melasma. É também uma potente solução contra o envelhecimento precoce, sendo um ingrediente-chave para ajudar sua pele a permanecer mais jovem por mais tempo.

Na linha de séruns da Ada Tina você pode encontrar o ácido nicotínico no Clarivis Nia 10, sérum clareador, antimanchas e ultra concentrado. Formulado com Niacinamida Pura 10% + Ácido Hialurônico. Rico em agentes de permeação Clarivis Nia 10 previne, trata e clareia manchas escuras, melasma grau 1, sardas, imperfeições e manchas de acne.

Por que meu melasma não melhora?

Por que meu melasma não melhora?

Alguns erros comuns são cometidos no tratamento contra o melasma que retardam o resultado esperado.

Vamos entender quais são esses erros neste texto.

Confira!

Como prevenir o melasma?

Como já dissemos várias vezes aqui, o melasma é uma condição crônica da pele e isso exige uma atenção contínua e persistente.

Evitar a exposição aos raios UV (UVA e UVB), transmitidos pela luz do sol principalmente e por fontes indiretas como as fontes de luz visível é o grande segredo da prevenção contra o melasma.

São os raios UVA que danificam as camadas mais profundas da pele, assim, eles se tornam o maior fator de risco para o aparecimento e escurecimento de manchas como as do melasma, o envelhecimento precoce e o câncer de pele.

Já os raios UVB provocam a vermelhidão e sensação de ardência na pele quando exposta ao sol sem proteção adequada, pois eles penetram na superfície da pele causando queimaduras. Os raios UVB também podem causar câncer de pele.

Qual o tratamento adequado para melasma?

O tratamento será indicado de acordo com o grau, com a pigmentação da mancha, com o quanto ela está intensa ou não, mas, falando de um modo geral, proteger-se dos raios solares e da luz visível é o primeiro passo para evitar o surgimento ou o aumento das manchas do melasma.

Falando em produtos, os clareadores são muito indicados para o tratamento contra o melasma. A Ada Tina possui diversas opções para a prevenção e tratamento contra todos os graus do melasma.

Por que meu melasma não melhora?

É de extrema importância que quem tem melasma faça o uso  adequado e ideal do protetor solar.

Aplicar diariamente não quer dizer que está se protegendo de verdade! A grande maioria dos protetores solares possuem eficácia de proteção apenas por uma ou duas horas, após esse período se não houver a reaplicação, você não estará protegida.

A luz visível e a luz azul também podem causar melasma e escurecer as manchas existentes na pele, mesmo que não podemos vê-las e senti-las.

A grande maioria das pessoas que sofrem com melasma se preocupam em proteger apenas a pele, mas esquecem da exposição à luz visível, luz azul e à radiação infravermelho que também estimulam os melanócitos a produzirem melanina e acreditam que qualquer protetor solar possa fazer essa proteção extra na pele. 

A produção de melanina também aumenta através das agressões externas.

Uma rotina skincare focada especialmente no melasma faz total diferença. É ela quem te dá controle da situação, o protocolo é o segredo para uma pele livre de manchas.

Qual o protocolo ideal de tratamento contra o melas

produto antilemasma

O tratamento do melasma necessita de carinho e atenção, uma vez que a pele encontra-se mais sensibilizada devido à condição. Pois ao contrario disso o melasma pode vir a piorar.

O protocolo ideal será sempre a escolha de um produto bom e ideal, a persistência no hábito da rotina de cuidados com a pele e também a comparação de resultados.

Dica de skincare antimelasma

Para resultados surpreendentes o uso de um produto de qualidade é essencial, e a Ada Tina possui uma linha de clareadores capazes de clarear, iluminar e tratar o melasma profundamente.

Um excelente protocolo de skincare antimelasma é:

  • Compative Hyalo Micellare é uma água micelar demaquilante e purificante com 8 tipos de ácido hialurônico anti-idade e textura não oleosa. Que remove a maquiagem e os resíduos do dia a dia, além de limpar, purificar, refrescar, equilibrar e tratar a pele em profundidade.
  • Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara, com textura extra leve e não oleosa. Clarivis TX Ultra Resist é capaz de clarear também o melasma hormonal.
  • Biosole Oxy FPS 50  é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®. Que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

O que faz o melasma voltar?

O que faz o melasma voltar?

Melasma é o nome dado às manchas resistentes que aparecem no rosto frequentemente na região das bochechas, testa e queixo. 

Há tratamento, mas o que faz o melasma voltar?

Vamos entender aqui neste texto.

Confira!

O que é melasma?

Primeiramente vamos entender o que é o melasma.

Já falamos bastante aqui sobre esse assunto, mas, vamos relembrar rapidamente que o melasma atinge principalmente mulheres com fototipos III, IV e V.

Essa condição é comum e causa manchas escuras na pele derivadas de uma hiperpigmentação que libera mais melanina  que o normal. 

Melanina é um tipo de proteína que garante a coloração da pele e evita naturalmente os danos da radiação UV no DNA.

Essa hiperpigmentação resulta em formação de manchas castanhas (claras e escuras) ou marrom mais acinzentadas com formato irregular e limites demarcados.

O melasma aparece especificamente no rosto, atingindo geralmente a área das bochechas, testa, lábio superior e queixo. O tamanho das manchas do melasma podem variar, mas alguns chegam a tomar a face por completo.

Melasma é uma condição crônica e relapsa da pele.

Sintomas do melasma e o que ele pode causar

Acima de tudo é preciso frisar que o melasma é uma condição dermatológica e de carácter estético, nenhum risco ou problema de saúde está associado ao melasma, porém o aparecimento de manchas escuras no rosto, exerce um efeito negativo sobre a autoestima e a qualidade de vida das mulheres portadoras do melasma.

É comum essa condição antiestética agir como um bloqueio para os relacionamentos afetivos e sociais.

A alteração na aparência da pele pode interferir no desempenho pessoal e profissional, afastando as mulheres dos ambientes que antes frequentavam normalmente e de pessoas mais próximas.

O principal sintoma do melasma é o escurecimento das áreas mais altas da pele do rosto, deixando a pele com um aspecto mais envelhecido. 

A intensidade da coloração, entre clara e escura vai variar de acordo com o tom e a quantidade de melanina acumulada na pele, o formato será sempre irregular e normalmente simétrico, iguais em ambas as faces.

Qual o tratamento adequado para melasma?

Já vimos por aqui que o melasma possui diferentes graus conforme a classificação do Dr. Maurizio Pupo, e será de acordo com esse diagnóstico do grau já averiguado que vamos descobrir qual tratamento adequado deve ser executado.

O tratamento será indicado de acordo com o grau, com a pigmentação da mancha, com o quanto ela está intensa ou não, mas, falando de um modo geral, proteger-se dos raios solares e da luz visível é o primeiro passo para evitar o surgimento ou o aumento das manchas do melasma.

Falando em produtos, os clareadores são os mais indicados para o tratamento. A Ada Tina possui diversas opções para a prevenção e tratamento contra todos os tipos de manchas e graus do melasma.

Mas, o que faz o melasma voltar?

As manchas podem voltar à pele depois de algum tempo se não houver continuidade no tratamento e se houver exposição aos raios solares sem proteção adequada. 

O fato mais importante é evitar a exposição solar!

Como se proteger dos raios UV e evitar o melasma?

protetor solar antimelasma

Falando de prevenção, um bom protetor solar sempre será a melhor opção contra as manchas indesejadas na pele, inclusive e principalmente as do melasma.

A proteção contra os raios solares deve ser diária e constante! É ela quem vai proteger a pele e prevenir o aparecimento de manchas na pele, além de evitar queimaduras e o próprio câncer de pele.

Biosole Oxy FPS 50  é um protetor solar clareador e antioxidante com Vitamina C, Niacinamida e DIFENDIOX®, que combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, 12 horas de Proteção Solar, 12 horas de fotoestabilidade e 24 horas de Proteção Anti-Melasma.

Como evitar que o melasma se agrave e se espalhe?

Como evitar que o melasma se agrave e se espalhe?

O melasma é uma condição de pele que afeta muitas pessoas, principalmente as mulheres.

O melasma se caracteriza por manchas escuras em áreas específicas do rosto, como bochechas e testa. 

Existem alguns erros comuns que muitas pessoas cometem e que podem agravar o melasma. 

Vamos entender neste texto, confira!

O que é melasma?

O melasma é uma condição cutânea que afeta especialmente as mulheres, gerando manchas escuras na pele do rosto que surgem principalmente nas bochechas e na testa. 

O melasma é causado pela alta exposição solar sem a devida proteção ao longo dos anos, propiciando com que a radiação UV emitida pelo sol penetre profundamente na pele e estimule a produção de melanina (pigmento que dá cor à pele), ocasionando no surgimento dessas manchas.

Nas palavras do farmacêutico especialista em cosmetologia, Dr. Maurizio Pupo: “O Brasil é um país tropical. Ele recebe uma quantidade de sol muitas vezes maior do que os países de clima temperado, é o chamado índice ultravioleta. Quem vive no Brasil é diariamente exposto a essa grande quantidade de radiação, causando danos cumulativos na pele. Esses problemas cutâneos são causados, ou pela falta de uso do protetor solar, ou porque usam produtos de má qualidade ”, conta o especialista.

Mas, como evitar que o melasma se agrave ou se espalhe?

protetor solar
  • Usar protetor solar diariamente – A alta exposição ao sol sem proteção é uma das principais causas do melasma, por isso é fundamental usar protetor solar diariamente, mesmo nos dias nublados.
  • Usar dermocosméticos clareadores – Os dermocosméticos clareadores ajudam a reduzir e tratar o melasma. Não utilizar produtos clareadores pode agravar o melasma e causar outros danos à pele.
  • Se preocupar com a luz azul e visível – A luz azul e visível emitida por dispositivos eletrônicos, como smartphones e computadores, pode piorar o melasma. Isso ocorre porque essas luzes podem penetrar mais profundamente na pele e estimular a produção de melanina. Para prevenir o agravamento do melasma, recomenda-se o uso de protetor solar com ação anti-luz azul e visível.
  • Tratar outras condições de pele – Algumas condições de pele, como a acne, podem piorar o melasma. Por isso, é importante tratar todas as condições de pele em conjunto, para uma pele uniforme e radiante.
  • Evitar o estresse excessivo – O estresse pode desencadear uma série de problemas de saúde, incluindo uma piora no quadro de melasma. Tente reduzir o estresse com atividades relaxantes.
  • Manter uma alimentação equilibrada – Uma alimentação pobre em nutrientes e antioxidantes e rica em alimentos processados pode afetar negativamente a saúde da pele, incluindo o melasma. Por isso, mantenha uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes e antioxidantes, como frutas e vegetais.
  • Hidratar a pele adequadamente – A pele desidratada pode ficar mais suscetível a danos, incluindo o melasma. Por isso, hidrate a pele diariamente com produtos adequados para o seu tipo de pele. Opte por produtos sem fragrâncias e com ingredientes hidratantes, como o ácido hialurônico.

Melhores produtos para o tratamento do melasma

A Ada Tina possui vários produtos para o tratamento do melasma. O uso do sérum combinado com o protetor solar é uma ótima forma de clarear manchas escuras e proteger nossa pele contra a radiação UV, prevenindo assim as manchas na pele.

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara, com textura extra leve e não oleosa.

Clarivis TX Ultra Resist é capaz de clarear também o melasma hormonal.

clarivis tx ultra resist

Manchas na pele – Qual hormônio pode piorar o melasma?

O melasma hormonal pode acontecer durante a gravidez e através do uso de anticoncepcionais, devido à alteração hormonal que ocorre nestes períodos.

Melasma hormonal, como identificar?

O melasma hormonal pode acontecer durante a gravidez e através do uso de anticoncepcionais, devido à alteração hormonal que ocorre nestes períodos.

O melasma é caracterizado por manchas de tom marrom na pele, resultado de uma hiperpigmentação que ocorre devido ao aumento de pigmento que dá cor à pele, a melanina.

Essas manchas podem ser mais claras ou mais escuras dependendo do grau diagnosticado do melasma (grau 1, 2, 3 ou 4).

O melasma é uma condição crônica e repetitiva. As manchas do melasma possuem formato irregular e limites demarcados, aparecendo na pele do rosto geralmente na bochecha, nariz, testa e queixo.

Qual hormônio pode piorar o melasma?

Sabemos que o melasma é mais comum em mulheres e muitas vezes pode surgir na gravidez, e é justamente nesse período que ele assume o nome de cloasma.

O cloasma surge pelo aumento de hormônios estrógeno, e aparece apenas se o DNA estiver lesionado pela radiação solar.

Mas e com os anticoncepcionais, como o melasma aparece?

Esses alteram os níveis hormonais para controlar a ovulação, aumentando assim os níveis de progesterona e estrogênio que influenciam diretamente na produção de melanina.

O estrógeno estimula a proliferação de melanócitos, aumentando o conteúdo de melanina

enquanto a progesterona diminui essa produção.

Essa proliferação de melanócitos levará ao agravo do melasma já existente devido à danos causados ao DNA pela radiação solar.

O melasma tem cura?

O melasma pode ser prevenido e controlado!

Existem dois princípios fundamentais no tratamento do melasma: clarear a mancha já existente e inibir os danos da luz solar na pele. 

Para isso, existem séruns anti-melasma, poderosos clareadores essenciais contra esse tipo de mancha, devido ao seu efeito inibidor na síntese de melanina. 

Os séruns da Ada Tina clareiam manchas escuras no rosto, incluindo todos os graus de melasma, além de manchas de acne e manchas de sol.

O tratamento controla a hiperpigmentação da pele fazendo assim com que as manchas escuras causadas pelo melasma desapareçam e se mantenham ocultas através do tratamento e da pele protegida.

Mantendo a prevenção anti melasma com o uso de proteção solar adequada associada ao uso constante de produtos anti melasma na rotina de skincare essas manchas não tornarão a aparecer e o melasma permanecerá controlado.

Quais os tipos de melasma?

melasma

Aqui está a classificação dos graus de melasma pelo farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo: 

Melasma Grau 1 – É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, e com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma Grau 2 – Esse grau de melasma possui mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma Grau 3 – É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4 – É o mais grave grau de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Dessa maneira, podemos entender os vários estágios em que o melasma pode surgir e se desenvolver, para que todos possam identificar quais estão presentes na pele e tratá-los de maneira eficaz.

Melhores produtos para o tratamento do melasma

A Ada Tina possui vários produtos para o tratamento do melasma. O uso do sérum combinado com o protetor solar é uma ótima forma de clarear manchas escuras e proteger nossa pele contra a radiação UV, prevenindo assim as manchas na pele.

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara, com textura extra leve e não oleosa.

Clarivis TX Ultra Resist é capaz de clarear também o melasma hormonal.

Manchas na pele – Melasma hormonal tem cura?

Até 70% das mulheres são afetadas pelo Melasma hormonal!

Muitas são as dúvidas sobre o melasma, muitas pessoas não sabem quais são suas causas, se as manchas ocasionadas por ele amenizam ou desaparecem, quais produtos usar, se existe mais de um tipo de melasma.

Aqui vamos esclarecer todas essas questões e indicar produtos Ada Tina que vão entregar ótimos resultados no seu processo de tratamento contra o melasma e na sua prevenção.

Confira!

O que é melasma e o que pode causá-lo?

Como já vimos por aqui, e é bom relembrar, o melasma é uma condição comum que afeta principalmente mulheres. O melasma é a superprodução de melanina que ocorre devido a hipertrofia das células responsáveis por sua produção, o Dr. Maurizio Pupo acha importante frisar sempre que:

“O melasma é majoritariamente causado pelas radiações UVA e UVB do sol.”

E por isso devemos sempre fazer uso de um bom protetor solar de qualidade e adequado.

Entretanto, apesar de o melasma ocorrer por conta da exposição às radiações ultravioletas, alguns outros fatores associados a essa exposição podem agravar a superprodução de melanina causando o melasma e suas manchas escuras que aparecem na pele.

Fatores que podem agravar o melasma:

  • Condições hormonais;
  • Uso de pílulas anticoncepcionais;
  • Gravidez;
  • Predisposição genética;
  • Alimentação pobre em antioxidantes;
  • Doenças diagnosticadas da tireoide e do fígado

No caso específico das doenças da tireóide, elas contribuem com com o aparecimento do melasma por conta do desequilíbrio hormonal, já as doenças do fígado podem afetar a produção dos hormônios, o que influencia na formação das manchas do melasma.

Com essas informações então podemos compreender que o cuidado com nosso corpo e nossa saúde é tão importante quanto o uso de protetor solar para prevenção e ajuda no tratamento contra o esse problema.

Melasma hormonal, como identificar?

melasma hormonal na gravidez

O melasma hormonal pode acontecer durante a gravidez e através do uso de anticoncepcionais, devido à alteração hormonal que ocorre nestes períodos.

O melasma é caracterizado por manchas de tom marrom na pele, resultado de uma hiperpigmentação que ocorre devido ao aumento de pigmento que dá cor à pele, a melanina.

Essas manchas podem ser mais claras ou mais escuras dependendo do grau diagnosticado do melasma (grau 1, 2, 3 ou 4).

O melasma é uma condição crônica e repetitiva. As manchas do melasma possuem formato irregular e limites demarcados, aparecendo na pele do rosto geralmente na bochecha, nariz, testa e queixo.

Sabemos que o melasma é mais comum em mulheres e muitas vezes pode surgir na gravidez, e é justamente nesse período que ele assume o nome de cloasma.

O cloasma surge pelo aumento de hormônios estrógeno, e aparece apenas se o DNA estiver lesionado pela radiação solar.

Mas e com os anticoncepcionais, como o melasma aparece?

Esses alteram os níveis hormonais para controlar a ovulação, aumentando assim os níveis de progesterona e estrogênio que influenciam diretamente na produção de melanina.

O estrógeno estimula a proliferação de melanócitos, aumentando o conteúdo de melanina

enquanto a progesterona diminui essa produção.

Essa proliferação de melanócitos levará ao agravo do melasma já existente devido à danos causados ao DNA pela radiação solar.

O melasma tem cura?

Condição crônica da pele causada pela exposição solar sem proteção e pode ser prevenido e controlado sim.

Existem dois princípios fundamentais no tratamento do melasma: clarear a mancha já existente e inibir os danos da luz solar na pele. 

Para isso, existem séruns anti-melasma, poderosos clareadores essenciais contra esse tipo de mancha, devido ao seu efeito inibidor na síntese de melanina. 

Os séruns da Ada Tina clareiam manchas escuras no rosto, incluindo todos os graus de melasma, além de manchas de acne e manchas de sol.

O tratamento controla a hiperpigmentação da pele, assim as manchas escuras causadas pelo melasma desapareçam e se mantêm ocultas. Para isso o tratamento precisa de constância e a pele protegida.

Mantendo a prevenção anti melasma com o uso de proteção solar adequada associada ao uso constante de produtos anti melasma na rotina de skincare essas manchas não tornarão a aparecer e o melasma permanecerá controlado.

Quais os tipos de melasma?

Aqui está a classificação dos graus de melasma pelo farmacêutico especialista em cosmetologia Dr. Maurizio Pupo: 

Melasma Grau 1 – É o melasma mais recente, com menos de 1 ano, e com manchas ainda claras e menos profundas e que necessita de tratamento rápido para não evoluir para os graus mais graves. Também chamado de melasma epidérmico, pois as manchas estão localizadas nas camadas mais superficiais da pele.

Melasma Grau 2 – Esse grau de melasma possui mais de 1 ano, com manchas bem visíveis e mais escurecidas e que já não responde bem aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma misto, pois as manchas se localizam nas camadas superficiais e médias da pele.

Melasma Grau 3 – É o tipo de melasma com mais de 5 anos, antigo, persistente e com manchas profundas e resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico, pois as manchas escuras já se localizam na camada mais profunda da pele.

Melasma Grau 4 – É o mais grave grau de melasma, com mais de 10 anos, muito antigo, muito persistente e com manchas muito profundas e muito resistentes aos tratamentos comuns. Também chamado de melasma dérmico grave pois as manchas escuras já se encontram nas camadas mais profundas da pele com grandes depósitos de melanina.

Dessa maneira, podemos entender os vários estágios em que o melasma pode surgir e se desenvolver, para que todos possam identificar quais estão presentes na pele e tratá-los de maneira eficaz.

Melhores produtos para o tratamento do melasma

A Ada Tina possui vários produtos para o tratamento do melasma. O uso do sérum combinado com o protetor solar é uma ótima forma de clarear manchas escuras e proteger nossa pele contra a radiação UV, prevenindo assim as manchas na pele.

Clarivis TX Ultra Resist é um sérum ultra clareador especialmente indicado para o clareamento das manchas mais resistentes, como o melasma grau 2 e 3. Formulado com Tranexamic Complex 15% e Niacinamida Clareadora, capaz de deixar a pele mais clara, com textura extra leve e não oleosa.

Clarivis TX Ultra Resist é capaz de clarear também o melasma hormonal.

clarivis tx ultra resist