Melasma

ANTICONCEPCIONAL CAUSA MELASMA?

Quando as mulheres atingem uma certa idade, começam a se preocupar com o surgimento de manchas em seus rostos. Além do aspecto estético, o melasma está ligado ao sistema hormonal, o que muitas vezes nos faz perguntar se a pílula anticoncepcional podem causar essas manchas. Hoje você vai descobrir se esse contraceptivo pode causar ou agravar o melasma, confira!

Anticoncepcional causa melasma?

O que é melasma?

O melasma é uma condição de pele caracterizada pela formação de manchas escuras no rosto, resultante da produção excessiva de melanina, surgindo como resultado da exposição excessiva às altas radiações ultravioletas, sem a devida proteção da pele ao longo dos anos. Entretanto, também estão ligadas à atividade hormonal, como por exemplo na gravidez, quando ocorre uma intensa alteração nos hormônios. O melasma de gravidez é conhecido como cloasma.

Hormônios, gravidez e o melasma

Os hormônios são essenciais para regular muitas funções em nossos corpos. Segundo o farmacêutico e especialista em cosmetologia, Dr. Maurizio Pupo, a preocupação com a saúde da pele só deve existir quando não há uma rotina de cuidados com a pele, independente dos níveis hormonais:

“Quando há um aumento nos níveis hormonais femininos, principalmente o estrogênio, existe um aumento e estímulo na produção de melanina, pigmento de cor escura que causa o melasma e as manchas de sol. Essa situação é muito comum na gravidez, por exemplo. Quando a mulher não tem dano solar acumulado, no caso dos países não tropicais, a gravidez não resulta em manchas na pele, pois não existe um dano estabelecido e acumulado previamente”, afirma o Dr. Pupo.

Anticoncepcional causa melasma?

Como os hormônios desempenham um papel importante no desenvolvimento do melasma, muitas mulheres se perguntam se as pílulas anticoncepcionais podem antecipar esse processo. De acordo com o Dr. Maurizio Pupo, a resposta é não: “A dose hormonal de contraceptivos é muito baixa e quase nula em relação ao hormônio que estimula a produção de melanina”, relatou o especialista.

Existe também o fator climático, que atinge os países tropicais como o Brasil, onde o indíce de radiação ultravioleta é alto, durante boa parte do ano, fazendo com que a exposição às radiações solares sejam ainda maiores, implicando na necessidade de um alto cuidado com a pele:

“No Brasil, quando as mulheres chegam na idade de usar o anticoncepcional, a pele já está bastante danificada pelo sol em que foi submetida desde criança. O resultado é o aumento dos níveis hormonais femininos, que agrava e estimula o melanócito a produzir melanina, tornando as manchas salientes e bastante escurecidas”, concluiu o cosmetologista.

Produtos para o tratamento do melasma

A Ada Tina possui diversos produtos para o tratamento do melasma. Os séruns associados a filtros solares são um ótimo meio de clarear as manchas escuras e se proteger contra a radiação solar simultaneamente, prevenindo futuros melasmas.

Para garantir a proteção solar e clarear a pele, o Biosole Oxy FPS 50 combate 15 tipos de manchas e possui textura leve, toque seco, além de conter 12 horas de proteção solar e 24 horas de proteção anti-melasma.

Biosole Oxy FPS 50

O Clarivis TX é um Sérum Ultra Clareador com tripla ação clareadora formulado com Ácido Tranexâmico, Niacinamida e Alfa-Arbutin, indicado para clarear manchas escuras da pele inclusive melasma grau 2 e grau 3, além de manchas de acne e manchas de sol.

Clarivis TX

+ Clique aqui e descubra o que é o efeito rebote do melasma e como evitá-lo!

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.